Um verniz de realidade

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 08 de junho de 2009 – 0 comentários

De cara amarrada, ele caminha pelas ruas sem se importar com o que acontece em sua volta, já que não o interessa mesmo. Uma criança pede esmola a ele e como se fosse nada, é ignorada. Seu telefone toca e é a mãe dele do outro lado, apesar de não a ver desde a formatura, ele a dispensa, já que ela não é nada de importante para ele.
Coisa estranha isso, não? Personagens sem sentimento, frios e que não tem uma maneira de se mostrar para os outros são muito simples de se fazer. Por isso que eles não tem a graça, o charme e os atrativos que a maioria dos outros possuem.
continue lendo »

A agonia de uma longa espera: a morte de um mito

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 04 de maio de 2009 – 2 comentários

Como comecei a falar na semana passada, agora eu termino de falar sobre esse assunto que pretendo abordar aqui mais algumas vezes, já que ele é bem extenso. Sem preguiça dessa vez.
Bom, a pior parte de uma espera é quando essa espera não tem fim. Você sabe que o livro está ali. Sabe que tem uma data de lançamento, mas, poucos dias antes de ele ser lançado, alguma merda acontece e isso tem que ser adiado. E adiado. E adiado novamente. Depois de algum tempo, ou o fã ensandecido fica louco e vai até o país do autor tirar satisfações pessoalmente com o próprio, ou resolve continuar esperando, não importa o tempo que seja… continue lendo »

A agonia de uma longa espera

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 27 de abril de 2009 – 2 comentários

Gostar de livros escritos por certo autor é algo que todo fã de literatura tem.
Normalmente, os escolhidos são aqueles mais conhecidos, o que não significa que ele seja ruim, já que estamos falando de Stephen King, Luis Fernando Veríssimo, Stephanie Meyer e, por que não? Dan Brown também.
Mas o principal problema de gostar de um autor vivo é que você nunca saberá o que pode ainda vir por ele. Então, quando se ouve um boato sobre ele estar escrevendo algo, nasce dentro de um leitor aquela sensação de ganância, vontade de ler aquele volume que ainda está sendo escrito, a sede por qualquer informação sobre ele, qualquer sinal de que ele está prestes a ser publicado, TUDO é uma boa noticia.
E quando se descobre que o livro já foi mandado para o editor e a data de lançamento é dada? Nossa, eu comparo isso a praticamente um presente de natal gigante, aqueles que são vistos debaixo da árvore e que não podem ser tocados até a hora certa. Se você tem esse costume, deve saber como isso é algo que cria grande expectativa. continue lendo »

23 de Abril: dia mundial do livro

Livros quinta-feira, 23 de abril de 2009 – 1 comentário

Dia mundial do livro.
Um dia em que o livro é o foco.
Mas… porque dia mundial do livro? continue lendo »

Poltronas Grátis

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 20 de abril de 2009 – 5 comentários

Um comentário em um dos textos aqui me chamou a atenção nessa semana agora. O comentário é o seguinte:

Em Minas isso é mal visto. Vira até caso de polícia. Um costume muito estranho esse aí do Rio, pois a cada livro que é lido dentro da loja, é uma venda a menos. Acho que eu não permitiria, se fosse dono de livraria.

esse comentário foi feito pelo Bruno, vocês podem conferir ele melhor aqui, ó.

Isso de ler livros dentro de livrarias é algo comum na maioria das cidades. Não vou entrar no detalhe de cidades grandes e pequenas, até porque isso não fará sentido nenhum. O que vem a minha cabeça agora é que a maioria das grandes redes de livrarias tem seus esquemas de atrair leitores. continue lendo »

Livros e seus inimigos: o retorno do mal

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 06 de abril de 2009 – 2 comentários

Então, só pra finalizar o que comecei a umas semanas atrás, vou continuar/terminar de falar sobre os inimigos dos livros. Mas vou tentar recapitular o que foi dito naquela semana de maneira bem simples:
Traças são cocozentas
e…
O tempo não é manipulável.

Bom, basicamente, é isso. Se mesmo assim não entendeu, o problema é seu. Leia o texto na íntegra e tenha uma idéia do que isso significa.
Mas é claro, esses dois motivos aí são aqueles que se encaixam na categoria inevitáveis, eles vão acontecer aos 12 ou aos 300 anos de idade. Idade do livro é claro. Você não vai viver tanto assim, se sobreviver até os 50, fique feliz.
continue lendo »

Livros e seus inimigos

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 23 de março de 2009 – 3 comentários

Quando falei sobre Torturas literárias , algo que poucos devem se lembrar, eu acabei deixando algumas coisas de lado, até porque elas aconteceram DEPOIS de ter escrito aquilo. A primeira de todas que consegui me lembrar é sobre o que pode ser considerado um inimigo dos livros.

Favor não confundir Livros com a literatura. estou falando aqui da forma física, o que se pode tocar, a forma básica dele, o hardware. Outra hora eu defino um livro direito, mas por enquanto essa aí já serve para meus objetivos. continue lendo »

Sacanagens

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 16 de março de 2009 – 5 comentários

Como que um leitor pode ser sacaneado? Sabe, o site do qual esse se originou, o Ato ou Efeito, é um especialista em textos falando sobre a arte de zoar seus amigos e mais recentemente o Como Zoar e ser zoado sem parecer um nerd mijão. E lendo tudo isso de novo acabei por relembrar de alguns fatos que acontecem com um leitor e que no fundo, são zoações de primeira. continue lendo »

Histórias e seus contadores

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 09 de março de 2009 – 2 comentários

Essas semanas atrás, eu falei sobre cartas e tudo o mais. Um comentário feito ali me fez mudar de idéia e dar um pouco mais de atenção para esse tipo de escrita. Mesmo assim, ao ler algumas e escrever algumas observações, percebi que tem que existir um certo interesse nisso, saber o que procurar, arranjar um sentido para o que se diz ali. E nisso tudo de pensar em cartas e histórias contadas nelas e diários e tudo o mais, consegui chegar a uma conclusão meio falha, mas foda-se, vou colocar ela aqui assim mesmo. É tão idiota que pode ser que tenha alguém que concorde comigo, nunca se sabe. continue lendo »

Musas

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 02 de março de 2009 – 2 comentários

Escritores, pessoas tão diferentes entre os outros escritores, cada um com uma personalidade tão única que os define desde a maneira de viver até o estilo que cada um escreve. Podem falar que qualquer pessoa pode ser definida de acordo com esse parâmetro, mas apenas os escritores têm o poder de transformar sentimentos, imagens, dores e tudo o mais em palavras. Poetas também fazem isso, mas eles também não são escritores, no final das contas? continue lendo »

busca

confira

quem?

baconfrito