Indicados ao Oscar 2013

Cinema segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Nota do editor: Como o Lucas é um viadinho e pediu licença por tempo indeterminado, eu resolvi fazer um texto meia boca megaboga sobre os indicados ao Oscar. Como? Juntei boa parte dos desocupados desse site pra comentar as indicações. Fica no lugar da coluna, essa semana. Quem liga pro Globo de Ouro, afinal?

Já é meio que uma tradição aqui no Bacon dizer quais os indicados ao Oscar e comentar a premiação, então, já que nenhum de nós tem nada melhor para fazer nesta quinta-feira chuvosa, estamos aqui, novamente, para alegrar vossas vidas com nosso imenso conhecimento e sapiência.

 Melhor ator de 2012, pela cena de morte.

Melhor Filme

Indomável Sonhadora
Amor
Django Livre
Argo
A Hora Mais Escura
O Lado Bom da Vida
As Aventuras de Pi
Lincoln
Os Miseráveis

Vamos deixar claro desde o começo: Não assisti porra nenhuma no ano passado. Creio que Lincoln será interessante (E provavelmente vai ganhar né, afinal, América para os americanos), e até que não estou tão descrente em relação à Os Miseráveis… Django também não soa nada mal… E sim, foda-se o resto.

Aline: A Hora Mais Escura? VÁ PRA MERDA, ACADEMIA. Só um filme de amor à pátria por vez, que injusto!

Arthur: O filme de Spielberg deve levar essa para casa. Não vi nenhum desses, então vou apostar no óbvio.

Jade: Bom, depois da marmelada que foi a Miss EUA ganhando o Miss Universo em casa, dá pra acreditar realmente que Lincoln ganhe estamerda. Mas né, como Oscar não é Oscar sem uma surpresa estranha, dou um segundo chute em O Lado Bom da Vida.

Chinaski: Django Livre é de longe o melhor filme indicado nessa categoria. Da mesma forma que Bastardos Inglórios era muito melhor que todos os outros. Mas todos nós já sabemos que o Tarantino só vai ganhar esse careca dourado quando ele resolver fazer filmes caretas, num estilo cinematográfico só. Com esses mashups ele nunca vai conseguir ganhar nada. Pow, só de ver Django Livre ser indicado, assim como foi Bastardos Inglorios, já sinto um avanço tremendo por parte dessa academia. Blaxploitation misturado com Faroeste Espaguete? Que delícia…

Kirk: Eu acho que tenho alergia a crítica de cinema. Quer dizer, eu faço, mas fico incomodado. É que nem pegar livros na poeira. Mas enfim, essa lista é ridícula. Cheguei na conclusão de que os membros da academia se alimentam da alma de pseudo-intelectuais, por isso escolhem tanto filme cabeção pra estar na lista. Já a nêmesis deles é ação. Só pode ser isso. Ah, esse Lincoln parece um bom filme. Preciso ver, mas parece a melhor aposta.

Jo: Eu não vi, mas o Zé Wilker viu e disse que todos são muito bons, menos A Hora Mais Escura, que parece nome de mega saga falida da DC. Agora falando sério, se Os Miseráveis ou As Aventuras de Pi não levarem, é pura marmelada.

Pizurk: Pora, é lógico que vocês não viram quase nenhum dos que tão ae. Aqui no Brazil só Argo e As Aventuras de Pi estrearam ano passado [E essa semana sai o Django Livre]. As distribuidoras são umas safadas e lançam os filmes depois das indicações ao Oscar pra poder botar “Indicado a tantos Oscar”. Mas chega de embromação. Quem vai levar essa merda é o drama sobre um personagem histórico americano. Pra você que não entendeu, Lincoln.

Melhor Diretor

Michael Haneke (Amor)
Steven Spielberg (Lincoln)
Benh Zeitlin (Indomável Sonhadora)
David O. Russell (O Lado Bom da Vida)
Ang Lee (As Aventuras de Pi)

 Tá acabando ein?

Caras, o Ang Lee manda bem, mas não creio que seja digno de um Oscar o que ele fez em As Aventuras de Pi. Os outros três meio que não me interessam, mas se bem que dar outro prêmio pro tio Steven é foda…

Aline: É, Lincoln parece ser mais um daqueles filmes patrióticos que leva pra casa todos os prêmios da noite. Guerra ao Terror mandou beijo, abraço e um tapinha nas costas. Ou não, já que todo mundo sabe como terrorismo comove plateias…

Arthur: Acho que vai ser dobradinha mesmo. O filme sobre um dos presidentes mais amados, de um dos diretores mais cultuados de todos os tempos? Impossível não sair.

