The Following – Mais sangue e suspense pra sua tela

Televisão terça-feira, 08 de Janeiro de 2013

Eu não sou a pessoa mais chegada a séries sangrentas, de psicopatas e pessoas morrendo, sendo mortas, decapitadas, andando por aí depois de levarem um tiro na cabeça e sendo despedaçadas, mas sou chegada a quem curta, e resolvi dar uma chance e ler sobre (Porque me pedir pra ver é o mesmo que pedir pra eu fazer um transplante de estômago, né?). E aí, numa dessas, eu estava assistindo TV e vi uma chamada sobre uma série que está pra estrear e, é claro que é sobre morte, investigação, e sangue. Muito sangue. Porque é de sangue que o organismo se sustenta, entre outras coisas, não é mesmo? Claro.

The Following, a nova série de suspense, é estrelada por Kevin Bacon, que tem seu primeiro papel de protagonista na TV, e James Purefoy. Ex-agente do FBI, Ryan Hardy (Bacon) é o responsável por caçar o serial killer Joe Carroll (Purefoy), fã de Edgar Allan Poe que criou uma espécie de culto de serial killers. Anos atrás, Carroll havia sido capturado por Hardy, porém escapou do corredor da morte e voltou a matar. Tal fato fez com que o FBI contatasse o ex-agente para dar consultoria no caso, já que ele sabe exatamente como o assassino age, conhecendo-o melhor que todos e sendo capaz de solucionar o caso. Ou tentar. No entanto, Hardy não é mais o mesmo de anos atrás, já que carrega consigo lembranças do caso, que vem acompanhadas por cicatrizes físicas e psicológicas. Isso faz com que Hardy seja, inicialmente, mal visto no caso, já que começa a dificultar seu andamento. Porém, sua importância é reconhecida quando descobre que Carroll está se comunicando com a rede de criminosos que ele criou através da internet. Sempre a internet. E depois falam que na internet só tem pornografia e gente xingando no Twitter. Nesse caso, tem gente seguindo e obedecendo a um psicopata. BEM PIOR, NÉ HATERS? Brinks.

Carroll deixa claro que sua loucura não tem fim, e que escapar da morte era o primeiro passo para provocar outras tantas mortes, já que a única que ele pretendia evitar era a sua própria. E, para dar sequência a seu plano, iniciado 9 anos antes, de destruir vidas, envolvendo diversos assassinos de todo o mundo, Carroll usa Hardy como uma peça importante em seu jogo, o que dá ao ex-agente a chance de capturar seu inimigo enquanto lida com uma rede de culto a serial killers.

Os trailers e resumos da série me lembram The Mentalist e, claro, Dexter, que, inclusive, empresta um de seus atores para The Following: David Zayas, que interpretará Tyson, amigo de Hardy que servirá de apoio para capturar Carroll.

Nos Estados Unidos, a série, que terá apenas 15 episódios, será transmitida pela FOX, a partir do dia 21 de janeiro. Aqui no solo brasileiro, quem vai passar a trama pra geral é a Warner Channel, a partir de fevereiro.

Devo confessar que eu, que tenho problemas com sangue e mortes em geral, to querendo ver a série. O que um bom teaser não faz, né? Se liga no trailer.

Leia mais em: , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito