[novo] Baconews #01

Cinema, HQs, Televisão quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Aquaman é o novo Corvo, Chuck é o Shazam, Donnie Darko pode ser o novo Batman e O Senhor dos Anéis é o novo Game of Thrones. Além disso Brian Michael Bendis trocou a Marvel pela DC, a Fox planeja um filme do Homem Múltiplo e o novo Harry Potter sem Harry Potter não tem Harry Potter mas tem Johnny Depp, que não assediou ninguém, mas quebrou o telefone na cara da ex-mulher. O que, aparentemente, não é tão grave pra Hollywood.

Tá todo mundo louco!

O reboot dO Corvo, que andava meio esquecido, ressurgiu dos mortos com a confirmação de que Jason Momoa vai mesmo estrelar a nova versão do filme. A pergunta que não quer calar é: Quem é louco o suficiente pra invadir o apartamento do Momoa, estuprar a namorada dele e jogar um cara do tamanho de um armário pela janela?

O Capitão Marvel da DC

Que a DC tá completamente perdida com seu universo compartilhado não é segredo pra ninguém, mas dar prioridade prum personagem do nível do Shazam ao invés de focar nos filmes solo dos personagens principais da Liga da Justiça ou na propria Liga da Justiça é uma ideia tão merda quanto um filme solo do Darth Vader.

Enfim, Zachary Levi, o eterno Chuck, foi confirmado como Shazam e juntando o carisma do rapaz com o carisma do The Rock, que será o Adão Negro, principal inimigo do Shazam, podemos esperar uma boa comédia com super herois da DC. Ah não, peraí… Tinha me esquecido que a DC não vai usar o Adão Negro no filme do Shazam, mas sim em um filme solo do vilão. Ah, DC!

Mas calma que piora!

Além dessas ideias merdas de fazer filme solo de vilão, a DC perdeu uma das melhores coisas que conseguiu nesse lance de universo compartilhado. Sim, eu to falando do Batman.

Eu sei que muita gente reclamou e ainda reclama do Ben Affleck como Batman, mas é preciso aceitar que ele é a melhor caracterização de Batman que já vimos nos cinemas. E pode enfiar o Batman do Christian Boca Mole Bale no seu cu, otário! Mas calma, não to dizendo que Batman vs Superman ou Liga da Justiça sejam os melhores filmes do Batman, tô dizendo que como personagem carrancudo de queixo respeitável, Ben Affleck foi o mais perto de um Batman foda que tivemos.

Enfim, o que importa aqui é que o Ben Affleck sabe que as coisas não andam nada bem e quer pular fora desse rolê errado da Warner antes que sua carreira seja mais prejudicada. E como The Batman deve ser o último filme dele como o morcego de Gotham, a Warner já tá correndo atrás de um substituto e andou conversando com ninguém menos que Jake Gyllenhaal. E vamos parar por aqui pra não ofendermos (de novo) os fãs de Donnie Darko.

Vão-se os Tronos, ficam os Anéis

A Amazon confirmou que está desenvolvendo uma série dO Senhor dos Anéis ambientada antes dA Sociedade do Anel. Eu achei que isso se chamava O Hobbit e que tinha virado uma trilogia cinematográfica escrota, mas parece que trata-se de outra prequel.

Alguém disse Silmarillion? Eu espero que não.

Um último beijo nas crianças

Brian Michael Bendis deixou a Marvel e assinou contrato com a DC Comics. A saída do artista pode significar problemas pra “Casa das Ideias”, já que foi ele quem trouxe novos ares pra editora, apesar de ter feito algumas merdas também.

Tendo em sua lista a criação de personagens como Jessica Jones e Miles Morales, Bendis planeja criar um novo personagem pra editora antes de sair pra comprar cigarro e nunca mais voltar.

Fox, eu te amo!

A Fox, que vem finalmente acertando a mão no universo expandido dos X-Men, anunciou um filme solo, ou melhor, múltiplo, do Homem Múltiplo. E se isso já não fosse bom o suficiente, aquem dará vida ao mutante será ninguém menos que Jaiminho Sincero, mais conhecido como James Franco.

“Ain, mas quem é Homem Múltiplo na fila do pão, Jo?”

Homem Multiplo, meu querido amigo idiota, é simplesmente o protagonista do melhor título mutante da última década. Então para de bostejar e vai ler X-Factor – Investigações, mané.

O boicote seletivo de Hollywood

Desde que Harvey Weinstein foi acusado de assédio e afastado do mundo, uma onda de denúncias vem assombrando as celebridades hollywoodianas e todo dia a lista de assediadores aumenta e novos artistas criminosos são devidamente afastados de seus cargos.

Mas parece que a moral de Hollywood anda meio seletiva, já que antes disso tudo Johnny Depp havia sido acusado de agredir a ex-mulher com um telefone e mesmo sendo condenado a pagar uma bela indenização pra ela, sua carreira em nada foi afetada e seu personagem ainda dá título ao novo filme de Animais Fantásticos e Onde Habitam.

E foi justamente sobre todo esse escândalo de assédio que nós conversamos com Plizrk Plarzk, nosso correspondente do futuro no:

Furo Futuro

Após o colapso dos filmes de super-heróis com a adaptação do Universo Amálgama, uma onda de filmes biográficos sobre os assediadores tomaram conta dos cinemas. Após mais de 300 filmes solo, um filme chamado Os Poderosos reuniu todos os assediadores em uma super-equipe para enfrentar novas acusações de assédio e espalhar a mensagem de: “Foram ao meu quarto porque quiseram, eu não obriguei ninguém, mas de qualquer jeito, não me lembro do acontecido e sou gay.”

Pois é, se a gente acha que tá ruim hoje é porque ainda não vimos o amanhã. E é com essa frase de efeito bosta que me despeço de vocês. Um beijo, um abraço, até semana que vem e tchau!

Leia mais em: , , , , , , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito