Lost – 5×01 – Because You Left

Televisão quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Depois de quase oito meses de espera, está de volta a melhor série da atualidade (na minha opinião, se não gostou, posta no seu blog). Lost fez a estréia da sua quinta e penúltima temporada, que vem prometendo grandes revelações e a solução de alguns dos mistérios que fazem parte da mitologia da série.

É foda ver como uma série consegue prender tanto a sua atenção, resgatando pequenos detalhes das temporadas anteriores e dando pequenas pistas sobre o destino daquele bando de nego que sobreviveu ao acidente da Oceanic.

Se você não é nenhum noob da série e acompanhou as anteriores no AXN, na Globo (atualmente passando a quarta temporada, vale a pena ver) ou baixando mesmo, a partir de hoje faremos pequenos resumos dos episódios, como uma resenha mesmo. Mas se você for um virgenzinho da série, te aconselho a alugar os DVD’s das quatro temporadas ou baixar mesmo e bora assistir uma das séries mais intrigantes da atualidade.

A reestréia da série aconteceu com um episódio duplo. Na verdade, eram dois episódios separados, mas que foram exibidos um após o outro. O primeiro deles, Because You Left, já começa explodindo a nossa cabeça com o famoso doutor Marvin Candle acordando, tomando seu banhozinho e sendo chamado pra ficar sabendo que simplesmente descobriram uma fonte de energia que se utilizada corretamente pode manipular o tempo. Pois é véeei, viagem no tempo! E quem tava lá pra dar uma zoada com a nossa cara? Daniel Faraday! Isso nos anos 70!

 That’s 70 show!

De volta para o futuro, ou passado, o restante do pessoal que ficou na ilha se reencontra. Juliet e Sawyer que ficaram na praia, o bote com Faraday e demais personagens random, e a outra galerinha que tava espalhada. O carequinha do Locke, que tava em algum lugar da ilha com Richard Alpert é transportado pra um outro lugar e a partir daí tudo começa a ser explicado.

Quando o Ben rodou a roda de gelo na temporada passada, a ilha se moveu… no tempo! Quem saiu, saiu. Quem ficou, está em uma espécie de looping temporal dentro da ilha. Ou seja, uma hora estamos no futuro e outra hora estamos no passado, dentro da ilha. Do lado de fora, para os Oceanic Six, a linha temporal continua a mesma e nos são mostradas as razões pelas quais a galera tem que voltar pra lá.

Jack e Ben, que agora são amiguinhos, tem que pensar em uma maneira de reunir a galera e, pelo visto, não vai ser nada fácil. Sayd e Hurley estão juntos, porém o gordinho tá sendo procurado por assassinatos que foram cometidos por Sayid. A Kate tá fugindo porque tem nego querendo saber se o filho é dela mesmo. A Sun tá com sangue nos ói e quer a qualquer custo dar cabo do Ben. E o Locke, bom, Locke is dead!

Desmond, que também foi um dos que saiu e está curtindo finalmente a sua lua de mel com a Penny também tá no meio da confusão, já que ele é a constante do Faraday e em um oportuno encontro entre os dois na ilha, quando o Brotha ainda tava na escotilha, Faraday pede pra que ele procure a sua mãe e retorne a ilha. Como o Brotha tem a capacidade de mover a sua consciência no continuum espaço-tempo, ele recebe a informação e vai atrás.

O episódio mostra o que a negada vai ter que fazer agora, já que fudeu de vez e a casa tá caindo pra quem ficou na ilha. Quem tá do lado de fora tem que voltar senão quem ficou pra trás vai pro saco. E agora neguinho, é cada um por si e tentando descobrir, a cada pulo no tempo, em que período da ilha eles estão.

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • ViniLaqua

    Quero ler mas não posso, pois acho q sou a unica pessoa no mundo q não acabei de ver a 4 temporada.

    D hoje não passa.

busca

confira

quem?

baconfrito