Top 5 Origens, Parte II

Nona Arte terça-feira, 04 de dezembro de 2007

Está na hora de dar continuidade ao Top 5 de Origens, iniciado aqui. Desta vez, irei rankear as origens dos antagonistas, seres necessários para o desenvolvimento de qualquer história. Eu pensei que seria fácil fazer um top 5 de vilões, mas logo vi que estava enganado. Após pensar bastante, cheguei a esta lista:

Great White Shark

5- Grande Tubarão Branco (Great White Shark)
Ok, muitos devem estar se perguntando o que este cara está fazendo aqui no top 5. Mas este cara passou por muita merda até chegar ao status de vilão. De um jeito diferente, mas sofrível de qualquer modo. Tudo começou quando o Warren White, milionário conhecido como Grande Tubarão Branco, foi levado a julgamento sob a acusação de desvio de renda e sonegação de impostos. Numa tentativa de evitar a cadeia, White se fingiu de louco. O problema é que Gotham City é o único lugar em que a cadeia é melhor opção que um sanatório. White foi mandando para o Asilo Arkham, lar dos maiores psicopatas da cidade, como qualquer fã do Batman deve saber. Antes que alguém diga que isso não é nada, imagine como seria ter que almoçar na mesma mesa do Duas Caras ou do Coringa, por exemplo. White passou por todo tipo de abuso em Arkham, e sofreu até mesmo tentativas de assassinato. No final das contas, ele acabou preso no quarto do Sr. Frio, cuja temperatura ambiente é abaixo de zero. Com o tempo, sua pele foi sendo congelada e seu nariz caiu (Michael Jackson ainda é o rei do pop), deixando sua aparência similar a de um tubarão branco. Isso foi a gota d’água para o playboy, e ele acabou se tornando tão perturbado quanto seus colegas do Arkham. E justamente isso que adorei na origem dele, um vilão criado por outros vilões. Hoje em dia ele é um dos criminosos mais poderosos de Gotham, e chefia o crime de dentro do Asilo Arkham. Se quiser dar uma olhada em sua origem, leia Asilo Arkham: Inferno na Terra (Arkham Asylum: Living Hell).

Joker

4- Coringa (Joker)
Seria um desrespeito aos dcnautas deixar esse cara de fora da lista. Ele não só está entre os maiores da editora, como também é o oposto perfeito do Batman. Afinal, nas palavras de Grant Morrison, “o Batman é um cara bom que se veste de forma assustadora, enquanto o Coringa é um cara mal que se veste de forma inofensiva, um palhaço”. Nos seus tempos de cidadão comum, o Coringa era um comediante fracassado, prestes a ser pai. Ele chegou ao fundo do poço após a morte de sua mulher. Sem grana nenhuma, ele aceitou participar de um assalto a uma indústria química, sob a identidade de “Capuz Vermelho”. Graças ao Batman, as coisas não foram de acordo com o plano, e o pobre rapaz acabou caindo dentro de um dos tonéis de produtos químicos. Sua pele se tornou pálida e seus cabelos e lábios ficaram verdes, lembrando um palhaço. O que acontece a seguir, acho que todos sabem.

Onslaught

3- Massacre (Onslaught)
Um dos vilões mais poderosos e cruéis a pissar no Universo Marvel, Massacre também é possuidor de uma das origens mais irônicas. Tudo começou durante a conclusão do arco “Atração Fatal”, com a cena clássica em que Magneto arranca o adamantium de dentro de Wolverine. Isso foi suficiente para que Charles Xavier deixasse seus princípios de lado e usasse seus poderes para “desligar” a mente de Magneto. E foi dessa ação que Massacre nasceu. Ao conectar sua mente á de Magneto, Xavier foi “infectado” pela seu lado negro e despertou o que havia de mais cruel em si. “E o que há de irônico nisso?”, você me pergunta. Se você não consegue ver a ironia em ver Xavier, que sempre lutou pelo relacionamento pacífico entre humanos e mutantes, tomando conta das ruas de New York e declrando guerra á humanidade, então acredito que figuras de linguagem não é seu forte. Só acho uma pena que a saga “Massacre” tenha tido um final tão caça-níqueis, onde todos os personagens mortos foram revividos logo em seguida. Mas foi interessante, mesmo assim.

Vulcan

2- Volcano (Vulcan)
Na noite fatídica que separou a família Summers, Christopher e Katherine Summers foram teleportados para um cruzador Shi’ar, e levados até a sala do trono. Lá, o casal foi separado. Katherine, que estava grávida, teve seu bebê tirado de dentro do seu ventre e foi morta em seguida. Christopher conseguiu fugir, sem saber que seu filho caçula continuava vivo, e se tornou o pirata espacial Corsário. O pequeno Gabriel Summers foi posto numa máquina de envelhecimento e criado como escravo dos Shi’ar, até o dia em que foi parar na Terra, onde seria escravo de um relativo do imperador D’Ken. Ele foi encontrado pela doutora Moira McTargett, com amnésia, e passou a viver na Ilha Muir, junto a outros três mutantes. Ele disse que seu nome era Gabriel e após ler um livro de mitologia grega passou a se chamar Kid Vulcan. Gabriel chegou até a treinar com seu irmão Scott, o Ciclope dos X-Men, mas eles desconheciam seu parentesco na época. Quando os X-Men foram feitos prisioneiros em Krakoa, Xavier pediu á Moira para que “emprestasse” seus pupilos, com o objetivo de usá-los numa missão de resgate. Xavier fez um treinamento relâmpago por projeção astral e os mandou á Krakoa. A missão foi um fracasso. Vulcan foi o único sobrevivente. Ele permaneceu adormecido até o Dia M. Com a memória parcialmente reconstituída, ele colocou em ação um plano de vingança contra os X-Men, como visto em Gênese Mortal. Assim que Xavier recuperou o resto de sua mente, Grabiel partiu para Shi’ar, onde pretendia matar D’Ken e tomar o trono de imperador. Com a incrível habilidade de controlar as formas de energia, Gabriel é uma força a ser temida. Ele é o Imperador Vulcan.

