O Artista (The Artist)

Cinema segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012 – 5 comentários

 Hollywood, década de 20. George Valentin é uma grande estrela de cinema que se preocupa com o futuro de sua carreira, já que com a chegada do cinema falado, ela pode ir por água abaixo. E enquanto isso, ele se apaixona por Peppy Miller, uma jovem dançarina que busca o sucesso.

Uma péssima sinopse para um filme tão bom. Melhor do que mil palavras, O Artista se destaca apenas por ser o filme certo na hora certa. Em 1928, com certeza não seria o momento certo para lançar um filme mudo. Naquele ano foi lançado o primeiro filme falado, O cantor de Jazz. E depois disso, todos os grandes deuses do cinema foram desaparecendo, subitamente. A única exceção foi Charlie Chaplin, o maior de todos e talvez o único realmente merecedor da alcunha de gênio do cinema. Este filme foi feito para todos os fãs de grandes artistas como Chaplin foi. Os filmes falados varreram para debaixo do tapete toda uma constelação de estrelas que se baseavam em caretas para nos dizer o que os roteiristas queriam. “Naquela época nós não precisávamos de diálogos. Nós tínhamos rostos.”, teriam dito, da mesma forma que o galã George Valentin diria em sua defesa. Os rostos que comandavam a era de prata do cinema normalmente não tinham sequer uma pronúncia ou um sotaque adequados (A xenofobia era assumidamente muito maior naqueles anos) e alguns simplesmente se recusavam a falar nos filmes. Foi o crepúsculo de muitos artistas. É exatamente sobre este período que o diretor francês Michael Hazanavicius deseja nos falar em O Artista. Ou melhor, não falar! continue lendo »

A Bela e a Fera outra vez

Cinema sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012 – 1 comentário

E aí, é 2012, fim do mundo se aproximando, aquele caos desse bendito Carnaval que parece nunca ter fim, mesmo depois que acaba, e o mundo do faz de conta e do “felizes para sempre” ressuscita um clássico: A Bela e a Fera. Mas, com um detalhezinho: Em 3D. Isso aí: A Disney pegou um dos desenhos mais clássicos e queridos pelas meninas de vinte e poucos anos que assistiram o desenho quando eram meninas mesmo, e trouxe pros dias de hoje. Saindo da tela, já que né? 3D. Enfim.

continue lendo »

Cinema e as tecnologias

Cinema sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012 – 6 comentários

Vou contar um causo aqui. Tava lendo Istoé Gente já que adoro ver o que ta rolando no mundo dos ricos e vi que tinha uma entrevista com George Lucas falando sobre o lançamento da franquia Star Wars em 3D. Folheei a revista até achar a tal entrevista, fui lendo e cheguei na parte que me motivou escrever esse texto: George Lucas afirma que o 3D está para o cinema de hoje o que foram a inserção de sons e cores no passado, implicando um aprimoramento da experiência cinematográfica. Não vou discutir se o rapaz esta atrás de nosso suado dinheirinho relançando Star Wars em 3D nem nada, porque é obvio que é isso que ele está fazendo. Meu objetivo é pensar no que ele disse sobre a tal melhora da experiência do cinema.

 Te aporrinhando agora em 3D

continue lendo »

Os clássicos que você nunca viu

Cinema segunda-feira, 30 de janeiro de 2012 – 0 comentários

Em 1982, um diretor chamado Carl Reiner produziu uma comédia fodástica intitulada Cliente Morto Não Paga onde através de “uma espécie de Frankestein” feito com vários pedaços de filmes antigos, fazia Steve Martin e Rachel Ward contracenarem com grandes nomes do cinema da época de ouro, do quilate de Humphrey Bogart, James Cagney e Barbara Stanwick, entre outros menos importantes que eu nem me lembro. Tudo isso sem efeitos especiais e somente editando uma porrada de cenas. Mas e se hoje em dia um cara resolvesse continuar esse trabalho e ir além? continue lendo »

