Os Livros da Magia

HQs terça-feira, 10 de setembro de 2013

Para a minha, para a sua, para a nossa alegria, a Panini resolveu lançar um encadernado com a minissérie original d’Os Livros da Magia, que é simplesmente sensacional. Mas é claro, a história é do Neil Gaiman, como poderia não ser sensacional? A história até que é um clichê, o velho papo do garoto problemático que descobre ser o escolhido. Sim, Os Livros da Magia vieram antes de Harry Potter e os chatos ficaram cheios de mimimi pra cima da J.K. Rola Rowling, mas o próprio Gaiman disse que esse papinho de garoto problemático que descobre ser o escolhido é velho para caceta. A história do Rei Arthur taí pra esfregar isso na tua cara. Mas vamos voltar aos Livros da Magia.

Timothy Hunter é o tal jovem excluído, que durante um rolê de skate topa sem querer nas quebradas com Vingador Fantasma, Doutor Oculto, Mister Io e John Constantine. Após fugir, achando que os 4 são pervertidos, os 4 encapotados conseguem a atenção do jovem com alguns truques de mágica e é então que a maior pergunta de sua vida é feita: Você acredita em magia? Timothy diz que não, depois diz que sim, grita que não novamente e aí, o Doutor Oculto que já tava com os pacová explodindo, transforma o ioiô do garoto em uma coruja. Embasbacado, o moleque cai na conversa dos 4 magos e cada um fica responsável por mostrar a história da magia para que o garoto ao final da jornada decida se quer entrar nesse mundo e provavelmente se tornar o maior mago de todos os tempos, ou se ele quer continuar sua trilha de v1d4 l0k4-altas treta.

Sendo assim, Vingador Fantasma o leva para o passado, para o início de tudo. Tim vê a queda de Lúcifer e sua legião, vê os 7 arcanjos guardiões e a formação do planeta Terra. Além de conhecer o último mago de Atlântida, um jovem Merlin, Kent Nelson, o primeiro Sr. Destino, Zatara e Sargon. Cada um deles tem opiniões diferentes sobre o que Timothy deve fazer.

De volta ao presente, John Constantine apresenta a Tim a sociedade mística atual e para isso o leva ao Estados Unidos, onde conhece Boston Brand, Madame Xanadu, o Espectro, o novo Sr. Destino, Barão Winter e Jason Blood. Nesta parte da história, Vingador Fantasma, Doutor Oculto e Mister Io descobrem a localização do esconderijo da Chama Fria, que está tentando assassinar Tim e decidem cortar o mal pela raiz, invadindo o lugar e matando geral. Constantine parte para ajudá-los e deixa Tim aos cuidados de Zatanna, que quase faz merda. A batalha dos 4 magos contra a Chama Fria é mostrada na minissérie A Brigada dos Encapotados, e que a Panini continue esta maravilha e também a lance como encadernado por aqui.

De volta a Inglaterra, é a vez de Doutor Oculto levar Timothy para conhecer os outros reinos. Os dois partem para Faerie, Avalon, Elfolar, Dom-Daniel, enfim, chame como quiser, eles partem para o Reino das Fadas, que viria a se tornar muito importante no decorrer da série mensal d’Os Livros da Magia. Após quase ser devorado por Baba Yaga, Tim e Rose, a outra forma de Doutor Oculto, cruzam o caminho de Titânia, a rainha de Faerie, que permite que Rose, de volta a forma de Doutor Oculto, leve Tim para conhecer os reinos distantes, formados por Skartaris, que é um mundo dentro do nosso mundo, Pytharia, reino de espada, magia, dragões e gigantes, o Mundo das Jóias, o Inferno e por último, o Sonhar, onde trocam um papo com Sandman.

Retornando ao mundo real, chega a vez de Mister Io levar o garoto para o futuro. Lá, Tim presencia a guerra da magia, onde ele é o principal inimigo e presencia a morte de várias pessoas que acabou de conhecer, como Constantine, Zatanna e Jason Blood sendo assassinado por Etrigan. Mais pra frente, ele presencia o surgimento da Legião dos Super Heróis, a libertação do Arquimago, reencontra o elmo de Sr. Destino, que agora é feito de ossos e conhece seres vegetais que parecem ser os últimos sobreviventes do planeta Terra, que definha sob a fraca luz de um sol se extinguindo. Estes mesmos seres, se não me engano, aparaceram em uma história do Constantine, em que ele sonha com o futuro. A partir de certo momento, o resto da Brigada dos Encapotados começa a ficar preocupada, já que Mister Io e Tim não deveriam demorar tanto e nem viajar tanto para o futuro, porém, os dois já estão longe demais, mais precisamente no fim dos tempos. E é lá que Mister Io planeja concretizar seu plano, assassinar o jovem Timothy Hunter em um lugar onde ninguém poderá impedi-lo. Ou não.

Infelizmente, existe o lado ruim. A Panini lançou Os Livros da Magia porque de agora em diante, assim como Constantine, Orquídea Negra, Monstro do Pântano e Homem Animal, eles farão parte do Universo DC. Eu sinceramente não sei mais o que pensar, eu acabei me rendendo e estou acompanhando a revista Dark. É, eu sei que quem financia essa merda sou eu. Eu sou um bosta, traí o movimento e tal.

Além desta minissérie original e da Brigada dos Encapotados, Os Livros da Magia teve duas séries mensais com este mesmo nome, além de spin offs, como Os Livros de Faerie e Mister Io, que nos mostra o que aconteceu com o mago após o fim desta minissérie. Quando eu li Os Livros da Magia há tempos atrás eu jamais imaginei que um dia teria a oportunidade de tê-los em mãos e graças a Panini isso foi possível. Os Livros da Magia é um encadernado, com capa dura, 212 páginas, material extra e vale as 25 Dilmas e 90 Lulas que custa.

Os Livros da Magia


The Books of Magic
Lançamento: 1991
Arte: John Bolton, Scott Hampton, Charles Vess e Paul Johnson
Roteiro: Neil Gaiman
Número de Páginas: 212
Editora: Vertigo

Leia mais em: , , , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Arthur Arantes Souza

    Nunca li, deve ser lindo de bonito!

  • Daniel dos Santos

    25 pilas? Vale muito a pena. A história é sensacional e a arte também é show de bola. Já a série mensal… meh.

busca

confira

quem?

baconfrito