Overdose Sci-Fi: Matrix (Matrix)

Cinema quarta-feira, 14 de maio de 2008

SCI-FI
 Inovação. Palavra perfeita para o início de uma resenha do filme mais inovador dos últimos tempos. Pra mim, de TODOS os tempos. Sabe quando um filme te marca? Então, taí um filme que eu já vi… bom, perdi a conta. Em uma época eu seguia uma filosofia: Todos deveriam assistir Matrix pelo menos uma vez por SEMANA, véi.

É claro que o filme dispensa sinopse, mas a vontade de escrever uma DETALHADA é enorme. Imagine um cara qualquer que, de repente, vira a SALVAÇÃO. SEMPRE “o escolhido” é um cara qualquer, impressionante. Essa é a prova de que até VOCÊ pode vir a servir para alguma coisa.

Matrix é uma transa perfeita de ficção científica, ação, futuro apocalíptico, filosofia E religião. É uma suruba, na verdade. Ao contrário de muitos filmes por aí que são Só porrada, efeitos especiais sensacionais e NADA de história, Matrix tem um PUTA recheio. E uma PUTA cobertura. O filme simplesmente não falha em nenhum dos aspectos.

 OLOLCO!

FICÇÃO CIENTÍFICA

Os computadores dominam o mundo. Pra você que é NOOB PRA CARÍI e não entendeu o filme, é simples: Criamos robôs tão avançados que eles começaram a se aproveitar da gente. Inteligência Artificial. Aí veio a guerra, e a inteligência humana ainda valia para alguma coisa: Os robôs eram alimentados por energia solar. Que tal TAMPARMOS o sol, então? De repente, a Terra foi coberta por uma nuvem enorme. De repente, as máquinas começaram a usar os humanos como… pilha (cada ser humano produz, em média, 120 volts de energia elétrica). De repente, owned. De repente, isso enche o saco.

Mas os humanos precisam continuar vivos para fornecer energia, certo? Então, as máquinas – que agora CULTIVAM a gente, desde quando nascemos – nos conectam a um mundo muito próximo daqueeeele de um tempo antes da guerra, tudo isso enquanto dormimos (com um programa de computador). E crescemos. E as alimentamos. Basicamente, você passa a sua vida inteira sonhando, literalmente. Quando você morre, já era, pilha inútil. OU SEJA: Por mais que seja uma ilusão, é MUITO real.

A resistência, os sobreviventes de tudo isso, vivem escondidos e em busca de um ser que, segundo uma profecia, salvará o mundo disto. Eles vivem em uma “terra” chamada Zion, e têm a tecnologia dessas máquinas caso queiram se conectar áquela “realidade”. Matrix. Esta tecnologia está em suas naves, e é se conectando a elas que eles se unem a nós e acham o Escolhido. Mas é claro que as máquinas não facilitam: Na Matrix há “agentes”, e no planeta realmente REAL há “sentinelas”, máquinas de destruição.

A resistência também conta com programas de simulação, entre outras coisas que podem “turbiná-los” na Matrix. Você é você no mundo real, dominado pelas máquinas. Já na Matrix, com os programas certos, você poderá ser extremamente forte.

A resistência é capaz de “desconectar” as pessoas da Matrix, resgatando-as em seu “casulo”, lugar onde elas são pilhas. É o que fazem com Neo.

ENTENDEU AGORA?

AÇÃO

Misturando-se com a ficção citada acima, a ação deste filme é outra inovação nos cinemas. O que você via nos filmes do Van Damme você não vê em Matrix. Aqui você vê lutas extraordinárias, nos melhores ângulos. Algumas vezes em câmera lenta, quase um pay-per-view. Porrada de respeito. Só.

FUTURO APOCALÍPTICO

Bom, isso foi explicado acima. Um mundo dominado pelas máquinas. Criamos as máquinas, depois criamos as pilhas. Agora, as máquinas CULTIVAM a nós, que somos… pilhas. Sério, de todos os filmes “fim do mundo”, esse aqui é o mais criativo, não tem pra ninguém.

FILOSOFIA

Essa parte já ronda FORA do filme, na cabeça de nós, telespectadores. “O que é real?”. E como eu ODEIO filosofia, dispenso essa parte.

RELIGIÃO

Eu também ODEIO religião, mas a grande sacada de Matrix praticamente foi TIRADA da bíblia. Veja bem: Neo é um Messias. Zion? Saca esse trecho tirado da wikipedia: Sião, ou Zion, aparece no filme Matrix como a última cidade do planeta terra. Sião na mitologia cristã, será a última cidade possível de se viver depois do Armagedom. Entre essas e outras. Tenha medo.

 Clássico.

Com toda essa mistura, Matrix, um filme de 1999, AINDA empolga. Keanu Reeves se eternizou como Neo. Os atores restantes também são eternamente lembrados pelo seus papéis. Os irmãos Wachowski se consagraram. Ou seja, não é só questão de gosto: O filme é incrivelmente foda por natureza.

Matrix

Matrix (136 minutos – Ficção Científica / Ação)
Lançamento: EUA, 1999
Direção: Andy Wachowski, Larry Wachowski
Roteiro: Andy Wachowski, Larry Wachowski
Elenco: Keanu Reeves, Carrie-Anne Moss, Laurence Fishburne, Hugo Weaving, Gloria Foster, Joe Pantoliano, Marcus Chong, Julian Arahanga, Matt Doran, Belinda McClory, Ray Anthony Parker

Leia mais em: , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • will

    Filme otimo!

    pena q os Wachowski Brothas viajaram no 2 o no 3..