Oscar 2012

Cinema quarta-feira, 25 de janeiro de 2012 – 3 comentários

Ontem indicaram os candidatos ao Oscar 2012. E hoje, esse lindo ser que escreve, irá mostrar os indicados e fazer pequenos comentários ruins sobre. A cerimônia de premiação do Oscar 2012 será realizada no dia 26 de fevereiro, no Kodak Theatre, em Los Angeles. Olha a lista ai mané: continue lendo »

Sobre o filme do Bátema

Cinema quarta-feira, 18 de janeiro de 2012 – 5 comentários

Seguinte, cês devem saber que recentemente saiu uma notícia de que o terceiro filme do Nolan teria finais alternativos, e outra notícia falando que o Adam West vai fazer uma ponta no filme, então, CAGAREI REGRA porque não tenho mais ideia pra post.

 Santa viadagem, Batman!

continue lendo »

Finais Inesperados

Cinema terça-feira, 17 de janeiro de 2012 – 17 comentários

Uma das sensações que o cinema nos proporciona que mais gosto é a surpresa ao final de um filme. Mas não são todos que conseguem nos surpreender ou nos fazer pensar naqueles poucos minutos finais para entender a mensagem que o diretor nos quis passar. Listei alguns que desses, usando de critério os finais que menos confirmam nossas expectativas. Já aviso de uma vez, se não quiser saber o desfecho de um dos filmes abaixo, nem leia. continue lendo »

Diretores babacas

Cinema quarta-feira, 11 de janeiro de 2012 – 28 comentários

Não dá pra negar, a gente vive num mundo babaca. Eu poderia usar inúmeros argumentos pra corroborar com essa afirmação, mas… Porra, a sensação do momento é o Michel Teló, cara. Nessas condições, é inevitável que indivíduos que tem a babaquice como qualidade mais protuberante acabem proliferando. Inclusive (Ou predominantemente) na indústria cultural. E as minhas recentes experiências cinematográficas indicam que não existe meio com maior concentração de babacas que o cinema, tirando a internet. Então, porque falar mal das coisas é legal, vamos a uma lista pra definir qual o diretor mais babaca do cinema, tanto no pessoal quanto no profissional OLOCO BIXO. continue lendo »

TOP 10 – As Melhores Trilhas Sonoras Do Cinema

Cinema sexta-feira, 23 de dezembro de 2011 – 7 comentários

A trilha sonora é talvez o aspecto coadjuvante mais importante em um filme. Você com certeza já experimentou aquela sensação orgásmica de assistir uma cena foda acompanhada de uma música que encaixa perfeitamente naquele momento. Por esse e outros motivos, existem premiações voltadas ao assunto e uma preocupação compreensível por parte dos cineastas. Alguns compositores já são figurinhas carimbadas (E tornaram-se responsáveis por vários sucessos que conhecemos), mas o mais bacana é que trilha sonora é algo altamente adaptável e não fica preso a alguma década ou período, ou seja, sempre tem coisa nova e boa. Acontece que algumas delas já são tão, mas tão populares (E respeitadas, idolatradas) que fazem parte da história da sétima arte. Pensando nisso, fiz o que eu acredito ser o TOP 10 das melhores trilhas do cinema – ficando claro que deixei de fora algumas que já foram classificadas em outros textos aqui do Bacon, e valem a pena conferir, como o especial Hans Zimmer e as dez músicas inesquecíveis de filmes de terror. Pronto? Então clica. continue lendo »

Filmes definitivos

Cinema segunda-feira, 05 de dezembro de 2011 – 10 comentários

Então, uns dias atrás semana passada no meu último texto aqui no Bacon, eu falei que o Era Uma Vez no Oeste era o western definitivo. E isso me fez pensar, quais seriam os filmes definitivos de cada gênero? Quais aquelas obras que atingiram um nível de excelência tão alto no que se propuseram que o gênero poderia ter acabado ali, e tudo o que veio depois foi uma tentativa fracassada de imitá-las? Para responder essas questões, como cês já devem ter percebido, vem aí uma lista básica desses filmes. continue lendo »

confira

quem?

baconfrito