5 dicas para ir ao cinema!

Cinema terça-feira, 03 de maio de 2011 – 23 comentários

Você gosta de ir ao cinema? Mas fica puto por ter que pagar R$ 15,00 numa sessão (Isso quando você não tem que bancar pra mais alguém. E não me faça falar do preço do 3D)? Detesta segurar xixi ficar apertado no meio do filme? Odeia ficar explicando a história pra anta que tá do seu lado? Se a resposta foi sim, sim, sim e sim, você está no lugar certo. Seguindo as cinco dicas que darei aqui você conseguirá sanar problemas como esses e irá otimizar a experiência de assistir filmes fora de casa. A técnica abrange o seu dinheiro, o seu bem-estar e a maneira mais proveitosa de gastar 90 minutos da sua vida. continue lendo »

Um bebê batizado de Sedutora, abortos e Facebook. Ou, simplesmente, Freakonomics

Cinema segunda-feira, 02 de maio de 2011 – 4 comentários

Lembro quando documentário era algo que se assistia na escola, geralmente babando e dormindo na cadeira. Os tempos mudaram, inclusive neste gênero outrora rotulado de chato-pra-cacete. Que o diga o jornalista Stephen Dubner e o economista Steven Levitt, autores de Freakonomics. Um livro nada modesto que prometia mostrar o lado escondido de todas as coisas, mudando a forma do leitor ver o mundo.

Se a promessa era grande, a tiragem foi maior ainda: Mais de 4 milhões de exemplares sumiram das livrarias. Como bons estadunienses (Vulgo americanos) a dupla de autores logo fez da obra um documentário. E o resultado é sensacional. Freakonomics não tem vampiros, mas revela coisas te deixarão pálido. Não tem explosões, mas sacode o cérebro, derrubando as teias das aranha que vivem felizes por lá. Em quatro histórias independentes, vemos por exemplo como um ditador na Romênia se relaciona à queda da criminalidade em Nova Iorque. continue lendo »

Top 5 filmes do Francis Ford Coppola

Cinema quarta-feira, 20 de abril de 2011 – 1 comentário

Então, vocês devem ter ficado sabendo que o Francis Ford Coppola completou 72 anos uns dias atrás, né. Não, se bobear vocês não sabem nem de quem eu tô falando. Mas enfim, bora aproveitar essa data (7 de abril, pra ser exato) como uma desculpa pra homenagear um dos meus diretores favoritos, relembrando alguns dos seus clássicos. E de quebra tirar o Pizurk do meu pé por alguns dias. Lembrando que eu tô listando os filmes que me vieram a cabeça, lógico que esqueci de alguma coisa. Então nada de comentários do tipo ai, faltou esse, esse e esse, mimimi, eu sou viado, etc. Brinks, podem comentar sim, eu só vou ignorar. continue lendo »

O Mundo Surreal de Snyder

Cinema segunda-feira, 18 de abril de 2011 – 2 comentários

Já assistiu 300? E Watchmen? Não foi ainda ver Sucker Punch? Se suas respostas foram sim, sim e “Fui, caramba, não me incomoda mais”, parabéns, você ganhou um texto no Bacon Frito. Tá muito fácil atualmente criticar o diretor dos três filmes, Zack Snyder, e não falo isso pelas qualidades ou defeitos dele, mas por seu cinema ser: A) Fetichista B) Adaptações e uma idéia insana C) Unicamente puro, o roteiro é livre ou D) Todas as alternativas anteriores. Como eu gostei dos três filmes e quero infernizar vocês, digo, convencê-los do mesmo, vamos falar mais um tanto do assunto (e receber o cachê de convidado do Pizurk). continue lendo »

