Zumbilândia (Zombieland)

Cinema quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

 Zumbilândia (Zombieland) gira em torno de dois homens lutando para sobreviver num mundo dominado por zumbis. Columbus (Jesse Eisenberg) é um grande covarde – mas quando você teme ser devorado por zumbis, o medo é justamente o que pode mantê-lo vivo. Tallahassee (Woody Harrelson) é um exterminador casca-grossa de zumbis, armado com seu fuzil AK e a determinação de comer o último Twinkie, um bolinho com recheio cremoso, que resta na Terra. Eles se associam a Wichita (Emma Stone) e Little Rock (Abigail Breslin), que também têm métodos únicos de sobreviver ao caos zumbi, mas precisarão avaliar o que é pior: confiar nos parceiros ou sucumbir aos zumbis.

Você gosta de filmes de zumbi, certo? Afinal, você faz parte do público-alvo do Bacon, ou não estaria aqui, lendo essa resenha maldita. Se bem que ninguém lê as minhas resenhas malditas, vocês preferem a Uiara, só porque ela é boa… escritora. Mas tudo bem, o que importa é que esse é um filme sobre zumbis, que você TEM que assistir, caso se considere um maldito zumbiólatra [Eu sei que a palavra não existe, acabei de inventar].

 Mesmo sendo uma comédia, é melhor que o filme das ovelhas mutantes assassinas.

Basicamente, o filme é narrado por Columbus, um jovem nerd, que passava seus dias jogando MMORPGs [Né, Junnin?] e sonhando com uma namorada gostosa que cairia do céu. Até que a sua vizinha boazuda, a 406, bate em sua porta, pedindo ajuda… Por que foi perseguida por um mendigo babando. Até ai, beleza, se ela não se transformasse, tempos depois, em um zumbi.

 “Vou te comer inteiro (heh) “

Depois disso, por ser um paranóico fudido com transtorno obsessivo compulsivo, ele cria uma caralhada de regras pra se manter vivo. E tenta ir até… Columbus. Sim, os personagens não tem nomes no filme, eles são identificados pelo local de origem ou destino. No caminho pra lá, ele encontra Tallahassee, um brutamontes que mata zumbis por diversão. E é realmente bom nisso. Eu diria até que ele tem classe. Eles se unem, porque é sempre bom ter um apoio. E porque enquanto um dorme, o outro pode dirigir.

 “Afinal, alguém tem que cuidar da sua bunda branca de maricas.”

Mas, como vocês devem ter visto no pôster, tem duas moças, que entram pro grupo de uma forma… incomum. Basicamente, elas sacaneiam os dois e levam suas armas e seu carro embora. Mas, como sobreviventes tem que se unir, se quiserem… sobreviver, eles se tornam uma linda família feliz. Ou não.

 Little Rock e Wichita. Inicialmente, duas feladaputa.

É claro que, sendo um filme de zumbis, e um filme de zumbis FODA, você sai dele com vontade de detonar uns mortos-vivos. Mas você também sai de humor melhor, principalmente depois de Bill Fucking Murray. E caso você não saiba de quem raios eu tou falando, cê merece se juntar a horda. De zumbis, ou que gosta de Hannah Montana, dá na mesma.

Zumbilândia

Zombieland (88 minutos – Comédia)
Lançamento: EUA, 2009
Direção: Ruben Fleischer
Roteiro: Rhett Reese e Paul Wernick
Elenco: Abigail Breslin, Bill Murray, Emma Stone, Amber Heard, Woody Harrelson, Jesse Eisenberg, Jake Akins, Elle Alexander, Melanie Booth, Daniel Burnley

Leia mais em: , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • uiara

    “mimimi elogia minha resenha aí mimimi”

  • Pizurk

    @uiara
    Se eu quisesse elogios, escreveria bem.

  • Felipe

    Só pro pizurk parar de reclamar que ninguem comenta as resenhas dele, vo comenta aqui xD

    Achei legal esse filme, nunca tinha visto um filme de comédia envolvendo zombies. Apesar dos cliches, tinha ideias interessantes, como a ‘melhor morte de zombie da semana’ (a da velhinha da igreja foi fenomenal) e aquela cena naquela coisa que fica rodando no parque de diversoes (nao tive infancia e nao sei o nome daquela coisa =\ )

    Realmente um filme que merece ser assistido.

  • MikeT

    Achei este filme fraco..
    Não tem enredo, nada!

    É bom para quem quer ver tiros.

  • André

    A partir de hoje me apresentarei como “André, maldito zumbiólatra”

  • K

    A parte com o Bill Murray é uma das mais engraçadas do filme. Não, pera, é a mais engraçada do filme SIM. E a abertura, ao som do Metallica, é um show à parte. Trilha sonora foda, ideia foda, filme foda.

  • Esse filme me fez pular da cadeira.
    Não achava tanta graça em zumbis desde a volta da dos mortos-vivos, onde eles murmuravam “Cerebro…” e quando mordiam as cabeças, fazia “ploc” e saia uma mistura de ketchup e maionese…

    Achei muito foda. nota 11.
    Tá dificil ver filmes bons de zumbis atualmente!

  • Nortonlucas

    alguem ai sabe qual é o nome da musica que toca na abertura do filme ?
    aquela da metalica

  • For Whom the Bell Tolls.

busca

confira

quem?

baconfrito