Jade: Spielberg, sem mas.

Chinaski: É incrível a falta de nexo dos babacas que escolhem quem vai ser indicado. A Kathryn Bigelow ganhou por Guerra ao Terror. Esse ano, ela fez um filme bem melhor, A Hora Mais Escura. E o filme foi indicado em diversas categorias, sem a maior responsável pelo sucesso do filme ser reconhecida. É tipo “ela já ganhou mesmo…”. O pior é o Quentin Tarantino nem ser indicado pra perder dessa vez…

Kirk: Ang Lee AHUHUAHUAHUAHHUAHUAUHAHUAHUHUAHUAHUAUH. Desculpem, é que eu lembro do filme do Hulk. E aposto no Spielberg.

HAUHUAUHAHUAHUHUAHUAHUAHUAHUHUA ANG LEE AHUHUAHUAHUAHUHAU

Jo: Dá logo essa porra pro Spielberg.

Pizurk: Eu até queria ser do contra, mas nesse caso qualquer chute que não seja no dotô Steven é apostar em azarão.

Melhor Ator

Daniel Day-Lewis (Lincoln)
Bradley Cooper (O Lado Bom da Vida)
Joaquin Phoenix (O Mestre)
Denzel Washington (Voo)
Hugh Jackman (Os Miseráveis)

 Pesquisei “Daniel Day-Lewis”, mas apareceu isso com nome de Joseph Gordon-Levitt… Mas quem liga?

Pra mim essa porra definitivamente entá entre Daniel Day-Lewis e Joaquin Phoenix. De tudo que eu já vi com os dois, não tenho nenhuma reclamação… Mas ainda prefiro o Daniel, tanto pela atuação quanto pelo filme em questão.

Aline Desculpa, os peitos me distraíram. Tava falando do que mesmo?

Arthur: Por mim deveria ir para o Denzel, mas só porque eu gosto dele mesmo. É o tipo de cara que passa respeito, apesar de achar que ele não representa, pois deve ser o fodão que ele vive nos filmes mesmo.

Jade: Olha, Day-Lewis é um puta ator e eu até gostaria que ele arrematasse o prêmio. Poréém, não ficaria espantada se o Bradley Cooper vencesse.

Chinaski: Na moral, eu torço contra o Daniel Day-Lewis. Ele já tá virando a versão masculina da Meryl Streep. Sem falar que é muito fácil vir com um filme como esse, sobre um ícone e encher o rabo de prêmios. Ou não. Já pensaram no Johnny Depp ganhando um Oscar ano que vem pela cinebiografia do Elvis, dirigida por Scorsese? Tipo isso.

Kirk: Vou copiar o Arthur, acho que o Denzel merece por respeito. Não que o Johnny Cash e o Wolverine não mereçam, mas enfim.

Jo: Belas tetas. Não vi a atuação de nenhum desses atores, mas espero que não tenha que ler no próximo filme do Wolverine: “Com o ganhador do Oscar de melhor ator.”

Pizurk: Bradley e Hugh? Cês tão de brincadeira comigo? O Denzel não vai levar, então o Joaquin talvez seja o único que consiga brigar com o Daniel. Talvez.

Melhor Ator Coadjuvante

Christoph Waltz (Django Livre)
Philip Seymour-Hoffman (O Mestre)
Robert De Niro (O Lado Bom da Vida)
Tommy Lee Jones (Lincoln)
Alan Arkin (Argo)

Caras, essa vai ser foda: Tommy Lee Jones, De Niro e Philip Seymour-Hoffman. Claro que esses dois últimos são melhores atores, mas porra, é o Tommy Lee interpretando um juiz de 200 anos atrás. O quão incrível é isso?!

Aline: Acho que rola mais um pra Lincoln, simplesmente por que americano é um dos seres mais babacas que Deus pôs no mundo. Ah, e Guerra ao Terror mandou trocar o tapinha nas costas por uma dedada no cu.

Arthur: Tommy Lee Jones com peruca e sua eterna cara de republicano? Oscar na certa. Mas Robert de Niro é sempre nome de respeito, pode levar essa ai, principalmente pelo tempo sem emplacar nada que presta, esses caras da academia gostam de dar prêmios por pena.

Jade: De Niro. E eu ainda acho que O Lado Bom da Vida pode surpreender.

Chinaski: Christoph Waltz bem que poderia levar o Oscar de novo, ele mandou muito bem na parceria com o Tarantino. Mas todos nós sabemos que o Oscar vai pro filme do Lincoln.

Kirk: Alego falta de conhecimento de causa pra comentar.