Brasil importado

Cinema quarta-feira, 13 de abril de 2011 – 3 comentários

O jeito é, né? Essa história de ficar fazendo novelinha, depois fazer um filminho aqui e outro ali é tipo coisa do passado, isso? Parece que sim. Rodrigo Santoro que o diga. Acontece que o cara virou tipo um Twitter ambulante fail, de tantos seguidores nessa mania de sair do território brazuca e explorar as câmeras hollywoodianas. O bonitão brasileiro fez parte do elenco de diversos filmes do Brasil, tipo Carandiru, Bicho de Sete Cabeças e Abril Despedaçado, e até emplacou no longa com Cameron Diaz, Drew Barrymore e Lucy Liu, o Panteras Detonando. O cara pode nem ter tido fala nenhuma e só ter ficado sem camisa quase que em todas as cenas que ele apareceu, mas foi um baita passo pra ele, né? Depois rolou aquele Simplesmente Amor e, claro, o épico 300 (Lembrando que ele foi indicado ao prêmio de melhor vilão (?) para o MTV Movie Award, na mesma categoria de Jack Nicholson e Meryl Streep. Foda, né? Então.). continue lendo »

Refilmagens, remakes, seqüências, prequels e muita criatividade

Cinema segunda-feira, 04 de abril de 2011 – 3 comentários

“Dos 100 filmes que mais arrecadaram por ano nos últimos dez anos, 74 são continuações ou refilmagens de filmes anteriores, ou adaptações de quadrinhos, video games, livros e outros. Transformar o velho em novo é o maior talento de Hollywood.”, diz Kirby Ferguson. E o nosso é dar lucro a eles. Até o momento, temos três sequências de um filme adaptado de um brinquedo de parque de diversões, um filme musical baseado em um musical baseado em um filme, duas sequências de um filme que foi adaptado de um desenho animado que foi baseado em uma linha de brinquedos e um filme baseado em dois livros, em que um deles foi baseado em um blog inspirado por outro livro que foi adaptado no filme. Entenderam? Tudo bem se você ficou confuso. Eu também fico. Expondo as franquias que não param de crescer e a estranha evolução dos vampiros, de criaturas horrendas a bonitões sensíveis, surge uma pergunta: Existe originalidade em Hollywood? continue lendo »

Os 30 Melhores Filmes de 2010 (TOP 10!)

Clássico é Clássico segunda-feira, 28 de março de 2011 – 6 comentários

10) Namorados Para Sempre

Diretor: Derek Cianfrance
O melhor e mais real filme sobre relacionamentos amorosos da década? Definitivamente. Closer parece um texto apaixonado escrito por uma jovem de 15 anos. Não deixe o título brasileiro te enganar. Namorados para Sempre é sujo, frio e verdadeiro – e conta com dois protagonistas em atuações espetaculares: Ryan Gosling e Micheller Willians. continue lendo »

Os 30 Melhores Filmes de 2010 (20-11)

Clássico é Clássico segunda-feira, 21 de março de 2011 – 2 comentários

Antes, pausa para a imagem (Não tão) desconexa.

 Fonte: Cracked.com

continue lendo »

Os 30 Melhores Filmes de 2010 (30-21)

Clássico é Clássico segunda-feira, 14 de março de 2011 – 3 comentários

Pode-se dizer que março é o mês que “começa” o ano no cinema (Americano). As principais premiações de 2010 já ocorreram, e os primeiros filmes com chances de aparecerem nas premiações do ano que vem começam a ser lançados. Com o baixar da poeira, portanto, já é possível apontar alguns favoritos do ano que passou: Quais filmes serão lembrados, quais representaram um marco na forma de se fazer cinema e quais são as diretrizes apontados para o próximo ano. No meu Top 30, dividido em 3 partes, compilei um pouco de tudo. Agora deixemos de falatório e vamos ao que interessa. continue lendo »

Contra o cinema imbecil

Cinema sexta-feira, 04 de março de 2011 – 5 comentários

Então, eu sou uma pessoa muito desconfiada. Enquanto eu estou escrevendo textos pro Bacon, fico sempre virando pra olhar se não tem um gorila chamado Mr. George, de três metros, armando com uma kalashnikov querendo comer o meu rabo. Eu sei que você virou pra olhar. Mas, hei, ainda bem que eu não tenho cu.

 juno pride.

continue lendo »

busca

confira

quem?

baconfrito