Globo de Ouro – Vencedores e Comentários

Cinema segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Vou me limitar aos vencedores da categoria cinema, deixando em aberto o post para o pessoal da área de televisão comentar.

Televisão

Best Television Series – Drama
“Boardwalk Empire” (2009)
“Dexter” (2006)
“The Good Wife” (2009)
“Mad Men” (2007)
“The Walking Dead” (2010)

Best Television Series – Musical or Comedy
“The Big Bang Theory” (2007)
“The Big C” (2010)
“Glee” (2009)
“Modern Family” (2009)
“Nurse Jackie” (2009)
“30 Rock” (2006)

Best Mini-Series or Motion Picture Made for Television
“Carlos” (2010)
“The Pacific” (2010)
“The Pillars of the Earth” (2010)
Temple Grandin (2010) (TV)
You Don’t Know Jack (2010) (TV)

Best Performance by an Actor in a Mini-Series or a Motion Picture Made for Television
Idris Elba for “Luther” (2010)
Ian McShane for “The Pillars of the Earth” (2010)
Al Pacino for You Don’t Know Jack (2010) (TV)
Dennis Quaid for The Special Relationship (2010) (TV)
Édgar Ramírez for “Carlos” (2010)

Best Performance by an Actress in a Mini-Series or a Motion Picture Made for Television
Hayley Atwell for “The Pillars of the Earth” (2010)
Claire Danes for Temple Grandin (2010) (TV)
Judi Dench for “Cranford” (2007)
Romola Garai for “Emma” (2009)
Jennifer Love Hewitt for The Client List (2010) (TV)

Best Performance by an Actor in a Television Series – Musical or Comedy
Alec Baldwin for “30 Rock” (2006)
Steve Carell for “The Office” (2005)
Thomas Jane for “Hung” (2009)
Matthew Morrison for “Glee” (2009)
Jim Parsons for “The Big Bang Theory” (2007)

Best Performance by an Actress in a Television Series – Musical or Comedy
Toni Collette for “United States of Tara” (2009)
Edie Falco for “Nurse Jackie” (2009)
Tina Fey for “30 Rock” (2006)
Laura Linney for “The Big C” (2010)
Lea Michele for “Glee” (2009)

Best Performance by an Actor in a Television Series – Drama
Steve Buscemi for “Boardwalk Empire” (2009)
Bryan Cranston for “Breaking Bad” (2008)
Michael C. Hall for “Dexter” (2006)
Jon Hamm for “Mad Men” (2007)
Hugh Laurie for “House” (2004)

Best Performance by an Actress in a Television Series – Drama
Julianna Margulies for “The Good Wife” (2009)
Elisabeth Moss for “Mad Men” (2007)
Piper Perabo for “Covert Affairs” (2010)
Katey Sagal for “Sons of Anarchy” (2008)
Kyra Sedgwick for “The Closer” (2005)

Best Performance by an Actor in a Supporting Role in a Series, Mini-Series or Motion Picture Made for Television
Scott Caan for “Hawaii Five-0” (2010)
Chris Colfer for “Glee” (2009)
Chris Noth for “The Good Wife” (2009)
Eric Stonestreet for “Modern Family” (2009)
David Strathairn for Temple Grandin (2010) (TV)

Best Performance by an Actress in a Supporting Role in a Series, Mini-Series or Motion Picture Made for Television
Hope Davis for The Special Relationship (2010) (TV)
Jane Lynch for “Glee” (2009)
Kelly Macdonald for “Boardwalk Empire” (2009)
Julia Stiles for “Dexter” (2006)
Sofía Vergara for “Modern Family” (2009)

Cinema

Melhor filme drama
– “Cisne Negro”
– “O Vencedor”
– “A rede social
– “O Discurso do Rei”
– “A Origem”
Comentários: Não é o melhor filme do ano, mas é uma grande obra. Nada que chegue perto de repetir o absurdo de Avatar e Guerra ao Terror, ganharem o Globo de Ouro e o Oscar, reespectivamente, de Bastardos Inglórios.

Melhor filme musical ou comédia
– “Burlesque”
– “O Turista”
– “Minhas Mães e Meu Pai”
– “Red – Aposentados e Perigosos
– “Alice no País das Maravilhas”
Comentário: Dã. Ainda pra deixar a competição mais fácil, indicaram 4 filmes que definitivamente não estão entre as melhores comédias/musicais do ano. Aliás, a própria falta de Toy Story 3 aqui, já deixa claro o quão tosca é a lista.

Melhor ator drama
– Jesse Eisenberg – “A rede social”
– Colin Firth – “O Discurso do Rei”
– Jame Franco – “127 Hours”
– Ryan Gosling – “Blue Valentine”
– Mark Wahlberg – “O Vencedor”
Comentário: Deu o já sacramentado. Esse é o (Merecido) ano do Firth.

Melhor atriz drama
– Halle Berry – “Frankie and Alice”
– Nicole Kidman – “Rabbit Hole”
– Natalie Portman – “Cisne Negro”
– Michelle Williams – “Blue Valentine”
– Jennifer Lawrence – “Inverno da Alma”
Comentário: Esperado, merecido, e com grandes chances de levar o Oscar da Benning.

Melhor direção
– Darren Arronofsky – “Cisne Negro”
– David Fincher – “A Rede Social”
– Tom Hooper – “O Discurso do Rei”
– Christopher Nolan – “A Origem”
– David O. Russell – O Vencedor”
Comentário: Aronofsky merecia mais do que Fincher. Mas pela carreira, já era a hora de receber alguns prêmios grandes. Vai levar o Oscar também. Resta esperar se o fantasma de Avatar (Vários Globos de Ouro e poucos Oscars) vai ser repetir com A Rede Social. Eu duvido.

Melhor ator musical ou comédia
– Johnny Depp – “O Turista”
– Johnny Depp – “Alice no País das Maravilhas”
– Paul Giamatti – “Barney’s version”
– Jake Gyllenhaal – “O Amor e Outras Drogas”
– Kevin Spacey – “Casino Jack”
Comentário: Prêmio já esperado para este que é um dos melhores atores da atualidade. Mas não sei se é o suficiente para render uma indicação ao Oscar.

Melhor atriz musical ou comédia
– Anne Hathaway – “O Amor e Outras Drogas”
– Angelina Jolie – “O Turista”
– Annette Benning – “Minhas Mães e Meu Pai”
– Julianne Moore – “Minhas Mães e Meu Pai”
– Emma Stone – “A Mentira”
Comentário: Sem surpresas. E também será a única dessa lista a aparecer (E ter chances) no Oscar.

Melhor ator coadjuvante
– Christian Bale – “O Vencedor”
– Andrew Garfield – “A Rede Social”
– Geoffrey Rush – “O Discurso do Rei”
– Jeremy Renner – “Atração Perigosa”
– Michael Douglas – “Wall Street: o Dinheiro Nunca Dorme”
Comentário: Nenhuma grande surpresa. Ele também vai levar o Oscar.

Melhor atriz coadjuvante
– Amy Adams – “O Vencedor”
– Helena Boham Carter – “O Discurso do Rei”
– Melissa Leo – “O Vencedor”
– Mila Kunis – “Cisne Negro”
– Jacki Weaver – “Animal Kingdom”
Comentário: Ainda não assisti O Vencedor, mas é meio decepcionante não ver a Weaver levar. Ela interpretou a melhor vilã da década. Ainda assim, é bom ver uma compensação para a derrota por Rio Congelado.

Melhor filme estrangeiro
– “Biutiful” (México)
– “The Concert” (França)
– “The Edge” (Rússia)
– “I am Love” (Itália)
– “In a Better World” (Dinamarca)
Comentário: Desbancaram o filme do Iñarritu e os franceses? De certa forma uma zebra. Interessante.

Melhor animação
– “Meu Malvado Favorito
– “Enrolados
– “Como treinar o seu dragão
– “Toy Story 3″
– “L’Illusionniste”
Comentário: Zebra da noite. NOT.

Melhor roteiro
– Danny Boyle e Simon Beaufoy – “127 hours”
– Stuart Blumberg e Lisa Cholodenko – “Minhas Mães e Meu Pai”
– Christopher Nolan – “A Origem”
– David Seidler – “O Discurso do Rei”
– Aaron Sorkin – “A Rede Social”
Comentário: Esperado. E parece que o filme do Nolan só vai faturar prêmios técnicos no Oscar.

Trilha sonora original
– “127 hours”
– “O Discurso do Rei”
– “Alice no País das Maravilhas”
– “A Rede Social
– “A Origem”
Comentário: Não sei até onde a vitória do Reznor em cima do Zimer (A Origem) foi pela euforia em cima do filme. Nada absurdo, no entanto.

Canção original
– “Bound to you” – “Burlesque”
– “You haven’t seen the last of me” – “Burlesque”
– “There’s a place for us” – “As Crônicas de Nárnia: a Viagem do Peregrino da Alvorada”
– “Coming home” – “Country Strong”
– “I see the light” – “Enrolados”
Comentário: A canção da Cher ganhou em cima da canção da Aguilera. Até porque ela tem um Oscar.

Prêmio Cecil B. DeMille
Robert DeNiro
Poderoso Chefão II, Touro Indomável, Goodfellas, Era uma Vez Na América, Taxi Driver. Precisa dizer mais alguma coisa?

Comentários Finais: A premiação não podia ser mais previsível. A grande (Única surpresa) foi na categoria que ninguém assiste: Melhor filme estrangeiro. Isso já dá um bom piso de quais vão ser (E quem deverá levar) os indicados ao Oscar. Não que isso importe.

Leia mais em: , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Eduardo

    A babação de ovo em cima de Rede Social é incrível. Melhor trilha sonora?! Aff. Hans Zimmer fez um ótimo trabalho em que a Origem sem a trilha sonora seria outro filme.

  • Admito que não vi 90% das coisas aí. Sei que fico feliz por Jim Parsons ter vencido, é uma atuação épica.
    Agora… PORRA, GLEE!

busca

confira

quem?

baconfrito