Jo: Bitch, please. Saymour-Hoffman é o cara. Uma pena terem comido o cara.

Pizurk: Minha torcida é pelo Christoph Waltz, já que ele manda muito nos filmes com o boneco de Olinda. Mas não dá pra disputar com o Tommy Lee Jones num papel sério, em um filme sério.

Melhor Atriz

Naomi Watts (O Impossível)
Jessica Chastain (A Hora Mais Escura)
Emmanuelle Riva (Amor)
Quvenzhané Wallis (Indomável Sonhadora)
Jennifer Lawrence (O Lado Bom da Vida)

 Jessica Chastain. De nada.

Vamos pela ordem: Gostosa, gostosa, pula, pula, gostosa. Por mim tem empate triplo aí.

Aline: Não, gente, A Hora Mais Escura não merece… Ai, vou arrancar os cabelos.

Arthur: Palpite aqui é igual dar palpite para a loteria. Prefiro não opinar. Mas eu consolaria as perdedoras facilmente.

Jade: Alguma-coisa-impronunciável-Wallis deveria ganhar, juro. Mas nevá que vão dar o prêmio pra uma garotinha de 9 anos, mesmo ela humilhando a atuação das balzacas e novinhas. Por mim, fazendo uni-duni-tê entre as restantes tá bão.

Chinaski: Qualquer uma, menos a Quvenzhané Wallis. Se ela ganhar foi só de pirraça dessa academia desgraçada. OU pela ruindade das outras.

Kirk: Quivezh… Quveznn… WHAT?

Jo: Tem que ir pra moça dessa foto aí. Que foi? Ela é bonita e pessoas bonitas merecem prêmios.

Pizurk: Por gostosura, vai pra Jennifer Lawrence.

Melhor Atriz Coadjuvante

Anne Hathaway (Os Miseráveis)
Jacki Weaver (O Lado Bom da Vida)
Sally Field (Lincoln)
Helen Hunt (The Sessions)
Amy Adams (O Mestre)

A Anne é uma boa atriz boa, e a Amy Adams também, mas não dá pra ignorar a Sally Field aí. E porra, a Helen Hunt ainda faz um meio campo maneiro.

Aline: Sei lá, a Anne é realmente muito boa atriz, mas acho que ainda não tá na hora.

Arthur: Faço minhas palavras sobre a atriz principal as minhas. Rá!

Jade: Acho que a Anne leva e ela até merece, em todos os filmes conseguiu convencer pra caramba. Me surpreendeu no Bátima. Quem diria que a guria do Diário da Princesa estaria aqui, hein?

Chinaski: Vai ser no uni-duni-tê entre a Sally Field e a Helen Hunt. Nenhuma das duas ganhou um Oscar, e eles preferem atrizes veteranas nessa categoria.

Kirk: Prefiro não comentar, de novo.

Jo: Anne, simplesmente por ser mais um pros Miseráveis.

Pizurk: Rapaz, acho que essa é a categoria mais disputada. Vou chutar a Anne Hathaway porque ela é gostosa. Qualé, eu acho.

Melhor Filme Estrangeiro

Rebelle (Canadá)
Amor (Áustria)
No (Chile)
Kon-Tiki (Noruega)
O Amante da Rainha (Dinamarca)

Ninguém liga para filmes estrangeiros. É uma categoria que existe só pra não dar Oscar só pra filme americano.

Aline: Nunca vi, comi ou ouvi falar.

Arthur: Acho que pela ousadia estética e a contestação dos valores vigentes, além de apresentar uma nova ótica sobre o tema corrente, o prêmio com certeza vai para…

Jade: Pois bem, não conheço nenhum dos indicados, mas – e acho que é uma ressalva importante – vale ficar de olho no vencedor. Todas as vezes que fui atrás e assisti ao vencedor dessa categoria não me arrependi. Desse canto ignorado saíram coisas excelentes como A Partida (Japonês) e O Segredo De Seus Olhos (Argentina), que indico com paixão.

chinaski: É uma vergonha. Cadê 2 Coelhos pra representar o Brasil? E perder, é claro.

Kirk: ?

Jo: Não tem filme de favela do Brasil, ninguém liga.

Pizurk: Um filme canadense sobre a guerra civil em um país da África subsariana. Um filme austríaco sobre o amor de dois velhinhos. Um filme chileno sobre ditadura. Um filme norueguês sobre um cara provando que dá pra atravessar o Atlântico numa jangada viking. Um filme dinamarquês sobre a rainha casada com um rei louco que se apaixona pelo seu médico, e com isso mudam a história do país. Tendo isso em mente, meu voto vai pra história do viking. E o resto pode explodir.