  • Realmente um filme muito bom. Vale lembrar também as histórias 2 e 3 do Animatrix que explicam muito bem a história. Mas só para dar uma espetada, a história de Matrix não é tão original assim, já foi usada antes, os caras só tiveram a manha de reformular ela. Quanto aos efeitos, realmente revolucionou o cinema.

  • É, Matrix é mesmo um filme fodástico, e sempre tem aquele amigo seu pra dizer que não entendeu e que o filme é um lixo… pena. Pra mim é o melhor filme de ficção científica de todos os tempos. O fato é, o primeiro mistura filosofia com ação, e dá certo, já nos outros 2 temos mais ação, e bota ação nisso. Incrível, há quem não goste…

    Os efeitos, inovações, como eles montaram por exemplo, os APU, só olhar lá nos extras do DVD, sensacional. Pra quem viu toda trilogia e continua não entendendo aconselho a assistir Animatrix, lá tem tudo mastigado. E se mesmo assim não entender, enfia uma agulha de aço na nuca e, mew, se mata.

  • joao

    hahahah,seu sou sortudo! tenho todos os 3 DVDs a minha inteira disposição!

  • NM

    De inovador matrix não tem nada, mesmo. Se você parar para analisar (ou seja, não fez) tem bastante influência de anime como Ghost in The Shell e Serial Experiments Lain (O primeiro tem mais, basicamente).
    Então, como é um filme que todo mundo já viu, fico me perguntando se o théo que é noob (mais provável) ou ele que não quis falar realmente a causa da revolução das máquinas.

    Em suma, Matrix só é bom o primeiro, os outros é só um filmezinho de ação qualquer.

  • @Sandro Dennis
    Orra, isso é quase uma bíblia, cara. Não tem um resumo? OLOLCO!

    @NM
    Mal aê, cara, não sabia que Ghost in The Shell e Serial Experiments Lain tinham um filme. Então, Matrix realmente não é o filme mais inovador de todos os tempos.

    Não sou nada sem os leitores do AOE.

  • NM

    A questão não é ter um filme, a questão é ter história copiada. Matrix só junto isso em um Live Action.
    Mesma coisa dizer que ”Matrix não tem nada a ver com a filosofia de Platão, porque não existe um filme sobre Platonismo, oh”. Bom, tem o filme do Mundo de Sofia TAMBÉM que cita ”dois mundos”, embora o filme seja do mesmo ano que Matrix (1999) o livro é bem mais antigo.
    Mas bom, Ghost in the Shell tem TRÊS filmes (sendo o primeiro de 1996), Lain nenhum.

    Então eu continuo com a razão =)

  • Não pode ser mesmo, já que essa idéia de máquinas dominando o mundo e uma resistência ajudando o messias também já foi muito usada na serie Terminator(Exterminador do Futuro) e é uma vergonha que ninguém tenha citado essa puta referência.
    Mas deixa pra lá, ficou bom!

  • @NM @Breno Burrego
    Tudo começou com a Bíblia. Nenhum de vocês dois tem a razão, então.

  • Na verdade não podemos afirmar que o início foi com a bíblia, são arquétipos que… hã, preguiça.
    E apesar de achar o assunto interessante, não vou ficar discutindo – psicologia, não Matrix – pra não falar besteira.

    Um amigo meu comentou algo que eu não tinha notado, mas é bem verdade: quando teve o Matrix 1, muita gente saiu pirando do cinema, com mil teorias. Daí anunciaram o 2 e 3, e ficaram meses (ou anos?) de discussão. Saiu o 2. O povo começou a imaginar outras conspirações que podiam estar por trás de tudo, eles ainda podiam consertar a cagada… e saiu o 3. E ninguém mais falou no assunto.

  • NM

    @Théo
    Cara, tu nunca vai aprender? =/
    Em filmes, podemos citar as coisas sugadas como Terminator (Já citado), Metrópolis e BladeRunner.

    E se for citar sugada da bíblia somente por causa do messianismo, então, bom, tu ta errado denovo, Platão é teoricamente mais velho (já que o termo ”messianismo” é derivado justamente para Jesus Cristo como o salvador que veio, foi e irá voltar, se tu quiser pegar algo em torno do velho testamento que dizem que, foi escrito durante 1600 anos da história humana (e sem nenhum tipo de messianismo), dai bom, continuo com Platão, já que naquela época (como você deve saber, ou não) não existia internet, globalização, meios de comunicação extremamente sofisticados etc… e etc…, sem contar fatores geograficos que os Gregos ficavam na…Grécia, e os Hebreus na Palestina) enjoy, noob.

  • @NM
    Verdade, cara, cê tem razão. Valeu aí. Alguma coisa a mais?

  • KRK, NAUM EZISTIA INTERNETS EM 1600 AC. KRK!

  • Hahaha, orra, ele acabou de comentar a coisa mais babaca de todos os tempos. Pelo bem do AOE e pra manter meu status de vendido, BAN THE NM!!1

  • Pizurk

    Não, sério que não tinha internet em 1600AC? OLOLCO!

  • Marcelo Amilcar

    Muito legal essa resenha,pena que os irmãos wachowski derraparam no terceiro filme.
    ps:eles fizeram um otimo trabalho em V de Vingança tbm

  • Bruce

    cada dia que passa encontro mais fanáticos por Matrix assim como eu

    =***

busca

confira

quem?

baconfrito