As melhores músicas que você já ouviu mas não conhece

Música terça-feira, 31 de maio de 2016

No grande esquema da vida há uma parada chamada batata frita.

Mas ninguém liga, o que importa é que tem uma pá de música legal que eu sei que cê conhece e também sei que cê não sabe o nome.

A maior parte destas músicas, de um jeito ou de outro, foi trilha sonora de filme, desenho animado, série de TV, de música de elevador ou até mesmo naquele pornô maneiro dos anos 80, e como já deu pra notar, todas elas são incrivelmente conhecidas no mundo todo, mas isso não quer dizer que a galera manje que elas existem. É verdade que a maioria delas aqui tem alguns séculos de vida, mas não é a regra… Quem sabe isto aqui não vira uma série.

Green Onions do Booker T. & the M.G.’s

Com seu início nos anos 60, a Wikipedia diz que os caras continuam na ativa atualmente. Green Onions é do primeiro álbum dos caras, que leva o mesmo nome inclusive. Mas o importante mesmo é que você já ouviu essa música, seja durante um passeio pelas palmeiras de Las Vegas ou após um roubo multimilionário à um banco qualquer.

Miserlou do Dick Dale

O nome dessa música mesmo é Misirlou, mas o Dick Dale safadamente mudou a grafia pra não pagar royalties. Seja como for, funcionou, porque essa porcaria não só está em todo filme de surf (E em Pulp Fiction) como também é sample de meio milhão de músicas diferentes. O que é mais estranho porque nenhum desses derivados, nem mesmo a do Dick Dale, tem porra nenhuma com a original, que não se sabe onde foi criada e nem quem foi que criou, mas a versão mais antiga é esta aqui:



Overture de Guilherme Tell de Rossini

Ok, saca só: A ópera Guilherme Tell foi composta por Rossini, um fanfarrão que cê deveria conhecer, sendo que a tal ópera é baseada na peça de mesmo nome que é do francês Friedrich Schiller. Caso você não se lembre, Guilherme Tell é o cara que acertou a maçã na cabeça do próprio filho.

A Marcha dos Soldados Suíços em Guilherme Tell de Rossini

Pois é, mais uma do cara, e ainda mais, na mesma ópera. Eu sinceramente não sei qual das duas é mais famosa, mas cê já ouviu ambas… Só mais um dos muitos motivos pelo qual Pernalonga é muito melhor que essas porcarias de desenho de hoje.

Morgenstimmung de Edvard Grieg

Aposto que cê achava que esta era a mesma música que a do Rossini. Seja como for, a ideia é a mesma: É manhã, o sol está nascendo e todas as aventuras possíveis ainda vão começar. Morgenstimmung é o prelúdio do quarto ato da peça Peer Gynt de, ninguém mais ninguém menos, Ibsen.

The Sailor’s Hornpipe

Pra sair um pouco das óperas e peças, vamos pra uma das grandes melodias tradicionais. The Sailor’s Hornpipe já apareceu em todos os desenhos dos últimos 40 anos, pelo menos uns 30 filmes e continua a fazer sucesso com a pirralhada em seus quase 250 anos… O que é estranho, considerando o título.

Take Five do The Dave Brubeck Quartet

Direto de 1959, poucas músicas gritam “cassino” quanto essa pra mim. Ela já foi tema de filme, abertura de programa de TV e parte de propaganda governamental. A música tem versões com letra escritas pelo próprio Brubeck, mas a original é muito mais legal.

Overture de O Barbeiro de Sevilha de Rossini

Olha o cara aí de novo. Que filho da puta de compositor. O Barbeiro de Sevilha é uma das óperas mais famosas do mundo, tendo sido adaptada pra quadrinhos, peças, filmes, desenhos, brinquedos e, se duvidar, até brinde no McLanche Feliz, sendo derivada também da peça de mesmo nome por Pierre Beaumarchais. E caso você queira mais, saca só o que também é de Rossini, e desta mesma ópera:



Galope Infernal em Orfeu no Inferno de Jacques Offenbach

Sim, é isso mesmo, a maior música de cancan do mundo vem direto de uma ópera que, diga-se de passagem, fez a alegria de tanta gente quanto o próprio cancan. A outra famosa ópera de Offenbach, O Carnaval dos Animais, conta com uma versão da música no quarto movimento, das tartarugas:



Dueto das Flores em Lakmé de Delibes

Essa é uma daquelas músicas que todo mundo conhece. Eu sei que o resto da lista é extremamente famoso e tal, mas não creio que nenhuma das outras consiga ser tão popular e tão desconhecida quanto esta. Tal qual as outras ela já esteve em filmes, em peças de teatro, em séries, desenhos e até propaganda de forças armadas.

Dança do Sabre em Gayane de Aram Khachaturian

Diferentemente das outras, esta aqui vem do balé, e apesar de parecer velha pra caramba tem só 74 anos, o que é menos de um terço em relação à algumas outras da lista. Não só ela coleciona covers e usos variados como também é uma das músicas de jukebox mais famosas de todos os tempos (Até porque ninguém mais faz jukeboxes).

Shave and a Haircut e two bits

Vou roubar um pouco: Shave and a Haircut e two bits não é uma música, mas um trecho que sabe-se lá quando foi que surgiu, mas desde que surgiu passo pelo mundo todo, da música à TV, dos cinemas às piadas do seu tio do pavê. Tem buzina de carro com esse troço, campainha, batida na porta, código morse e eu tenho certeza absoluta que dá pra ensinar meia dúzia de animais diferentes a fazerem o mesmo som. Eu aposto todos os meus dedos que você não sabia que isto aqui tinha nome, mas tem, e é uma das melodias mais conhecidas do mundo.

Leia mais em: , , , , , , , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito