O que leva alguém a comprar um livro?

Analfabetismo Funcional segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Pergunta difícil essa, tenho que admitir. Nunca isso havia me passado pela cabeça. A pergunta sempre esteve ali, eu que nunca havia aberto os olhos suficiente para vê-la. Mas agora já era, ela está aqui me enchendo o saco já fazem seis dias e estou decidido a acabar com ela. Mas, antes de tudo, vou contar como isso começou.

Eu tinha acabado de voltar de um sebo e estava com um exemplar de Deuses Americanos, De Neil Gaiman. Ela havia me custado pouco mais de quinze dinheiros e eu estava feliz de finalmente ter uma versão só para mim desse livro. Minha mãe, ao ver o livro, não havia entendido o motivo de tanta felicidade, mas disse o seguinte, ao ouvir o quanto eu paguei pelo livro: “Tsc, devia ter comprado uma camiseta!”. Ignorei o comentário e segui em frente. Nessa mesma tarde, uma amiga havia me perguntado sobre o que eu tinha feito. Contei a ela sobre o livro e, nessa hora, levei um golpe mental tão forte que fiquei tonto e mais bobo por alguns minutos. Ela tinha me dito: “por que você compra livros? Você vai ler ele e… PUF! Acabou, você vai ter uma coisa sem sentido com você. Devia é dar tudo pra biblioteca!”. Não tive resposta pra isso, até mesmo agora me sinto mal ao lembrar da cena… mas continuando, agora vocês já tem o motivo disso tudo, vamos a análise dele.
Por que comprar um livro? Uma pergunta com centenas de respostas, todas elas tão difíceis quanto a pergunta e que também podem querer dizer nada… e todas certas também.

A primeira resposta que me passou pela mente foi a seguinte: Status. Não são poucos os que ficam impressionados com aquelas bibliotecas enormes, aquelas salas com livros até o teto, mas são poucos que têm a vontade e tempo para se dedicar a isso. Os poucos que o fazem, acabam levando titulos estranhos que não merecem ser citados aqui, mas isso os torna um pouco diferentes de todos. Mas essa resposta não me pareceu muito correta, então, continuo a pensar em uma.

Escrevo essas linhas na biblioteca pública e, em minha frente, há mais de dez mil livros. Nunca chegarei a ter esse número de livros, mas pretendo superar essa quantia de livros lidos. Tenho tempo! Mas vamos a segunda resposta que me veio: Dinheiro. Ela já começa errada, com diversas falhas, pois se tem alguém para vender um livro, ele já busca um certo tipo de alvo, quer dizer, alguém para o comprar. Então, nem me dedicarei muito a essa resposta, que já nasce sem sentido e final.

Há poucos minutos, aqui de onde estou sentado, vi um velho passando. Em seus braços tinha seis livros. Três para empréstimo e três para devolução, de acordo com o sistema da biblioteca. Ele sorria, apesar do peso que os livros deviam ter. E acho que só agora é que me veio a resposta definitiva, a mais certa dessa pergunta.

“Por que comprar livros?”, pergunta o jovem aprendiz. A resposta, assim como a pergunta, esteve dançando diante de meus olhos, mas assim como a pergunta, eu só tinha que ter idéia do que queria saber. Algumas pessoas compram sapatos, muitos que nunca irão chegar a colocar nos pés. Outros, compram revistas de fofocas, que falam de vidas de pessoas que nunca irão fazer diferença nenhuma e que talvez nunca conheçam. Há ainda aqueles que bebem, provando tudo o que há de melhor de cada região do planeta, do mais gostoso à bebida mais bizarra. O que todas essas pessoas têm em comum? Simples, elas gostam disso. É a mesma coisa com livros… eu costumava falar que uma pessoa é chique se ela tem mais calças que livros. Mas agora eu vejo o quão errado eu estava em dizer isso.

Abra os olhos, a resposta está ali.

Qual foi a sua?

Até mais.

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • diogo

    Sua amiga falou isso? putz para não ofender vou falar somente que ela não tem nada que realmente goste, eu compro um livro para me sentir realizado (por sinal ainda vou comprar o Pequeno Príncipe), fico feliz em saber que algo que gosto muito está ali, me pertence, e posso voltar a consulta-lo a hora que quiser, comprei o Box do Akira e já tinha visto o anime várias vezes, e tô muito mais feliz do que todas as vezes que vi antes, Pois agora tenho ele original por toda minha vida (ou quase).

  • caiadinho

    eu compro livros pelo mesmo motivo de comprar cds e dvds. eu gosto do conteudo e, muitas vezes, nao me contento em apreciar somente uma vez (jaz estou relendo a torre negra pela terceira vez e percebendo detalhes q n tinha notado nas vezes anteriores).

    ver tv ou dvds eh bom. escutar um som de qualidade eh otimo. ler eh ainda melhor q os dois. soh quem nao sabe o q eh terminar um bom livro de + de 500 paginas eh q pergunta pq comprar um.

  • dervecna

    Comprar livros tem diversos motivos.
    Talvez, realmente, valesse mais a pena aluga-los.
    Mas e a satisfação de ter uma coleção do Dostoiévski completa?
    E a dificuldade em encontrar alguns livros em bibliotecas, como os do H.P.Lovercraft?
    E a praticidade de poder lê-los e relê-los a qualquer momento, bem como tê-los sempre a disposição para procurar uma citação interessante e pertinente?
    São muitos os motivos que fazem valer a pena comprar um livro. Todos eles pertinentes e compreensiveis para quem gosta de ler. Eu não gosto de bolsas. Não vejo sentido em uma pessoa ter mais do que uma bolsa. Mas algumas mulheres vêem alguma lógica em ter mais de 10 bolsas, de forma que possam fazer infinitas combinações para infinitas ocasiões [até que apareça uma ocasião que mereça uma bolsa nova].

  • vane

    Pois é, eu compro porque coleciono e porque eu tenho um apreço infinito pelo conteúdo dos livros que eu tenho. Ter a oportunidade de reler não tem preço no mundo que possa pagar.

    E se eu não comprasse eu nem poderia escrever tanta resenha por aqui. Ou seja, tem o lado romântico e o lado útil. Heh

  • joão !

    sei lá, pode ser meio estranho, mas quando eu leio um livro que me muda, acrescenta algum conteúdo ou me faz perceber visões diferentes sobre uma mesma coisa, gostaria que meus amigos, familiares e no futuro meus filhos, tivessem a oportunidade de lê-los.

    muitos não gostam de ganhar livros, mas eu gosto. principalmente quando a pessoa já leu aquilo que está dando. é uma forma de conhecê-la melhor e aprender o que ela quer passar.

  • vane

    É verdade, realmente é muito bom ganhar livros.

    Bom, eu já cansei de deixar de comprar roupa pra comprar um livro. Não que eu ande maltrapilha, mas necessitaria de mais uma calça, por exemplo. Mas o problema é que a livraria fica antes da loja de roupas e isso acaba sendo uma baita dor de cabeça pra mim, xD

  • Leticia

    No momento em que li esse artigo achei muito interessante, pois ja havia me perguntado isso……..A minha resposta é o que ouvi minha mãe contar a mim:-A fulana de tal ganhou a coleção completa de Erico Verrissimo autografado; de sua bisavo.Interessante não?

busca

confira

quem?

baconfrito