Melhor Roteiro Original

Michael Haneke (Amor)
John Gatins (Voo)
Quentin Tarantino (Django Livre)
Mark Boal (A Hora Mais Escura)
Wes Anderson e Roman Coppola (Moonrise Kingdom)

 Nomes enganam, minha gente.

Moonrise Kingdom é um nome que eu acho legal, mas por falta de coisa melhor, por que não dar um prêmio pra mais uma loucura violenta do cara do Skank?

Aline: Roteiro nada, A Hora Mais Escura só copiou o que saiu na TV!

Arthur: Olha, aposto que fica com o Wes Anderson. O cara é bem ousado, merece levar uma Oscar pra casa.

Jade: Pela minha paixão por Tarantino, gostaria muito de vê-lo ganhando o prêmio, mas também acho que não ganha. WAIT. Essa lista não era possíveis vencedores?

Chinaski: Tarantino pode levar, mas deve ficar com o Wes Anderson e o Coppola junior.

Kirk: Só sei que vou torcer contra o Tarantino. Quero me divertir vendo as redes sociais no dia seguinte ao Oscar.

Jo: Isso no ecxiste!

Pizurk: Só vejo nego falando bem de Moonrise Kingdom, não sei como não foi indicado pra mais coisa. Deve levar na moral.

Melhor Roteiro Adaptado

Chris Terrio (Argo)
David O. Russell (O Lado Bom da Vida)
David Magee (As Aventuras de Pi)
Tony Kushner (Lincoln)
Lucy Alibar e Benh Zeitlin (Indomável Sonhadora)

Estou de mãos atadas aqui: O que eu vi deu merda por plágio, e o resto eu não vi. Abstenho-me de opiniões então.

Aline: O filme de terrorismo que devia ser roteiro adaptado!

Arthur: O melhor roteiro adaptado deveria ir para o ctrl+c e para o ctrl+v.

Jade: Pi?

chinaski: Lincoln de novo. Pra somar as outras e ficar na capinha quando chegar na locadora: “Vencedor de X Oscars”…

Kirk: Abstenção.

Jo: Adaptar roteiro é tipo fazer redação. Não sabia que fazer redação dava prêmios.

Pizurk: Argo e Lincoln são os menos bunda dessa lista. Pra você ver o nível…

Melhor Animação

Valente
ParaNorman
Piratas Pirados!
Frankenweenie
Detona Ralph

Normalmente eu presto atenção nas animações, mas ano passado foi um lapso. Da lista só assisti Valente, que, é lindo, mas bem meia boca. Detona Ralph parece legal, mas ainda não assisti, e os outros não me interessaram… E já que Valente tá aí, por que A Origem dos Guardiões também não está?

Aline: Que vergonha, não assisti a nenhuma na lista.

Arthur: Não assisti nenhum, mas vou pelo certo, fica entre Valente e Detona Ralph. Aposto no último pela aparente “originalidade”, pois princesas ousadas estão dando no saco já.

Jade: Acho que Valente leva, mesmo achando que animações andam fracas pra caralho. Alguém avisa que só por que não tem Toy Story esse ano tem que fazer corpo mole?

Chinaski: Tomara que não ganhe nem ParaNorman, nem o Piratas Pirados!, nem o Frankenweenie e principalmente tomara que não ganhe Valente. Tudo medíocre.

Kirk: Valente é assistível e A Noiva CadávDIGO, Frankenweenie é… Uma repetição em si mesmo. Mas que surpresa né.

Jo: Valente, por falta de coisa melhor.

Pizurk: Piratas Pirados conseguiu me fazer pescar durante a sessão. ParaNorman e Frankenweenie nem me despertaram interesse de assistir. Valente é legal, mas aquele clichê desgraçado. Detona Ralph é um clichê, mas é menos desgraçado e muito mais legal [Mesmo tendo o mesmo esquema de “princesa que precisa virar princesa” de Valente], afinal, é uma das poucas animações que eu já ouvi falar sobre um vilão em busca de redenção.

Melhor Documentário Longa-Metragem

How to Survive a Plague
5 Broken Cameras
The Gatekeepers
The Invisible War
Searching for a Sugar Man

Caguei para os filmes em si, mas eles definitivamente tem os melhores títulos do ano. Sério.

Aline: Essa hora da premiação é a pausa pra ir ao banheiro.

Arthur: Por ser um retrato nu e cru da realidade mostrada, mas sem deixar de lado a sensibilidade dos envolvidos, o prêmio deve ir para…

Jade: Meu Deus, que preguiça de pesquisar no Google o que diz cada um deles. Qualquer um.

