SABRE DE LUZ no Wii, mano!

Nerd-O-Matic quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Bom, como eu sempre digo, essa coluna não é espaço pra fazer review de jogo. Mas no caso de Star Wars: The Force Unleashed para o Wii, eu simplesmente TINHA que falar sobre o jogo já que citei ele tantas vezes anteriormente nesta mesma coluna, e a gente vem falando disso aqui desde o ano passado. Afinal, este é o jogo que pode apresentar uma forma de jogabilidade e imersão nunca antes alcançada em nenhum outro console, realizando a fantasia nerd de vários gamers fissurados em fazer UÓN com um lightsaber, ainda que seja apenas um wiimote. Este é o jogo que pode provar de uma vez por todas que o Wii é a plataforma mais DIVERTIDA disponível no mercado atualmente. Né?

Nem.

Star Wars: The Force Unleashed (Wii)

Infelizmente não foi dessa vez. O Leef já tinha dado a letra nos comentários da minha coluna anterior:

Porra Leef, resumiu perfeitamente o jogo. Eu não dei muita atenção pra notícia em primeira mão do cara porque, sabem como é, nossos leitores são todos motherfuckers e eu nunca deixaria um de vocês estragar minha diversão antecipadamente. Além do mais, eu ainda acreditava que isso:

podia virar realidade. Tsc. Jogadores hardcore podem ser muito ingênuos mesmo.

Mas eu tinha direito de acreditar, porra. Se tem um console que poderia realizar esse sonho, esse console é o Wii. Mas… sei lá… FALTOU alguma coisa, manjam? Faltou o feeling de estar realmente manejando um lightsaber, de se sentir um jedi. O cara que tava esperando o jogo, na fissura, esperava pegar o wiimote e se sentir assim:

Mas do jeito que o jogo foi implementado, o cara acaba assim:

Porra, isso vai contra o espírito de fantasia dos vídeo-games, cara. Eu quero ser colocado em outra realidade quando jogo meus jogos. Não quero ser lembrado a todo momento pelo jogo que eu sou só um retardado balançando um wiimote. Pqp, Guitar Hero vibrations.

Creio que o principal culpado por Force Unleashed ser um jogo meia-boca é a maldita falta de IMERSÃO no jogo. A imersão, essa qualidade que faz um jogo te envolver de forma tão profunda que você esquece do ambiente em volta e se concentra totalmente naquela atividade, incorporando o personagem do jogo e tornando-o uma extensão de si mesmo. É o que te faz parecer um imbecil jogando Guitar Hero, mas você não tá nem aí, porque tá curtindo o lance todo pra cacete.

Isso simplesmente não rola em Force Unleashed. Apesar de toda utilização de poderes, de jogar stormtroopers longe, de estrangular os caras com um gesto, de EXPLODIR com a FORÇA e jogar tudo pelos ares, apesar disso tudo, você nunca se empolga realmente com a experiência. E eu acho que isso poderia ser resolvido com um recurso muito simples: ter produzido o jogo todo como uma experiência em primeira pessoa. Vejam, isso funcionou bem no Metroid do Wii. Imersão total no mundo alienígena de Samus. DAVA PRA TER FEITO, Lucas Arts.

 Metroid Prime. ERA SÓ COPIAR, caralho.

Além do mais, Star Wars já teve VÁRIOS jogos bons em primeira pessoa, desde Dark Forces de fucking 1995. Não era tão difícil supor que a gente preferia estar na pele de um jedi do que ficar vendo um jedi novo e esquisito na tela. Puta saco, meu.

 ERA SÓ COPIAR, caralho!

Mas vou ser justo: o jogo não é ruim, de forma nenhuma. Admito que a Força foi bem implementada, ainda que você perca toda a empolgação depois de uma meia-hora de jogo. Dá uma olhada aí no gameplay do modo de duelo:

Tá vendo? Não é ruim. Só enche o saco. E se enche o saco no modo duelo, imagine na campanha do jogo. Simplesmente não existe variação suficiente pra transformar o jogo num beat em’ up razoável.

