O Lobisomem (The Wolfman)

Cinema quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

 O remake do clássico de 1941 se passa na Inglaterra Vitoriana, e conta a história sobre um homem que, ao retornar da América, é atacado por um lobisomem. Daí em diante, ele se transforma na criatura a cada lua cheia.

Tái, eu nunca vi a versão original. Mesmo porque, eu nunca vou atrás de filmes que não tenham sido recomendados. Mas isso é outra história. O que importa é que eu sou fã de filmes de terror, monstro, sobrenatural e essas coisas que não são de deus. Mesmo sabendo que elas não existem, ainda é divertido ver coisas como seres que brilham no sol viram pó no sol, ou humanos que viram lobos gigantes e só morrem com balas de prata.

E, como você deve estar imaginando, é do segundo que nós iremos [Ou, no caso, eu irei] falar. No meio dessa onda de vampiros homossexuais vegetarianos, e vocês sabem do que eu tou falando, temos um filme de lobisomem old school, com intestinos vazando, cabeças rolando e sangue jorrando.

 Alguém precisa de uma manicure.

Basicamente, nós seguimos o jovem Lawrence Talbot [Que nem é jovem, eu não sei porque eu falo essas coisas.], ator teatral de sucesso que mora na América, em sua viagem de volta para o interior da Inglaterra no período vitoriano, seja lá qual for esse período. Que eu sei que é lá pro fim do século XIX, só porque aparece a data no filme.

 É só ver o visual da galera.

Enfim, Lawrence volta por que sua ex-futura-cunhada Gwen Conliffe lhe escreve, avisando que seu irmão está sumido faz um puta tempo. Então, ele volta pra casa, pra descobrir que o irmãozinho querido morreu, nas mãos de uma besta selvagem e sobrenatural: O lobisomem. Na verdade ninguém sabia que era um lobisomem, até Lawrence ser mordido pela besta-fera. E mesmo assim, demoram pra descobrir que é um lobisomem, se bem que é compreensível: Na Inglaterra vitoriana, não existia muito filme de lobisomem.

 “Vem cá, cunhadinha.”

Mas é claro que o filme não se resume a isso, e a minha ideia é deixar vocês curiosos pra ir no cinema. Ainda mais que existem algumas reviravoltas e o final não é como cês tão acostumados, graças a Holywood. Fora que as cenas de transformação são uma coidelôco.

O Lobisomem

The Wolfman (125 minutos – Terror)
Lançamento: EUA, Reino Unido, 2010
Direção: Joe Johnston
Roteiro: Andrew Kevin Walker e David Self, baseados no roteiro original de Curt Siodmak
Elenco: Emily Blunt, Benicio Del Toro, Anthony Hopkins, Hugo Weaving, Geraldine Chaplin, Elizabeth Croft, Art Malik, David Schofield, Branko Tomovic, David Sterne

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Jackson

    Alguém sabe quando esse filme estréia nos cinemas aqui no Brazil?

  • Pizurk

    @Jackson
    Cê experimentou olhar nas Estréias da semana?

busca

confira

quem?

baconfrito