Harry Potter e o Enigma do Príncipe (Harry Potter and the Half-Blood Prince)

Cinema terça-feira, 14 de julho de 2009

 Parece piada pronta eu estar resenhando este filme, mas não é. Eu já disse que não tenho nada a ver com o Potter, não sei por que vocês insistem.

Encorajados pelo retorno de Lorde Voldemort, os Comensais da Morte estão causando o caos tanto no mundo dos trouxas quanto no dos bruxos e Hogwarts deixou de ser o paraíso seguro que já foi um dia. Harry desconfia que novos perigos possam estar ocultos no castelo, mas Dumbledore está mais interessado em prepará-lo para a batalha final que sabe estar se aproximando rapidamente. Ele precisa que Harry o ajude a descobrir a chave vital para revelar a origem dos poderes de Voldemort — informação fundamental conhecida somente pelo ex-professor de poções de Hogwarts Horácio Slughorn. Tendo isso em mente, Dumbledore convence o antigo colega a voltar ao posto com promessas de um melhor salário, um escritório maior… e a chance de dar aulas para o famoso Harry Potter.

Enquanto isso, os estudantes estão sendo atacados por um adversário bem diferente, já que os hormônios da adolescência estão em ebulição. A amizade de Harry e Gina Weasley está se transformando em algo mais profundo, mas existe um obstáculo: o namorado de Gina, Dino Thomas, sem falar em Rony, o irmão mais velho da menina. Mas Rony também tem suas próprias complicações românticas com que se preocupar, pois Lilá Brown está caindo de amores por ele, deixando Hermione se roendo de ciúme, embora ela faça tudo para não demonstrar. Além disso, uma caixa de bombons recheados com uma poção do amor para nas mãos erradas e muda tudo.

Os romances florescem, porém um aluno permanece indiferente a isso, com coisas mais importantes na cabeça. Ele está decidido a deixar sua marca, embora negra. O amor está no ar, mas a tragédia está logo ali e Hogwarts talvez nunca volte a ser a mesma.

 Já repararam que em TODOS os filmes há uma foto assim?

Sim, vocês não leram errado. Resumindo, o novo filme da franquia é quase uma Malhação com varinhas. Não que seja algo extremamente cansativo, mas… no filme anterior havia rolado um beijo quase inocente, nesse rolam até frases de segundas intenções. Por um lado, pra um adulto que curte a franquia é meio triste ver os personagens perdendo a inocência. Por outro lado, o público cresceu com a série, nada mais justo. Bom, deixemos esse papo de velho afeminado de lado e vamos ao que importa.

Agora que todo mundo cresceu, além do clima de pegação, outra coisa bastante explorada foi o humor. Se Harry Potter fosse uma franquia de filmes humorísticos, esse, de longe, seria o melhor. Mas como os filmes são de aventura, fantasia, mistério e tudo mais, temo em dizer que este foi o mais fraco. Não, eu não li os livros, sou apenas um fã dos filmes. E poupem-me dos comentários “AIIN VOSE PRESISSA LE OS LIVRO EH MTU + LECAU”, eu não gosto de ler. Por que vocês acham que meus textos são uma merda?

 Nossa musa, agora DE MAIOR, quase não apareceu (ou sou eu que queria mais?).

Mas por que o mais fraco?, você me pergunta. Bom, nos outros filmes havia todo o suspense e aventura de alguma batalha, “caçada”, “prova” ou algo do tipo. O sexto filme da franquia Harry Potter é na verdade um daqueles que servem de ponte de um filme para o outro. Tudo que temos aqui é mais um prólogo do que está por vir, uma “explicação” pra não termos furos no roteiro do sétimo e último filme (que, por acaso, será dividido em dois). A grande decepção fica por conta de duas cenas que, na minha opinião, seriam as cenas de MAIOR emoção / impacto do filme (sem spoiler, mas anotem aí que cês vão sacar: a “perda” e a “revelação” – reparem que uma cena é logo após a outra, o que aumentaria a tensão). Ambas foram… simples. Eu me empolgo fácil com filmes, sério. Aqui eu só fiquei com uma expressão de “blz”.

