Código de Conduta (Law Abiding Citizen)

Cinema quinta-feira, 05 de novembro de 2009

 Clyde (Gerard Butler) é um dedicado pai de família que testemunha sua esposa e filha serem assassinadas. Um dos culpados ganha liberdade graças a um acordo feito com o ambicioso promotor Nick (Jamie Foxx). Anos depois o assassino é encontrado morto e Clyde é preso mesmo sem provas contra ele. Seu unico objetivo, é denunciar o corrupto sistema judicial nem que para isso tenha que matar um a um, todos os envolvidos. Mas, se Clyde já está na cadeia, como o promotor poderá impedi-lo se ele está sempre um passo a frente de todos?

Eu jurava que o cara do 300 ia ser um herói, não o vilão do filme, mas tudo bem. É bom desfazer essa impressão pra quem também ficou. E não, vilões são diferentes de anti-heróis, senão daqui a pouco cês vão chamar o Coringa de anti-herói.

Pois bem, dito isso, vamos ao filme. Tudo começa com Clyde e sua família, em casa, na boa. Até que nego bate na porta. Ele vai lá, abre e PAU! Invasores dominam o lugar, passam a faca na filha e na mulher dele e ele que se foda. O que ele faz? Fica doido e vai atrás de justiça. Acontece que os dois caras não tem a punição que Clyde esperava que tivessem, já que Nick, que é promotor público, negociou um acordo pra obter informações. O que ele faz?

 Fica pelado e se rende.

Não, não é bem isso. Ele some por dez anos e aparece tempos depois, pra se vingar. E é nessa hora que cês vão me amaldiçoar pelo spoiler, mas eu vou falar e foda-se: Clyde mata os dois e não tá nem ae. Quer mais é ver o circo pegar fogo.

 Eu diria literalmente.

E não é só isso. Ele é preso por conta das duas mortes, mas continua matando. E eu não tou falando de matar nego dentro da cadeia, presidiário. Quer dizer, ele também mata presidiário, mas ele mata gente FORA da cadeia. Como? Porra, cê acha mesmo que eu vou entregar mais ainda o filme? O que interessa é que é um puta filme de ação.

 “Já contou metade, conta tudo, filho da puta!”

A única coisa revoltante é o final, podia ter sido melhor trabalhado. Mas é a vida. Nem sempre dá pra agradar todo mundo.

Código de Conduta

Law Abiding Citizen (109 minutos – Crime)
Lançamento: EUA, 2009
Direção: F. Gary Gray
Roteiro: Kurt Wimmer
Elenco: Jamie Foxx, Gerard Butler, Colm Meaney, Bruce McGill, Leslie Bibb, Michael Irby, Gregory Itzin, Regina Hall, Emerald-Angel Young, Christian Stolte

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Felipe

    Realmente, o filme é foda!

    Você fica o filme todo tentando imaginar como ele consegue matar quem está fora da prisao, ainda mais do modo como faz, de um modo inteligente e aparentemente planejado.

    O unico ponto fraco foi o final, o cara fez tudo aquilo pra no final terminar daquele jeito, aquela cena foi broxante.

busca

confira

quem?

baconfrito