Um Dia de Fúria (Falling Down)

Bogart é TANGA! sexta-feira, 01 de março de 2013 – 2 comentários

 Um homem desempregado chega ao seu limite um dia durante um congestionamento e resolve combater a escória da sociedade ele mesmo. Será um dia inesquecível para William Foster (Michael Douglas) e o detetive que estava para se aposentar, Martin Prendergast (Robert Duvall), que tem a missão de encontrá-lo e capturá-lo na imensa Los Angeles.

Sabe aqueles clássicos tão clássicos, mas tão clássicos que você nunca para pra ver inteiro, porque já conhece? Então, se você faz isso você é um imbecil. Tipo eu, que achava do que se tratava Um Dia de Fúria. Peguei pra ver porque estava eu mesmo num dia de fúria. Ou pensava que estava, porque puta que pariu, que filme profundo e com violência gratuita. Ou não tão gratuita assim, já que Bill, ou William Foster, ou ainda D-Fens, conforme sua placa personalizada mostrava, estava só se defendendo das agressões do mundo, inicialmente. Já que depois desandou pra putaria. Afinal, usar uma bazuca quer dizer que você passou do ponto. continue lendo »

72 Horas (The Next Three Days)

Cinema quinta-feira, 23 de dezembro de 2010 – 2 comentários

 O professor universitário John Brennan (Russell Crowe) levava uma vida perfeita até sua esposa, Lara (Elizabeth Banks), ser presa acusada de um crime brutal, que ela alega não ter cometido. Após três anos de vários recursos negados pela justiça, John percebe que só há uma saída: elaborar um plano de fuga preciso para tirá-la da prisão. Agora, ele e Lara terão apenas 72 horas para fugir. Em uma corrida contra o tempo, John irá provar que não há nada mais perigoso do que um homem com tudo a perder.

Cê pretende tirar alguém da cadeia num futuro próximo? Tem planos de colaborar com o PCC, o Comando Vermelho ou coisa que o valha? Então esse é o filme pra você! continue lendo »

Conto: Crime na pousada

Analfabetismo Funcional terça-feira, 28 de setembro de 2010 – 0 comentários

O ambiente era bucólico. Bucólico ao extremo. O cheiro de bosta de vaca pairava no ar, as formigas atacavam os pés incautos, o verde predominava no horizonte, os telefones celulares não passavam de meros enfeites de um mundo distante e a energia elétrica era usada exclusivamente para iluminação durante a noite. Foi nesse ambiente – uma distante pousada no campo – que ocorreu um crime macabro. continue lendo »

Assassinato no Expresso do Oriente (Agatha Christie)

Livros segunda-feira, 16 de agosto de 2010 – 4 comentários

Já vi que leitor do Bacon não tem respeito por Agatha Christie… Mas vocês que se fodam, por que vou continuar falando dela. E a bola da vez é o que eu considero como a obra mais famosa dela, então, LEIA ESSA PORRA. continue lendo »

Código de Conduta (Law Abiding Citizen)

Cinema quinta-feira, 05 de novembro de 2009 – 1 comentário

 Clyde (Gerard Butler) é um dedicado pai de família que testemunha sua esposa e filha serem assassinadas. Um dos culpados ganha liberdade graças a um acordo feito com o ambicioso promotor Nick (Jamie Foxx). Anos depois o assassino é encontrado morto e Clyde é preso mesmo sem provas contra ele. Seu unico objetivo, é denunciar o corrupto sistema judicial nem que para isso tenha que matar um a um, todos os envolvidos. Mas, se Clyde já está na cadeia, como o promotor poderá impedi-lo se ele está sempre um passo a frente de todos?

Eu jurava que o cara do 300 ia ser um herói, não o vilão do filme, mas tudo bem. É bom desfazer essa impressão pra quem também ficou. E não, vilões são diferentes de anti-heróis, senão daqui a pouco cês vão chamar o Coringa de anti-herói. continue lendo »

O Sequestro do Metrô 123 (The Taking of Pelham 123)

Cinema quinta-feira, 03 de setembro de 2009 – 0 comentários

 Em O Sequestro do Metrô 1 2 3 (The Taking of Pelham 1 2 3), Denzel Washington estrela como Walter Garber, um controlador de tráfego do metrô da cidade de Nova York, que tem seu dia transformado em caos por um crime audacioso: o sequestro de um dos carros do metrô.