Chinaski: Ah, tanto faz. Ninguém viu essas merdas, acho que nem quem fez viu. Prêmio só pra gastar tempo, aposto que a estatueta nem de ouro é, deve ser de plastico…

Kirk: HERP DERP.

Jo: Olha, eu definitivamente acho que… ZzZzZzZzZzZzZzZzZzZzZzZzZzZz

Pizurk: How to Survive a Plague é sobre AIDS matar menos gente graças a duas ONGs [Ou algo assim]. 5 Broken Cameras é sobre a resistência pacífica de um fazendeiro palestino frente ao exército israelita. The Gatekeepers são entrevistas com ex-membros do serviço secreto de Israel. The Invisible War é sobre a epidemia de estupros no exército americano. Searching for a Sugar Man são dois sul africanos procurando seu herói da música dos anos 70, Rodriguez [Seja lá quem ele for]. Ou seja, tou torcendo por The Invisible War, só porque americano tem mais é que se foder mesmo.

Melhor Documentário Curta-Metragem

Inocente
Kings Point
Redemption
Mondays at Racine
Open Heart

Diferentemente dos irmãos mais velhos, além de chatos eles tem títulos sem graça. Passo.

Aline: Pausa pra roubar canapé do bufê.

Arthur: Não deu tempo de retratar a situação dos envolvidos.

Jade: Joga pra cima. Quem pegar primeiro, ganha.

Chinaski: O bom desses curtas é que eles acabam logo…

Kirk: Sei lá…

Jo: Mesmo comentário mas com menos tempo pra soneca.

Pizurk: Inocente é sobre um jovem artista que nunca se rende, mesmo com a frieza a seu redor. Kings Point é sobre a migração de vários velhos da cidade de Nova Iorque pra Kings Point. Redemption é sobre os catadores de lixo de Nova Iorque. Mondays at Racine é sobre duas irmãs que abrem as portas do seu salão de beleza toda terceira segunda do mês pra mulheres com câncer. Open Heart é sobre oito crianças ruandesas que deixam suas famílias pra trás em uma jornada de vida ou morte, em busca de uma operação cardíaca de alto risco no Sudão. Depois de cochilar cinco vezes fazendo esse parágrafo, acredito que esse vai pras criancinhas africanas e pans.

Melhor Curta-Metragem

Asad
Buzkashi Boys
Curfew
Doos van een schaduw
Henry

Outra categoria que eu normalmente olho, mas que também não olhei. Curfew e Doos van een schaduw parecem interessante, já Asad e Buzkashi Boys são a mesma coisa de sempre sobre violência, infância e pobreza.

Aline: Agora pra reabastecer o copo.

Arthur: Olha, nem vou fazer piada, porque eu assisti poucos curtas na minha vida.

Jade: Aline, me espera.

chinaski: O filme é curto, mas o discurso de agradecimento é sempre longo…

Kirk: Aline, traz um uísque pra mim.

Jo: É, os títulos são bons.

Pizurk: Asad conta a história de um garoto da Somália que luta pra sobreviver em seu país destroçado pela guerra. Buzkashi Boys é sobre o esporte nacional do Afeganistão: O Buzkashi, uma espécie de polo, mas com um bode morto. Curfew mostra Richie, que no fundo do poço, recebe uma ligação de sua irmã ausente para tomar conta de sua sobrinha de nove anos, Sophia, por algumas horas. Doos van een schaduw fala de Nathan, um soldado que morreu na primeira guerra mundial, mas teve sua sombra capturada, e com isso uma segunda chance; se derrotar outras 10000 [Isso mesmo, dez mil] sombras. E Henry é um pianista virtuoso que tem sua vida arrebatada quando Maria, o amor de sua vida, some misteriosamente, e ele descobre o inevitável destino da vida.

Cara. Sério. Polo com um bode morto. Como vocês podem não se interessar por um filme que tem polo com um BODE MORTO? Esse vai ser o Oscar mais merecido de todos os tempos, e se não ganhar, eu vou pessoalmente botar fogo na sede dessa academia de merda.

Melhor Curta-Metragem de Animação

Adam and Dog
Maggie Simpson in ‘The Longest Daycare’
Fresh Guacamole
Head Over Heels
Paperman

 Paperman.

Acho que vocês já notaram que eu realmente ignorei o cinema no ano passado né? Mas bem, temos uma animação 2D, algo a ser ignorado, um troço bizarro que pode ser legal, uma coisa que parece sem graça e uma animação 2D em preto e branco. Eu já disse o quanto eu gosto de desenhos?

Aline: Sei lá, pras atrizes trocarem o absorvente?

