Tem Friends, não tem Friends, tem Friends…

Televisão sexta-feira, 19 de Abril de 2013

Não tem Friends. Não sabe do que eu to falando? Eu te ajudo: Durante a tarde desta última terça-feira, rolou um boato fortíssimo pelas redes sociais que aqueles seis amigos mais queridos dos últimos tempos iriam novamente se reunir. Foi dito por aí que Chandler, Phoebe, Joey, Monica, Ross e Rachel voltariam a se encontrar e fazer a alegria dos fãs. Foi falado, inclusive, na existência de uma nova temporada com todos eles. Quão maravilindo seria isso? Muito.

No entanto, meus caros, mais uma vez isso era men-ti-ra. Tipo aquela coisa de dar o doce pra criança e depois tirar. O tal comunicado “oficial” da NBC confirmando o retorno da série não era tão oficial assim e não passou de pegadinha. Até o Sérgio Mallandro faz pegadinha melhor do que isso e de menos mau gosto, né? Não? Ok.

Quem começou com esse papo todo foi o site Star Media, que, by the way, disse que não era certo ainda que os atores originais estariam presentes na série. OI? Como faz então? Gente nova nos papéis dos nossos queridos nova iorquinos? Não, né gente. Por favor. No entanto, não existe nenhum comunicado da NBC se posicionando sobre o assunto, nem negando nem afirmando os boatos. Quem quebrou o coração da geral foi o site The Daily Caller, fazendo o favor de esclarecer a bagunça toda e colocar tudo novamente no lugar. E, por colocar no lugar, eu quero dizer: Não tem Friends.

Eu, como fã incondicional da série, não sei se fico feliz com o boato ser somente um boato e não ver reunidos os queridinhos de Central Perk. Eu tenho saudade de sentar na frente da TV e esperar por episódios novos. Claro que tenho. Mas, será que tanto tempo depois a ~mágica que a gente conhece, curte, ama, idolatra ok, parei ainda será a mesma? Eu lembro quando Joey deu sequência a seu personagem, na série que levou seu nome, e o ator perdeu totalmente a linha e criou um novo Joey. Um que não deu certo, diga-se de passagem. Eu estava louca pra ver a série, e amar um pouco mais o ator que nunca deu certo e sempre fazia tudo errado, e o que eu vi foi algo completamente diferente do que rolava em Friends.

Tantos anos depois, será que a alma dos personagens ainda vive nos protagonistas da sitcom? Talvez, mas o risco de não permanecer e tudo ser diferente assusta um pouco. Assusta, porque a mudança pode fazer a magia acabar, pode fazer a decepção tomar conta e, quando a gente tem uma imagem muito bem construída e fechada sobre algo, quando a gente se depara com uma mudança, as coisas se perdem. E viram comparações que nem cabem mais serem feitas.

Eu fico curiosa, e empolgada com a ideia de uma sequência a Friends. Mas, friamente pensando, não sei se esse seria somente um modo de ver todos os atores vários anos mais velhos, mais ricos (?), e menos Friends.

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Marinheiro de banheira

    A Courtney Cox tava no ultimo espisodio de GO ON, como uma vadia louca, até beijou o Chandler (esqueci o nome dele)

  • Eu até assisto Friends, mas não sou daqueles que mataria por isso. O que me impressionou foi a quantidade de gente que virou fã da noite pro dia com essa notícia. Tal qual a quantidade doentia de fãs de Daft Punk que surgiu DO NADA nos meus feeds do Facebook. Galera tá sabendo do que gosta demais nesses dias aí.

  • Henrique

    Eu não vejo problema a pessoa ser “fã do dia para a noite”, até mesmo porque muitos dos jovens de hoje nasceram depois que terminou Friends e descobriram agora. Ué, um dia iriam saber desse seriado e gostaram muito.

    Eu ainda assisto, sempre que to passando os canais e vejo na Warner eu assisto e ainda dou risadas, acreditem.

    Acho muito “haters gonna hate” essa parada se ninguem mais pode vir a gostar algo do passado, é muito mimimi para pouca coisa com que se preocupar. Seja seriado, filmes, HQ, música …

    Para ter uma idéia, esse fim de semana foi aniversário do irmão de um amigo, e lá tinha os “amiguinhos” dele … pasmem, ficamos horas conversando sobre HQ e tudo o mais, coisas que eu havia esquecido e lembrei e/ou aprendi com essa nova juventude (tá, tenho 30 anos, perceberam agora).

    Concordo com o texto, não acho que seria legal um novo episódio deles pois tenho medo também de perder essa magia.

    Vi no GO ON o episódio que aparece a ‘Monica’ com 1 litro de botox na boca, Jesus Amado, que diabos voce fez Monica??? Conseguiu ser mais feia que a Ana Maria Braga.

  • Então, cara, eu não dou a mínima pra virar fã da noite pro dia, tem parada aí que descubro do nada e começo a consumir loucamente como se ouvisse desde moleque, não tem nada de errado nisso mesmo. O que acho chato pra caralho é a galera que tira do sovaco um trem e começa a agir como se, por exemplo, a volta de Friends fosse o maior acontecimento de 2013, o que vi em muitos lugares.

    Gosto de uma caralhada de coisas aí, mas – é uma atitude pessoal – evito ao máximo sair falando coisa ou outra sobre um troço qualquer que seja, a menos que tenha conteúdo mesmo para tanto, evitando sair falando merda, o que eu pouco vi nesses dias com notícias fodas tipo a volta de Friends ou Daft Punk que citei. Enfim, é algo pessoal que me irrita, no caso, nego falando asneira, tanto quanto sapos, por exemplo, não acho que seja algo ‘hatters gonna hate’, não foi nem de longe isso que quis dizer.

  • Henrique

    Entendi perfeitamente o que voce quis dizer agora e concordo plenamente.

busca

confira

quem?

baconfrito