Estreias da Semana – 02/07/2015

Cinema quinta-feira, 02 de julho de 2015 – 0 comentários

O Exterminador do Futuro: Gênesis (Terminator Genisys)
Com: Arnold Schwarzenegger, Emilia Clarke, Jai Courtney, Jason Clarke e J.K. Simmons
Na quinta instância da galinha dos ovos de ouro que se recusa a morrer, temos mais uma alteração nas linhas do tempo do universo da série cinematográfica, e é um puta rolo do caralho. Mas se você assistir o primeiro e o segundo já dá pra entender tudo e pegar as referências. Mas o resumão é que Kyle Reese voltou pra 1984 pra proteger Sarah Connor do T-800, mas acabou que ela já tava muito bem protegida.
Alterações de linha do tempo, referências internas, explicações estapafúrdias, tem de tudo nisso aqui. E mesmo assim é divertidão. continue lendo »

O Exterminador do Futuro: Gênesis (Terminator Genisys)

Cinema quinta-feira, 02 de julho de 2015 – 0 comentários

 Quando John Connor (Jason Clarke), líder da resistência humana, envia o Sargento Kyle Reese (Jai Courtney) de volta para 1984 para proteger Sarah Connor (Emilia Clarke) e salvar o futuro, uma mudança inesperada nos acontecimentos cria uma linha do tempo fragmentada. Agora, o Sargento Reese se encontra em uma nova e desconhecida versão do passado, onde ele encontra aliados improváveis, incluindo o Guardião (Arnold Schwarzenegger), novos e perigosos inimigos e uma missão nova e inesperada: Redefinir o futuro…

Depois de um fiasco feito o de O Exterminador do Futuro: A Salvação, é de se esperar que o anúncio de novos filmes de uma franquia sejam acompanhados por uma mistura de reprovação, medo e esperança. E o que cê faz nesses casos? Acompanha tudo e fica puto com o desenvolvimento da coisa? Arruma um emprego no estúdio e mata todos os envolvidos? Ou você só esquece isso e vai viver sua vida enquanto os detentores dos direitos fazem o que querem com a franquia, e você analisa quando tiver pronto? Se você respondeu a terceira opção, parabéns. Você tende a ser mais inteligente, bonito, perder menos cabelo por coisas que não valem a pena e principalmente tem um nível de cortisol decorrente de estresse menor no sangue. continue lendo »

O Exterminador do Futuro 2: O Julgamento Final (Terminator 2: Judgment Day)

Cinema quinta-feira, 02 de julho de 2015 – 0 comentários

 Uma criança destinada a ser líder (Edward Furlong) já nasceu, mas infeliz por viver com pais adotivos, pois foi privado da companhia da mãe (Linda Hamilton), que foi considerada louca quando falou de um exterminador vindo do futuro. Neste contexto, um andróide (Arnold Schwarzenegger) vem do futuro, mais exatamente um modelo T-800 igual ao filme original, para proteger o garoto, mas existe um problema: o mais avançado andróide existente no futuro, um modelo T-1000 (Robert Patrick), que feito de “metal líquido”, não pode ter nenhum dano permanente e pode assumir a forma que desejar, também veio para o passado com a missão de matar o menino.

Em um caso claro de sequência melhor que o filme original, T2 foi por muito tempo o alvo a ser batido nos quesitos robôs, efeitos especiais e perseguições. Não posso te dizer quanto tempo, já que acabei de tirar esses dados do rabo, mas o que importa é que a transição de Arnold Schwarzenegger de vilão pra mocinho, apesar de ter sido executada às pressas devido a problemas de agenda do ator e com os direitos do primeiro filme, foi brilhante. Tanto é que deixou marcas indeléveis na cultura pop como um todo. Ou vai dizer que cê nunca viu uma piadoca com um robô de material líquido sendo congelado e tal? Se bem que pode ter sido só eu quem ficou com essa imagem gravada a ferro e fogo na mente, vai saber. continue lendo »

O Exterminador do Futuro (The Terminator)

Cinema quinta-feira, 02 de julho de 2015 – 0 comentários

 Num futuro próximo, a guerra entre humanos e máquinas foi deflagrada. Com a tecnologia a seu dispor, um plano inusitado é arquitetado pelas máquinas ao enviar para o passado um andróide (Arnold Schwarzenegger) com a missão de matar a mãe (Linda Hamilton) daquele que viria a se transformar num líder e seu pior inimigo. Contudo, os humanos também conseguem enviar um representante (Michael Biehn) para proteger a mulher e tentar garantir o futuro da humanidade.

Você pode não ter visto esse filme, que não foi tão bem sucedido quanto seu sucessor. Mas foi ele quem abriu caminho pra duas franquias da cultura pop: Exterminador do Futuro e Arnold Schwarzenegger. E não, ninguém liga pros filmes do Conan. E antes que vocês me acusem de inculto: Inculto é seu pai, que assistiu Conan só pra ver o Schwarzenegger de sovaco depilado.