Arthur: Deve ganhar o que fizer os membros da academia sentirem nostalgia.

Jade: Categoria que normalmente eu assisto depois da premiação e gosto muito. Chutaria Paperman, porque sim.

Chinaski: Eu nem vi todos os filmes indicados a Melhor Filme desse ano, vou ter visto esses? O melhor é ver os comentaristas na transmissão ao vivo fingindo que viram.

Kirk: Péra, vou no toaléte e já volto…

Jo: Porra, curta de animação? São aquelas coisas que passam antes dos longas da Pixar?

Pizurk: Exato, Jo. E Paperman passou antes de Detona Ralph, e puta que pariu, que animação do caralho. Vai ganhar com certeza, não tem pra ninguém.

Melhor Fotografia

Django Livre
As Aventuras de Pi
Anna Karenina
Lincoln
007 – Operação Skyfall

 Django me lembra Rango.

Verdade deve ser dita: As Aventuras de Pi é lindo. 007 tem o Daniel Craig, o que automaticamente inviabiliza uma boa fotografia, Anna Karenina é um filme de época que é igual a todo filme de época e Django deve ser visualmente divertido ao menos. Minha aposta seria ou em Pi ou em Jango, mas como já falei, tem Lincoln no meio.

Aline: As Aventuras de Pi podia levar mesmo. O problema é que tem Lincoln no meio…

Arthur: Cadê O Hobbit? Acho que depois de o tanto de estatuetas que o SdA levou, nunca mais vai nenhum para uma obra do Tolkien.

Jade: Por lógica, Pi tem todo o apelo visual, acho que seria condizente se levasse esse.

Chinaski: Qualquer um aí merece esse prêmio muito mais que Lincoln. Mas a academia vai premiar o filme dirigido pelo mesmo diretor de Cavalo de Guerra, aquele super épico que emocionou a todos. Ou não.

Kirk: Véião, pra mim fotografia tem que ser com filme Kodak.

Jo: Dá essa porra pro Tarantino pra nego não reclamar tanto.

Pizurk: Tou torcendo pro 007 ou pro Django. Mas é quase certeza que vai pro Pi.

Melhor Edição

O Lado Bom da Vida
Argo
Lincoln
A Hora Mais Escura
As Aventuras de Pi

Caras, sério, esse é o momento da premiação para ir tomar água e usar o banheiro.

Aline: Nem é. Tem piores. E esses prêmios aleatórios servem pra fazer um agrado naqueles filmes que mereciam levar algo e foram impedidos pela babaquice da academia. Eu nunca vi um “Ganhador do Oscar de sonoplastia” na traseira de um DVD.

Arthur: Ganhar prêmio por editar bem seu filme é a mesma coisa de um carteiro ganhar prêmios por entregar uma carta direitinho, só merece quem fez algo de diferente que deixou todo mundo boquiaberto.

Jade: Porra, edição é muito importante, galero! De todos, tô torcendo pra Argo.

Chinaski: Pow galera, não envergonhem o tio Chinaski. A edição é uma das partes mais importantes de um filme. Um prêmio a ser celebrado. O editor é como um baixista de uma banda de rock: Ninguém sente falta dele, ninguém percebe sua importância, ninguém nota ou sabe direito o que ele faz, até ele fazer errado. Quem viu A Viagem tem um minimo de noção do que eu estou falando.

Kirk: Edição boa era no tempo das mesas de mixagem valvuladas! Enfim.

Jo: [Tinha uma puta de uma opinião aqui, mas foi editada]

Pizurk: Se edição não fosse importante, todos os filmes seriam em uma tomada, sem cortes, com narrativa linear, seus babacas. Mas prevejo mais um careca pro Lincoln. Talvez Argo surpreenda.

Melhor Trilha Sonora Original

Dario Marianelli (Anna Karenina)
Mychael Danna (As Aventuras de Pi)
John Williams (Lincoln)
Alexandre Desplat (Argo)
Thomas Newman (007 – Operação Skyfall)

Creio que Argo e Anna Karenina terão trilhas sonoras interessantes, mas preciso dizer que a torcida é inteira pro John Williams?

Aline: Lincoln foi bom? Tenho preconceito com filmes que envolvam esse barbudo aí.

Arthur: Leiam as palavras do Jo.

Jade: Certamente Lincoln.

Chinaski: Outro prêmio pra conta do Lincoln, fácil-fácil. John Williams merece, mas não por esse filme. Deviam era esperar e corrigir qualquer injustiça com ele dando um prêmio pelo conjunto da obra. Detesto quando alguém deixa de ganhar um Oscar e quando tá quase morrendo, ganha um Oscar por um filme de menor qualidade.