John Travolta estrela como Ryder, a mente criminosa, que como líder de uma gangue de bandidos fortemente armados, ameaça executar os passageiros do carro, a menos que um enorme resgate seja pago no prazo de uma hora. Enquanto a tensão aumenta sob seus pés, Garber aplica seu amplo conhecimento do sistema metroviário numa batalha para enganar Ryder e salvar os reféns. Entretanto, existe um enigma que Garber não pode resolver: mesmo que os ladrões consigam o dinheiro, como eles poderiam fugir? continue lendo »

Inimigos Públicos (Public Enemies)

Cinema quinta-feira, 23 de julho de 2009 – 0 comentários

 Ninguém podia deter Dillinger e sua gangue. Nenhuma prisão o segurava. Seu charme e suas audaciosas fugas ganhavam a afeição de quase todos – desde sua namorada Billie Frechette até americanos que consideravam que Dillinger estava tirando dos bancos o dinheiro que os bancos haviam tirado indevidamente deles. Mas enquanto as aventuras da gangue de Dillinger impressionavam muita gente, J. Edgar Hoover planejou explorar a captura do fora-da-lei como forma de elevar seu Bureau de Investigação a uma força policial nacional que mais tarde seria conhecida como FBI. Para isso, ele tornou Dillinger o primeiro Inimigo Público Número 1 dos EUA e colocou o agente Melvin Purvis em seu encalço.

Rapaz, que filme FODA!

continue lendo »

Fresh

Filmes bons que passam batidos segunda-feira, 23 de março de 2009 – 1 comentário

Fresh é um garoto negro de 12 anos, que vive em um gueto (os infames projects) norte-americano. Apesar de não demonstrar, ele odeia o lugar em que vive e quer sair de lá logo que puder, mas sabe que pra isso precisa de grana. Como um garoto de 12 anos faz pra ganhar grana fácil na favela? Ele vira avião de traficante. E Fresh é um bom avião, todos percebem isso. Todos sabem que Fresh vai longe se seguir a carreira de traficante.

Mas ele não quer isso. Ele só quer levantar uma grana suficiente pra vazar de lá o mais rápido possível e nunca mais voltar. continue lendo »

Jogo Entre Ladrões (Thick as Thieves)

Cinema quinta-feira, 12 de março de 2009 – 1 comentário

Jack Monahan (Antonio Banderas) é um criminoso que não está em seus melhores dias. Sua sorte muda quando cruza com Ripley (Morgan Freeman), um experiente ladrão que o convida a participar de um grande e arriscado golpe: o roubo de uma das mais valiosas jóias do mundo, que está guardada a sete chaves em uma joalheria russa. Para quitar uma dívida com a máfia, Ripley (Freeman) deverá fazer um trabalho limpo e perfeito. Mas nem tudo acontece como deveria e nem todos são o que parecem, nesta trama surpreendente. continue lendo »

Coisas Para Se Fazer Em Denver Quando Você Está Morto (Things to Do in Denver When You’re Dead)

Filmes bons que passam batidos segunda-feira, 09 de março de 2009 – 1 comentário

Nos anos 90, graças ao sucesso de Pulp Fiction e Cães de Aluguel, ambos do diretor/maluquete/nerdcinematográficomór Quentin Tarantino, filmes sobre o crime tornaram-se enormemente populares. Esse tipo de filme já tinha encontrado muito sucesso nas mãos de gente como Francis Ford Coppola (com a série dos filmes d’O Poderoso Chefão) e Martin Scorcese (Os Bons Companheiros). Mas tanto os filmes do Coppola quanto os do Scorcese tinham algo em comum entre sí: tratavam sobre a máfia, mas sobre a máfia italiana. continue lendo »

busca

confira

quem?

baconfrito