Mas então, qual o motivo de O Exterminador do Futuro ter sido tão determinante? Oras, é muito simples: Um androide gigante com sotaque austríaco vindo do futuro que caça uma garçonete que dará a luz ao líder da revolução contra as máquinas. Extremamente simples, não é mesmo? continue lendo »

Baconews – 28/04/2015

Cinema, Games, HQs, Televisão terça-feira, 28 de abril de 2015 – 0 comentários

Certo dia estava tomando um sorvete de rum e… Ah, cês sabem como faz sorvete de rum? É simples, cê compra um pote de sorvete de creme e 1 litro de rum, mistura tudo no liquidificador e pronto. Delícia da vovó. Enfim, certo dia estava tomando uma garrafa de rum… Digo, um sorvete de rum e tive a grande ideia de escrever notícias diárias neste delicioso, gorduroso e crocante site. Bem, se eu não estivesse tão bêbado e tivesse noção da quantidade de notícias erradas e boatos que boiam neste oceano de fezes que é a internet, eu jamais teria dado esta incrível ideia ao amado chefe Pizurkão. Mas tamo aí, o que foi lido jamais poderá ser deslido. E eu que achava aquela tal Legião ruim… Mas enfim, hoje tem o nome ruim da série dos Titãs, não a banda, o grupo de heróis, Drax na WWE intergalática, novo trailer do Exterminador do Futuro: Gênesis, castração e muito mais. Sabem o que não tem hoje? Jogo novo de Silent Hill. continue lendo »

Os melhores trailers para os piores filmes

Cinema sexta-feira, 10 de maio de 2013 – 16 comentários

Sempre acontece. Alguns filmes conseguem ser espetacularmente ruins, ainda que tenham trailers deslumbrantes. As piores decepções se tornam realidade se forem instigadas pelas maiores expectativas. Nada supera a sensação de se sentir enganado. Aguardar meses, ver trailer após trailer, entrevistas, declarações, fotos da pós-produção, teaser trailers, foruns de discussão, acompanhar tudo e no final, sair do cinema se perguntando o porquê daquilo ter sido tão mal feito, tão desleixado, tão descuidado assim. Furos no roteiro, finais brochantes, atuações sem nexo, personagens inúteis, tudo sempre pode acontecer e estragar aquele filme que você tinha como certo como um dos melhores do ano. Perfeitas obras primas da edição, do marketing e da falta do que fazer que os fãs sempre nutrem ao aguardar como se a sua vida dependesse daquilo. Quais são esses filmes, exemplos reais da extrema disparidade entre trailer e filme? continue lendo »

Anos 90, a década de ouro – Parte I: Filmes

Cinema terça-feira, 03 de abril de 2012 – 12 comentários

Eu ia nomear esse texto de: “Por que os nascidos na década de 80 são melhores que os nascidos na década de 90?”, mas achei que muitos leitores ficariam ofendidos e o “conteúdo” do texto seria deixado de lado, então o título vai ser aquele ali, que é mais gentil. Enfim, esse é o primeiro texto de uma série que irá mostrar porque os nascidos na década de 80 são mais felizes, a começar pelos filmes que assistimos. Leia e depois concorde comigo nos comentários.

continue lendo »

Aberturas de Filmes

Cinema segunda-feira, 26 de julho de 2010 – 17 comentários

Desde que comecei a ver filmes, perdi a conta de quantas vezes “passei as letrinhas”. E há quem faça isso até hoje: Dê um clique no controle remoto e pule todos os créditos iniciais. A culpa disso normalmente é da edição – que abusava de um fundo estático, letras básicas e música cafona. Porém, aberturas podem ser tão divertidas quanto (Ou até mais que) o próprio filme. A evolução do cinema trouxe resultados muito bons quando o assunto é esse, e hoje mostro aqui um apanhado de ótimos exemplos. Tem pra todos os gostos: Terror, ficção científica, super-herói, comédia e até cinema nacional. Dessa vez, no entanto, não há ordem de preferência, nem nenhum tipo de frescura classificação. Todas as aberturas aqui cumpriram o papel de serem suficientemente boas ao prenderem a atenção de qualquer expectador, cada uma à sua maneira, seja usando uma nova técnica, contando uma história ou usando uma música emblemática. Deixo claro também que procurei fugir das aberturas clássicas como Guerra nas Estrelas ou 007 (E suas 751.246 continuações). Essas até quem não assistiu conhece. Mesmo assim indico todos os filmes aqui citados e duvido muito que você não tenha visto ao menos três deles. Duvida? Então clica! continue lendo »

Seja feliz!!! Ou morra.

Livros sábado, 17 de julho de 2010 – 3 comentários

De todas as características que uma pessoa pode ter, a melhor (Ou a pior) é realmente a inteligência. Não a inteligência “clássica”, aquela inteligência usada para fazer equações matemáticas e lembrar datas históricas, mas sim a inteligência que usamos para ter uma vida digna, para ter bons gostos (Aquela história de “gosto não se discute” é pura idiotice – e pretendo falar disso outro dia), enfim, para ser gente.

E o mais importante: VOLTEI PORRA!!!!!!!!!!! continue lendo »

Destaques da Semana em DVD (22 à 26/03)

Cinema sexta-feira, 26 de março de 2010 – 2 comentários

 Saga Crepúsculo: Lua nova: Você pode gostar ou não, mas é o grande lançamento da semana. Continuação do sucesso Crepúsculo, adaptação do segundo livro da saga. Bella Swan (Kristen Stewart) é abandonada por Edward Cullen (Robert Pattinson) e se vê obrigada a seguir em frente com sua vida. Acaba reforçando a amizade com Jacob Black (Taylor Lautner), que acaba se descobrindo lobisomem. A história é bobinha, os efeitos um pouco toscos, mas pra se distrair tá valendo (O livro, na minha opinião, é o mais chato de todos, sorte que conseguiram dar uma melhorada no filme, se fosse chato igual não dava! Ela não se enrolou como uma bola no filme nenhuma vez. Ponto para o diretor Chris Weitz, responsável pelo fracas… digo, adaptação de A Bússula de Ouro). O filme foi muito bem em bilheteria, com certeza vai fazer bonito em DVD (Se você quiser alugar pra assistir no final de semana não seja burro e tente alugar na sexta. Sábado, 9 da noite, não é um bom horário pra se alugar lançamentos. Dica de quem já trabalhou com isso. continue lendo »

Página 1 de 3123

busca

confira

quem?

baconfrito