Kirk: Se não tem Ramones nenhum merece. Falô.

Jo: 007. Por que? Porque foi o único que assisti.

Pizurk: Não faço ideia, mano. Dificilmente eu presto atenção em trilha sonora. A melhor é aquela que você nem percebe, mas te envolve.

Melhor Canção Original

Before my Time, de Chasing IceJ. Ralph (Música e letra)
Skyfall, de 007 – Operação Skyfall – Adele (Música e letra)
Pi’s Lullaby, de As Aventuras de Pi – Mychael Danna (Música) e Bombay Jayashri (Letra)
Suddenly, de Os Miseráveis – Claude-Michel Schönberg (Música), Herbert Kretzmer e Alain Boublil (Letra)
Everybody Needs a Best Friend, de Ted (Aqui e aqui) – Walter Murphy (Música) e Seth MacFarlane (Letra)

Mal vi os filmes, cês acham mesmo que eu estava ligando pra trilha sonora deles? Se bem que me recuso a dar o prêmio pro McFarlane, e a trilha de Pi não me atrapalhou em nada.

Aline: A Adele é tão gorda que derrubou o céu. Agora me processem pela piada podre.

Arthur: Adele e apenas porque foi única que eu ouvi.

Jade: Adele já encheu o saco na novela, na internet, nas ruas e agora no Oscar. E vai ganhar esse, podem apostar.

Chinaski: Skyfall deveria ganhar. Afinal, se até o Eminem ganhou um Oscar, a Adele merece um também.

Kirk: Adele. Porra, é uma música legal.

Jo: Dá pra Adele que nego não enche o saco.

Pizurk: Não sendo Ted, tá bom. Mas eu queria que a Adele não ganhasse, só porque ela é gorda.

Melhores Efeitos Especiais

O Hobbit: Uma Jornada Inesperada
Branca de Neve e o Caçador
As Aventuras de Pi
Os Vingadores
Prometheus

Vi O Hobbit em 3D, o que meio que estraga os efeitos especiais (E o filme todo na verdade), Vingadores tem efeitos muito bons, e eu não vi Prometheus, mas porra, Pi, como eu já disse, é impressionante, e, pra mim, não há discussão aqui.

Aline: Olha, nada muito impressionante. Talvez Os Vingadores leve.

Arthur: Vou ter que assisti esse Pi ai, parece que pelo menos compensa pelo visual.

Jade: Acho que Pi ganha. Mas Prometheus foi bem bom, hein?

Chinaski: O Batman nem foi indicado? Que droga hein?

Kirk: Vingadores e Hobbit empatados. Que a academia decida.

Jo: Eu duvido que Os Vingadores leve alguma coisa. Eu duvido.

Pizurk: Tou torcendo por Vingadores, só pelo fanboyzismo. Porque, na boa, hoje em dia os efeitos especiais são todos muito bons [Exceto quando há restrições orçamentárias, o que não é o caso de nenhum filme da lista].

Melhor Edição de Som

Argo
A Hora Mais Escura
007 – Operação Skyfall
Django Livre
As Aventuras de Pi

Fazendo o minha mãe mandou, deu A Hora Mais Escura… Sei lá porquê, mas esse nome me lembra do Ryan Reynolds.

Aline: Lembra do prêmio de sonoplastia que eu comentei ali em cima? Então.

Arthur: Para mim qualquer um que não picou nas falas merece ganhar.

Jade: Chuto 007 – Operação Skyfall. Ganha aumento quem acertar mais?

Chinaski: Agora sim é a hora de fazer essa piadinha. Se bem que nenhum filme nacional nunca ganharia nessa categoria. Sabe quando um filme tem os diálogos com um volume bem baixinho e quando rola uns tiros FICA ASSIM BEM ALTO? É tipo isso.

Kirk: Skyfall aí.

Jo: Edição de som?

Pizurk: Django na veia. Porque? Porque não botaram aquele PIIIIIIIIIIIII quando nigger é falado. Isso sim é edição de som.

Melhor Mixagem de Som

Argo
As Aventuras de Pi
Lincoln
Os Miseráveis
007 – Operação Skyfall

Já que James Bond tá comemorando não sei quanto tempo de qualquer coisa, e provavelmente não vai ganhar mais nada, meu voto vai pra ele é por afinidade, Bial… Porém, diletos leitores, sinto-me obrigado à afirmar que jamais poderei perdoar uma equipe de produção que, à sangue frio e sem piedade alguma, execute uma das mais icônicas personagens da franquia TEM SPOILER VÉI.