Force Unleashed poderia ter sido razoável, mas por mais duas razões, ele ficou manco. A primeira razão – uma praga que assola o Wii – é que o jogo é FEIO. Os caras tiveram preguiça mesmo de fazer um lance decente. Na semana passada eu tava jogando a versão do PSP e quase arrisco dizer que tá pau-a-pau com a do Wii. O que é um absurdo. De novo me vem à cabeça Metroid Prime, que apresenta gráficos maravilhosos, e foi um dos primeiros jogos do Wii. Ô preguiça de caprichar, hein Lucas Arts?

A segunda razão é a maldita câmera. Ela tá sempre correndo pra trás de você, pra te dar uma visão ampla do que tá à sua frente. E você não controla ela. O que acontece é que às vezes (o tempo todo, na verdade) você se vira rápido demais e a câmera demora pra se posicionar atrás de você novamente e te mostrar o que tá acontecendo. E aí você apanha. Apanha pra caralho. Você toma tiro e nem sabe de onde, é uma merda.

Cara, eu juro pra vocês que eu fiz um esforço sincero pra gostar desse jogo. Fazia quase um ano que eu tava na expectativa com ele. Eu tentei deixar de lado as questões de jogabilidade e feiúra mas, mesmo assim, não dá pra ignorar que ele simplesmente não diverte. Não o suficiente.

Estou tendo uma paciência do caralho com o Wii. Mas realmente não lembro do último jogo BOM MESMO que joguei nele. Acho que foi o No More Heroes, e isso foi em fevereiro. Fevereiro, cara. É muito tempo de intervalo entre os jogos decentes.

Porra Nintendo: não me foda com lightsaber mole.

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Dezinhorox

    porra eu to dizendo pro wii vai sair muita bosta
    a nintendo antes que tinha jogos seletos agora liberou qualquer bosta e fudeu com o wii

    mas se você quer garantia de jogo bom compre os da nintendo
    Metroid, fodástico, Zelda, parece que você tá jogando num play 3, super mario galaxy é muito foda mesmo, super paper mario é um novo estilo e nesses jogos você usa bem umas 200 horas

  • Marco

    Eu avisei.

    Mas o problema não foi do Wii, e sim da Lucas Arts, que só prestava para fazer adventures.

    Pelo menos essa semana saem vários jogos com bom potencial…

  • DiH

    POrra, esse jogo parece ser ótimo =). GOstei do controle, bacana ele e tal. Deveria ser mais funcional, mas de boa.

  • Como o Marco disse,a culpa não é do Wii nem da Nintendo,é da Lucas Arts e diversos outros desenvolvedores que não sabem fazer jogos que aproveitem o que cada console tem a oferecer.

  • atillah

    @ Dezinhorox

    De acordo. O Wario novo do Wii é do caralho. Old shcool total, mas com o bom e velho padrão Nintendo de qualidade.

    @ Marco e Elfo

    Outra verdade. Não tenho visto nada e interessante saindo da Lucasarts. É uma tristeza quando grandes produtores entram nesse declínio. Quer outro exemplo? Activision.

  • llSENAll

    CARA MEU STAR WARS CHEGOU HOJE E AINDA NÃO JOGEI POR QUE NAO TIVE TEMPO MAS DEPOIS DE LER A COLUNA DEU UMA DESANIMADA TOTAL MAS FAZER O QUE JA DEVO TER JOGADO COISA PIOR ( COM CERTEZA JOGUEI ) BOM DEPOIS QUE EU TESTAR EU COMENTO DE NOVO.

  • Paulo

    Finalmente alfuem concorda comigo que o primeiro Drak Forces, mesmo com as limitações de 13 anos atrás, era um puta jogo! roteiro e inovações do tipo salto revolucionaram! só que um bando de tonto sempre criticou o jogo injustamente. fico feliz q pelo menso um cara q manja deu crédito a dark forces. Hail Kyle Katarn!

  • Leef

    HEuehuehue ” Eu avisei”.

    É um jogo nota 7…da pra divertir por uma horinha mas, nada excepcional, volto a falar, que pra nintendo tem que ser jogo de first ou second parts no maximo, ha pouca coisa decente fora disso.

    Ps: Sim o grafico de zelda é um absurdo, muito bem trabalhado para sua geração – claro, o jogo peca em outros aspectos como som e tal…mas…que venha o zelda do wii, esse sim eu to esperando muito.

    alias…lucas arts…faz um monkey island pro wii q tava muito melhor =P

    Que a força esteja com eles.

busca

confira

quem?

baconfrito