Bom, repito: Não li os livros e não sei se ficou faltando muita coisa. Se ficou faltando, dessa vez realmente fez a diferença na nota final da bagaça. É um filme bom, divertido, engraçado e tudo mais, mas realmente foi abaixo da média – e esse parece ser o filme mais “corrido” também, em alguns cortes de cena fica aquela impressão de que você perdeu alguma coisa. É fato que aumentou as expectativas pro próximo episódio, que deve arrebentar e ter tudo o que não teve nesse aqui. Bom, assim eu espero. Então, já sabem: aproveitem o IMAX, pois os efeitos especiais são de DROGAR. São simplesmente espetaculares.

Harry Potter e o Enigma do Príncipe

Harry Potter and the Half-Blood Prince (153 minutos – Aventura)
Lançamento: Reino Unido / EUA, 2009
Direção: David Yates
Roteiro: Steve Kloves, baseado na obra de J.K. Rowling
Elenco: Daniel Radcliffe, Emma Watson, Rupert Grint, Michael Gambon, Alan Rickman, Helena Bonham Carter, Jim Broadbent, Robbie Coltrane, Timothy Spall, David Thewlis

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Mccartney

    Eu sei que eu vou me arrepender depois, mas eu TENHO que assistir o filme hehe

  • Caio, The Eldar

    aaaahhhh… Ema Watson…

  • Algum dia os filmes do Harry Potter foram bons? Sinceramente não consigo pensar em como um não fã se diverte vendo aquela toalha de recortes que é o filme.

    Eu vou no cinema porque eu CRESCI lendo Harry Potter, para mim ver o livro se mexendo e as cenas que eu imaginava é legal.

    Para outros são só horas vendo a pessima atuação do Daniel Radcliffe.

  • Breno

    AIIN VOSE PRESISSA LE OS LIVRO EH MTU + LECAU

  • Luan

    Ah agora que ja li todos os livros e historia terminou nem me importo mais com os filmes,mas vou amanhã mesmo assistir o filme so pra ver como ficou.

  • Caio, The Eldar

    eu acho q esse filme vai valer a pena assistir pq vou poder pagar um pau pra Emma Watson e não me sentir culpado, já q ela é “de maior” agora…

  • uiara

    Vi sem IMAX, mas gostei mesmo assim.

    Eu devia fazer uma resenha dele também, aliás, pra dar uma visão de quem leu os livros. Se bem que o segredo pra gostar dos filmes é esquecer dos livros.

  • Anjo_Z

    Li toda a série e vi todos os filmes. Sinceramente nenhum filme me agradou, mas isos é uma das “qualidades” de Hollywood: Pegar o que o livro tem de bom e inutiliza-lo… Vou ver o filme e volto pra comentar amanhã.

    Abração,
    Anjo_Z

  • Olaf

    Esse filme foi uma bosta!
    E tem uns efeitos lixos apesar da maioria ser bom…
    Mas eu já esperava por isso, nenhum HP foi bom mesmo.

  • Luan

    Acabei de assistir o filme apesar de tudo gostei dele,mas como ja era esperado acontecer acho que faltou no filme alguns detalhes muito importantes pra trama.

  • théo

    O que MAIS me deixou surpreso é que uma semana se foi e ninguém me xingou.

  • Pior filme da série.

  • Philipe

    Concordo totalmente com a resenha!

  • Ótimo filme de comédia, péssimo filme de ação/suspense e destruiu a porra da cena da morte do Dumbledore.
    Segunda melhor adaptação de todos os tempos, perdendo apenas para “Anjos e Demônios” no quesito ‘Como decepcionar fãs’. (:

  • Ricardo

    Parei de ver os filmes do Harry Potter depois que me decepcionei com o 4º filme da série.

    Prefiro voltar a ler os livros.

busca

confira

quem?

baconfrito