Manual de Quarentena: Como sobreviver ao Corona Vírus em casa – Quinquagésimo nono dia

baconfrito domingo, 17 de maio de 2020

De volta com os absurdos recorrentes durante esta pandemia, acho que todos sabem que o ser humano é um bicho social, certo? Pois bem acontece que há lugares no mundo que já estão relaxando as regras da quarentena, e um desses lugares é o estado de Washington nos EUA, no qual os restaurantes poderão reabrir se mantiverem a distância mínima entre pessoas, mas… Como reforçar essa distância mínima?

 Colocando manequins onde ninguém pode sentar, é claro!

Ontem foi um dia, digamos… Interessante.

Abro os trabalho de hoje indicando Oséias, a webcomic que passou aqui pelo Bacon até que pouco tempo atrás. O gibi conta a história de um lobisomem paulista e gay que vê o futuro. Por que? Por quê não?! Desde que o texto saiu aqui o treco já ganhou mais páginas (Que aliás eu sequer tive tempo de ler ainda) lá no Tapas, então não dá nem pra reclamar.

Em seguida vem uma indicação que tem gente que é preciosista e torce o nariz, mas que eu curto tanto em seus bons quanto em seus bregas momentos: O álbum Perfil do Jorge Vercillo, lá de 2003. É bem possível que eu tenha descoberto o cara por causa de alguma trilha sonora de novela, mas o que eu tenho certeza é que sei todas as letras desse álbum.

Djavan meuzovo.

Pra fechar, eis um dever cívico de absolutamente todo brasileiro: Assistir Meu Tio Matou um Cara. O filme é lá de 2004, tem um elenco foda e a direção do Jorge Furtado também tá no ponto, mas o legal mesmo, pra além da estrutura e o tema do filme (Ambos ótimos pontos destoantes frente ao cinema nacional) é o clima do filme… Sabe quando um amigo teu chega pra ti, conta uma história que definitivamente não bate, e você decide deixar rolar só pra ver como termina? Pois é esse o filme.

Pra não falar nessa música foda do Zéu Britto.

Sou só eu ou hoje tá com cara de ontem que tava com cara de anteontem que tava com a mesma cara de quarta?

Leia mais em: ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

confira

quem?

baconfrito