Magneto

1- Magneto
Meu vilão predileto, eu considero sua origem uma das melhores dentre o universo dos quadrinhos. Após ver o brutal assassinato de seus pais na mão de soldados nazistas, Magnus foi mandado para o campo de concentração de Auschwitz onde ele serviu no Sonderkommando, o grupo de judeus forçados a ajudar seus “mestres” nazistas na operação das câmaras de gás, fornos e crematórios do campo. Na sua estadia em Auschwitz, Magnus conheceu uma cigana chamada Magda. Magnus e Magda sobreviveram ao holocausto e se casaram. O casal teve uma filha, Anya. Magnus usou seus poderes conscientemente pela primeira vez quando sua família ficou presa num incêndio. Incapaz de resgatar sua filha devido á sua inexperiência, somada a interferência de um grupo de humanos raivosos, Magnus acaba usando seus poderes para se vingar, massacrando os humanos. Aterrorizada, Magda o deixou e meses depois descobriu estar grávida. Magda presumidamente morreu após ter dado luz a gêmeos mutantes na Motanha de Wundagore. Para despistar seus perseguidores, Magnus pediu ao mestre forjador George Odekirk para que criasse a identidade de “Erik Lehnsherr” para ele. Magnus eventualmente achou seu caminho até Israel, onde trabalhou como assistente num hospital psiquiátrico perto de Haifa. Ele ficou amigo de Charles Xavier, com quem ele fez longos debates, hipetetizando o que aconteceria se a humanidade fosse enfrentada por uma raça de seres super-poderosos. O par revelou sua verdadeira natureza quando eles impediram o criminoso nazista Wolfgang Von Strucker de obter uma grande quantia de ouro nazista. Causando um desmoronamento que aparentemente matou Strucker, Magnus percebeu que a visão de Xavier quanto a relação humano-mutante era incompatível com a sua e fugiu com o ouro. Temendo outro holocausto, ele adquiriu uma estância agressiva e letal contra a humanidade, ao formar o grupo terrorista conhecido como Irmandade de Mutantes. Ele passou a se chamar Magneto, mestre do magnetismo. Magneto acreditava que os mutantes, os quais ele chama de Homo Sapiens Superior, vão eventualmente ser a forma de vida dominante do planeta. Até que o Dia M chegou e cerca de 90% da população mutante, incluindo Magneto, perdeu seus poderes. Desde então, Magnus tem vagado por aí, rebaixado á condição de mero humano. Mas por quanto tempo?

E o Top 5 acaba por aqui. Como sugerido pelo Black, irei um dia fazer uma lista mais vasta, já que muito personagem que eu queria ter mencionado ficou de fora. Mas isso é coisa para se planejar com calma. Agora se me dão licença, vou rir dos meus amigos corinthianos, até que caia a ficha que meu Palmeiras não vai pra Libertadores e eu fique trsite também.

Leia mais em:

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • théo

    Boa, cara. Também curto pra carái o Magneto, mas não manjo NADA de hq’s.

  • niptuck

    Ele é um personagem foda, é uma pena que no filme ele tenha ficado meio sem personalidade. Não senti aquele espírito SUPREMACISTA.

  • joao

    @niptuck
    pior que é o que você disse…….

  • Friederichs

    Velho, assumo que tava meio com um preconceito para ver esse “top” achando que vc ia botar algumas coisas que me revoltariam!
    Mas nossa, demais suas escolhas! não sei se as faria , mas vc fez e justificou muito bem!!!

    Demais os tops! E concerteza, Magneto é o cara!!!

  • Grivu

    COMO ASSIM CORINGA EM 4ª POSIÇÃO?
    KHAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAANNN

  • Black

    Valeu pela citação, Nip… Aí… Outro vilão cirado por vilões em Batman é o Duas-Caras que nasceu durante a prisão do Coringa. Ele era o promotor e o Coringa jogou um pote de ácido no rosto dele, fazendo com que ficasse com metade do rosto deformada. Hoje em dia, mesmo com o rosto inteiro, ele já provou que vai sempre seguir o lado do crime.

  • Niptuck

    Eu lembrei do Duas Caras na hora de fazer a lista, mas Warren White sofreu muito mais nas mãos dos outros vilões, e até foi capanga do Duas Caras em Arkham (mas só era protegido metade das vezes).

    “COMO ASSIM CORINGA EM 4ª POSIÇÃO?
    KHAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAANNN”

    A lista é de origem, não de fodalidade.

  • Grivu

    Ah tá =)

  • bel

    Boa, cara. Também curto pra carái o Magneto, mas não manjo NADA de hq’s. [2]

    eu vi no filme ele na prisão de ausfgusitz… orra, até eu tinha surtado depois dessa.

busca

confira

quem?

baconfrito