Aline: Alguém realmente analisa a mixagem de som? Mixagem, sério?

Arthur: Beastie Boys mereceriam ganhar, com certeza.

Jade: Ratifico a opinião da Aline.

Chinaski: Apesar de ninguém analisar essas coisas, a gente percebe quando um filme tem uma mixagem de som ruim. E só assim. Quando tá tudo bem ninguém nem “ouve” reclamações quanto a isso.

Kirk: Compactuo das opiniões dos colegas acima.

Jo: Mixagem de som? É prêmio pra filme ou pra DJ do ano? Se for pra DJ eu voto no Chinaski. Ou no Eliéser.

Pizurk: Muito me admira esse povo do Bacon que se diz músico criticando mixagem, mas beleza. O que importa é que, dessa lista, eu só vi o 007. Então prefiro não opinar mas só nessa categoria.

Melhor Figurino

Anna Karenina
Os Miseráveis
Espelho, Espelho Meu
Lincoln
Branca de Neve e o Caçador

Porra, só filme de época. Mas tá entre Anna Karenina e Os Miseráveis… Provavelmente o primeiro ganhará, afinal ainda é um filme de época que se passa na Rússia… E é sobre a classe rica.

Aline: Me sinto obrigada a concordar com o Higgor. Juro que é só dessa vez.

Arthur: Deve ser isso ai que falaram antes mesmo.

Jade: Vou com todo mundo mundo, Anna Karenina. E se não for esse, Branca de Neve e o Caçador.

Chinaski: Se era pra indicar Branca de Neve e o Caçador, era melhor dar o prêmio logo pros Vingadores, pro Hobbit ou pro Batman. Sério que nem indicaram pra nada o filme do morcegão?

Kirk: Preciso ver esse Anna Karenina

Jo: Botar O Hobbit nessa categoria pra que? Monte de roupa casual naquele filme.

Pizurk: Vou chutar Os Miseráveis, porque é o único filme que mostra roupa de pobre nessa lista.

Melhor Design de Produção

Anna Karenina
Lincoln
O Hobbit: Uma Jornada Inesperada
As Aventuras de Pi
Os Miseráveis

Considerando todo o trabalho de filmagem, locação e preparação, acho realmente que O Hobbit leva fácil esse prêmio… Mas de novo, tem Lincoln aí e creio que Os Miseráveis também tem uma produção foda.

Aline: O Hobbit podia levar. Construir uma aldeia não é lá realmente fácil. E olha eu quebrando promessa e concordando de novo com o Higgor…

Arthur: Aqui ganha quem contratou o estagiário mais competente.

Jade: O Hobbit, sem dúvidas.

Chinaski: O Hobbit vai levar todos os que foi indicado. E vai igualar o primeiro Senhor dos Anéis.

Kirk: El Hobbito.

Jo: Porra, Os Miseráveis, seus tchola de pé peludo.

Pizurk: Segundo a tradição, Lincoln vai levar esse também.

Melhor Maquiagem e Cabelo

Hitchcock
Os Miseráveis
O Hobbit: Uma Jornada Inesperada

Porra, esse prêmio só pode ser de Hitchcock: O Anthony Hopkins tá irreconhecível, tem a fodona Helen Mirren e tem a musa do Bacon, Scarlett Johansson. Se não ganhar é marmelada das grandes.

Aline: Faria muito pouco sentido se o filme que levasse melhor figurino não levasse também essa categoria. Se bem que como são prêmios de consolação, tudo pode acontecer.

Arthur: Velho, foda-se.

Jade: Pra mim, vai vencer O Hobbit. Maquiagem sensacional de todos os personagens. É isso? Acabou? E puta que pariu, gastei 1 hora da minha vida fazendo isso. Se eu não passar na 2ª fase da OAB a culpa é de vocês, seus putos!

Chinaski: Hitchock deveria ganhar. Pelo menos esse. Afinal, quando eu o vi, jurava que iria ver o Hopkins ganhar uma indicação de melhor ator. Maldita academia.

Kirk: Eu nem tinha nada pra fazer mesmo. E o Hobbit, só pra não ficar sem um chute. Vida longa e próspera, pessoal.

Jo: Melhor Maquiagem E Cabelo? Com patrocínio da L’Oreal e da Pantene? Agora sério, tinha que ser d’Os Miseráveis, mas Hitchcock tá ali pra foder geral.

Pizurk: Até eu sei que figurino é uma coisa e cabelo e maquiagem é outra. E a Scarlett vai levar esse [Não diretamente, mas cês entenderam]. E mais uma vez: CHUPA GLOBO DE OURO!

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito