O Vingador do Futuro (Total Recall) (2)

Cinema quinta-feira, 16 de agosto de 2012

 Bem vindos ao Rekall, a companhia que pode transformar seus sonhos em memórias reais. Para um operário chamado Douglas Quaid (Colin Farell), apesar de ter uma bela esposa (Kate Beckinsale) a quem ama, as palavras “viagem mental” soam como férias perfeitas de sua vida frustrante — memórias reais de uma vida como um super espião podem ser exatamente o que ele precisa. Mas quando o procedimento dá errado, Quaid se torna um homem procurado. Encontrando-se foragido da policia — controlada pelo chanceler Cohaagen (Bryan Cranston), o líder do mundo livre — Quaid conta com a ajuda de uma lutadora revolucionária (Jessica Biel) para encontrar o chefe da resistência subterrânea (Bill Nighy) e deter Cohaagen. A linha entre fantasia e realidade fica distorcida e o destino de seu mundo fica na balança enquanto Quaid descobre sua verdadeira identidade, seu verdadeiro amor e seu verdadeiro destino.

Eu sei que a primeira coisa que vocês querem saber é: Tem a prostituta de três peitos? E a resposta é: Sim, tem a prostituta de três peitos. Mas a viagem pra Marte foi substituida.

Sério, não tem viagem pra Marte, ficou pior ainda: Agora o que acontece é que existe uma espécie de elevador que liga dois polos do planeta: A versão moderna da Grã-Bretanha, que são os ricos do hemisfério norte, e a versão moderna da Austrália, que são os pobres do hemisfério sul. Todo o resto do mundo está inabitável por conta de uma guerra química xinfrim que inventaram só pra limitar o espaço do planeta. E sim, a porra do elevador usa a gravidade, a inércia e passa no meio do núcleo. QUE DEVERIA SER DE FERRO E NÍQUEL DERRETIDO! Mas ok, é licença poética, dirão os defensores. Eu só aceito por ter a Kate Beckinsale e a Jessica Biel.

 Tetéia.

Tem muitos detalhes, como cenas ou até mesmo falas que são reutilizadas [Sustentabilidade é issae], mas muitos conceitos são novos. Por exemplo, ao invés do rastreador estar dentro da cavidade nasal do Houser/Douglas Quaid, é um telefone que tá enfiado na mão direita do cara. Muito útil, muito bonito e a retirada dá o mesmo tipo de agonia. Agora, se eu tou com a mão direita suja, eu não atendo o maldito telefone?

 Diliça.

Já a motivação pro cara ser procurado é completamente diferente, e ao contrário do primeiro filme, nesse caso ele não é um babaca completo, ele só foi pego com as calças na mão. E, convenhamos, um cara que conseguiu armar o esquema que ele armou mesmo preso tem que ser foda.

 Desculpae, tio! Posso olhar o carro?

Mas o filme não convence tanto, mesmo sendo muito mais suavizado que o antigão, que tem uma progressão meio quebrada. Esse aqui tem muito mais ação e cenas bonitas e transições e tal, mas não conta uma história tão boa. É divertido, mas não passa do filme de ação padrão de sempre. Ou será que, por ter vários, fica mais difícil inovar? Quem sabe o que é real e o que é lembrança?

O Vingador do Futuro

Total Recall (118 minutos – Ação)
Lançamento: Canadá, EUA, 2012
Direção: Len Wiseman
Roteiro: Mark Bomback, Ronald Shusett, Dan O’Bannon, Jon Povill e Kurt Wimmer, baseados em conto de Philip K. Dick
Elenco: Kate Beckinsale, Colin Farrell, Jessica Biel, Bill Nighy, Bryan Cranston, Ethan Hawke, John Cho, Bokeem Woodbine

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • “QUE DEVERIA SER DE FERRO E NÍQUEL DERRETIDO!”
    Níquel e Ferro sólidos, não?

  • Não. Assim como magma é pedra derretida, o núcleo do nosso planeta é de metal líquido. E o movimento desse metal líquido é o que gera o campo magnético da Terra, inclusive.

  • Pizurk, o núcleo interno de NiFe é sólido, o externo é líquido e gira.

  • Ou seja…

busca

confira

quem?

baconfrito