Capitão América: O Primeiro Vingador (Captain America: The First Avenger)

Cinema quinta-feira, 28 de julho de 2011

 Capitão América: O Primeiro Vingador focará nos primeiros dias do Universo Marvel, quando Steve Rogers (Chris Evans) é voluntário para participar de um programa experimental que o transforma no Super Soldado conhecido como Capitão América. Como Capitão América, Rogers se une a Bucky Barnes (Sebastian Stan) e Peggy Carter (Hayler Atwell) para entrar em guerra com a maligna organização H.I.D.R.A., liderada pelo vilão Caveira Vermelha (Hugo Weaving).

Eu não sei vocês, mas eu tava empolgadaço pra assistir esse tal de Capitão América: O Primeiro Vingador: Por mais que o personagem seja um escoteiro maldito nos quadrinhos, sendo poucas vezes realmente foda [Único exemplo que eu consigo me lembrar é a Guerra Civil da Marvel], eu gosto dele. Acho que nem tanto pela personalidade, mas talvez porque ele não tem exatamente um superpoder: Ele é só um ser humano elevado aos píncaros de seu potencial. E o fato dele ter um escudo praticamente indestrutível que o desgraçado consegue jogar nos inimigos e fazer rebater igual pinball de volta pra ele também é foda, falaê.

E quando eu vi o trailer, me enchi de esperança, ao mesmo tempo que pensava: “Caraio, o Chris Evans realmente ficou miúdo desse tanto pro papel? Não pode ser.” E não era mesmo, computação gráfica do caraio [De ruim, no caso]. Mas fazer o que, não dava pra deixar o cara anão, mesmo que ele ficasse magro como quem pegou AIDS. Seja lá quem for o chassis de frango original, se saiu muito bem no papel de mané que só toma, de qualquer forma. O pobrema é que eu fiquei com a impressão de que o rosto do Steve Rogers era muito grande pra sua cabeça antes dele ter tomado o soro do supersoldado.

 E agora você também.

Mas tá, beleza, era um mirrado que virou um parrudo. Temos todos os elementos crássicos: O uniforme véio com as asinhas na cabeça, o escudo em forma de… Bom, de escudo. A época de guerra. Mas as mudanças foram muito substanciais. ATENÇÃO PARA POSSÍVEIS SPOILERS QUE NÃO AFETAM PORRA NENHUMA MAS AFETAM E É ISSO AE: A morte do dr. Abraham Erskine foi mais ou menos a mesma coisa, um agente inimigo e pans, que serviu como uma ótima introdução pra cena de perseguição a pé e tal, mas que porra é essa de Capitão América fazendo show pra vender título de guerra? Se foder. E tudo bem que botar um parceiro mirim numa guerra seria imbecil, mas o modo como o Bucky morreu foi muito mais.

 Cabou spoiler. Cabou amizade. Cabou minha dignidade. Cabou meu chassis de frango.

Assim como Thor ou Homem de Ferro 2, o filme só tá preparando terreno pros Vingadores [Tenho a impressão de já ter dito isso]. Mas não deixa de ser um bom filme de guerra [Mesmo sendo totalmente fantasioso. Caralho, cês queriam o que com um cara que toma uns remedinho e já incha? Não é concurso de fisiculturismo não, porra], e o mais bacana é que, mesmo com várias modificações, tá mais ou menos fiel ao original, com o América usando armas de fogo e tal. Se bem que no filme ele não tem treinamento nenhum, só ganha o corpo, tá lá fazendo firula no palquinho e do nada tá usando escudo que bate-volta e dando uns golpes de karate fodões. Deve ter sido o tanto que ele apanhou na vida, só pode.

 Acharam que não ia ter peitos aqui? Pois é, nem no filme.

Mas é claro que eu não poderia deixar de falar dos personagens secundários: Temos um Howard Stark que nada mais é do que a versão anos 40 do sr. Tony Stark, o coronel Chester Phillips, que não é personagem na HQ, mas foi divertido ver na pele do Tommy Lee Jones, que tem bem cara de coronel véio pentelho. Teve também a crássica aparição do Samuel L. Jackson como Nick Fury no final [E não sei se tem cena depois dos créditos, pelo menos na sessão que eu fui não teve], Stan Lee pagando de robert como sempre e o personagem nem é dele, mas quem roubou a cena, pra variar, foi o Hugo Weaving, no papel de Johann Schmidt que depois se torna o Caveira Vermelha [Ou já era desde o começo, tanto faz]. O cara manja muito de interpretar vilão, só devia ser contratado pra isso, PQP. Ou seja, resumão: Vá sem medo de ser feliz, a menos que você seja um chato dos quadrinhos igual a mim.

Capitão América: O Primeiro Vingador

Captain America: The First Avenger (124 minutos – Ação)
Lançamento: EUA, 2011
Direção: Joe Johnston
Roteiro: Christopher Markus e Stephen McFeely, baseados no personagem de Joe Simon e Jack Kirby
Elenco: Chris Evans, Hugo Weaving, Hayley Atwell, Sebastian Stan, Tommy Lee Jones, Samuel L. Jackson, Dominic Cooper e Stanley Tucci

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Eu espero de verdade que os vingadores seja o filme mais phoda já lançado (mesmo sabendo que eu vou me decepcionar COMO SEMPRE acontece com adaptações) pq porra! Tanta história com potencial sendo mastigada e jogada de qualquer jeito só pra instigar meio mundo pra ver um filme é complicado.

  • lucas

    Porra, achei o mais fraco da Marvel Studios. As cenas de ação tão bacanas, mas as relações do Capitão com os outros personagens se arrastam MUITO e ainda são uma merda. Principalmente o romance com a minazinha lá, ficou insuportável… Valeu mais pelas conexões com os Vingadores. E o Tommy Lee Jones é foda.

    Ah, e a cena depois dos créditos é o trailer dos Vingadores.

  • depois dos créditos tem um trailer de Avengers

  • Chinaski

    caralho, muito foda a cena em que aparece o tocha humana original. isso sim é ser irônico…

busca

confira

quem?

baconfrito