O rock britânico e sua barra de especial

Música segunda-feira, 05 de abril de 2010

Não sei quantos textos meus já foram ao ar e eu não consegui deixar nenhum fã puto.
[Nota do autor: enquanto escrevia este texto, apenas o Toda banda é babaca havia sido publicado, depois do Clipe da Semana. Eu só não sei contar.] Porra, vocês tão pensando que eu estou fazendo caridade, é? Podem ir falando: o que eu preciso fazer pra deixar alguém putinho por aqui? Algumas vezes eu esqueço que aqui é o Bacon Frito, e é impossível se aborrecer com bacon.

 Felicidade, independente da sua espécie.

Isso, entretanto, não quer dizer que eu vá deixar de tentar. Muito pelo contrário: Eu quero infernizar a vida de vocês, leitores. Começando pelo rock britânico, que já foi considerado o herdeiro do rock verdadeiro por várias pessoas. E quem são essas pessoas? Quais as credenciais? Elas gostam de gordinhas? Claro que não, pra fazer um comentário babaca desses.

Pra começar, quando o rock britânico já foi referência pra alguma coisa? Quando algo que veio de lá se tornou referência mundial? Você usa um despertador fabricado na China, e ele funciona. Você já viu um despertador feito na Inglaterra, por acaso? O rock britânico é tão sem graça quanto o humor britânico. Amigos Colegas Contatos meus já vieram falar de Monty Python e sobre a graça da série. KD GRAÇA. Eu dou mais risada vendo Zorra Total do que com Monty Phyton, e eu nem assisto Zorra Total – e talvez seja por isso que eu dê risada, mesmo. O cara escreveu uma piada que mata e todo mundo morre. Isso não é engraçado, isso é triste. Todas aquelas pessoas tinham família, ou estavam prestes a casar. A Segunda Guerra já não causou destruição o suficiente, bando de carniceiros?

Agora, qual banda de rock britânico realmente nadou no sucesso e não morreu na praia? Praticamente nenhuma. Pegue, sei lá, Artic Monkeys. O álbum deles, Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not, que, se não me engano, foi o primeiro – se não for também, não faz muita diferença – conta com, no máximo, três músicas normais. O resto é uma desculpa pra usar o botão de avançar, e só. Um álbum bom não faz você ter vontade de pular faixas pra acabar com seu sofrimento; álbuns bons não precisam do botão de avançar. Quando uma banda nova aparece nas paradas, a crítica cai em cima falando que são os herdeiros do rock, que vieram pra salvar a década etc. Sabe quem veio pra salvar os dias, semanas, meses, anos, décadas e séculos? O Goku.

 Você vai ler o resto deste texto com os braços levantados.

O Goku morreu umas trinta vezes e, ainda assim, voltava inteiro pra outra, só pra salvar todo mundo. As bandas britânicas podem ser comparadas com as One Hit Wonders – são bandas que lançam uma música boa e depois desaparecem. Por sinal, é a essa expressão que se refere o título – e a banda – do filme The Wonders. Você ainda está ouvindo falar sobre Artic Monkeys? Todos os outros álbuns conseguiram ser piorores – É, TIPO, PIORES – e agora ninguém mais lembra que eles estão vivos. E estão, aliás?

Por sinal, sinto que esse estilo de… Pode parecer piada, mas achar uma definição é difícil. Certo, esse estilo de banda de assexuados atual está se espalhando pelo mundo. E não estou me referindo a Artic Monkeys, não quero comprar briga com indies (Ainda), mas sim de bandas como…

 Pera. Isso é MESMO uma banda?

A semelhança com o lixo musical que está aparecendo no Brasil é grande, não precisa ser um gênio pra conseguir relacionar isso a, sei lá, Cine. O que me leva a outro tópico, não tão ligado ao tema do texto em si, mas importante: Só porque você tem uma banda, não quer dizer que precisa andar feito uma Barbie com pinto. Forme sua banda de garagem já, mas mantenha sua dignidade. Ou continue na pornografia, tanto faz, contanto que você não encoste essa mão calejada em uma guitarra.

A maioria das bandas britânicas pode ser comparada com uma barra de especial de um jogo de luta. Elas dão o ataque especial e gastam tudo em uma faixa do álbum. Pra recarregarem a ponto de fazer uma música nova, demoram uns cinco anos (Sendo bondoso e considerando que a música seja boa, óbvio). Sabe quem, no meio desses viadinhos, tem uma barra de especial eterna?

 O que come morcego.
 QUEM UAUAUA MT BOA ESSA HEIN

Ninguém lembra da maioria das bandas de rock britânico, tirando quem gosta delas. Mas quem lembra de gente assim? E olha só: um texto inteiro falando de bandas de lá e eu não falei mal dos Beatles. Felizmente, isso não quer dizer que eles foram promovidos à categoria das bandas boas.

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito