Pera… É sério isso?

Livros sábado, 18 de setembro de 2010

Por um momento achei que fosse verdade… mas é claro que não passa de um boato. Como poderia ser verdade, afinal? Não faz o menor sentido mesmo!

Sempre achei um tanto quanto injusto a definição de “gênio” que as pessoas têm (Ou “tem”, sei lá), principalmente quando se trata de arte, como a pintura, arquitetura e coisas do tipo. Mas como eu escrevo sobre literatura, falemos sobre o que eu considero ser o pior movimento literário tipo assim, do mundo, porque, tipo assim

O Concretismo teve início na década de 50, e cresceu por culpa de Décio Pignatari e dos irmãos Augusto e Haroldo de Campos. O Concretismo é o que vocês estão vendo na primeira imagem do post: Um lixo. O Concretismo se baseia no visual que o texto tem, na aparência do troço (Desnecessário dizer que o Décio e os outros dois eram feios pra caralho, né?). E basicamente o único recurso usado tem todo o concretismo é a desconstrução (Meio irônico até) de uma frase, expressão ou palavra:

COCA-COLA

B E B A C O C A C O L A

B A B E C O L A

B E B A C O C A

B A B E C O L A C A C O

C A C O

C O L A

C L O A C A

(Décio Pignatari)

Genial, não? Mas o que realmente me irrita não é a obra em si, afinal, cagar é um direito de todo mundo, mas o que realmente me irrita é o tratamento que tais artistas recebem. Tem nego que pega um penico, assina, diz que é arte e logo de cara um PENICO vale MILHÕES. Porra cara!!! É SÓ A MERDA DE UM PENICO!!!

 Arte de cu é rola

Nunca fui bem nas aulas de artes porque eu sempre fazia algo que ninguém entendia. Fiquei de recuperação pelo menos umas 5 vezes (3 delas consecutivas) em parte por ninguém entender o que eu expressava e em parte por não fazer os trabalhos (Depois de ver tudo que você faz receber notas entre 0,5 e 1, você cansa de fazê-los). A única diferença é que nunca me pagaram nada por minhas obras, mesmo elas sendo especialmente horríveis. Foi nessa época que descobri que a democracia é uma mentira.

Há quem fale que Picasso e Duchamp não são concretistas, mas não importa, eles são gênios. Gênios não precisam de outras pessoas, eles tem a eles mesmos. Caso você queira ver um pouco de Concretismo, veja esse site e verá a beleza que é o Concretismo. Lembro que na época perguntei à minha professora se eles ganhavam dinheiro com isso, a resposta foi algo como “não ficaram ricos, mas não eram pobres”. Se você não sabia o que ia prestar no vestibular, acaba de achar a carreira certa pra você… Afinal, você também pode ser um gênio.

Leia mais em: , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • CharlesBroxa

    AHUAHUAHAUS, cara ARTE parou de ser ARTE faz muito tempo,
    Hoje o que consideram “arte” é um conceito de arte, que é tudo em volta do capitalismo,
    Tudo tem que ser vendido, se sua musica nao comercial, ela nao vende, ou seja nao “presta”.
    Se um filme não for comercial, ele não vende.
    Tudo que vemos hoje, é uma arte repetitiva que nunca muda e no final acabamos comprando a mesma merda que ja tinhamos comprados.
    Quantas bandas existem EXATAMENTE IGUAIS? (rap,funk,forro,black,pop americano,Reggae)
    Isso é o famoso, eu sou “esperto” vendo uma coisa inutil, e vc compra porque vc é troxa, vlw por comprar minha arte ridicula…

  • Edivan Gomes

    Puta que pariu
    Pariu a puta
    Puta riu

  • Edivan, um novo gênio, dêem seus salários para ele! (entrando no espírito da coisa)

  • Edivan Gomes

    Hahahaha!!! Gostou? O nº da minha conta é 1278*********. Hehehehe.

busca

confira

quem?

baconfrito