Echoes – Operation Stranglehold – Tiro/Estratégia

Jogaí quarta-feira, 04 de agosto de 2010

Eu prevejo algo. Algo muito grande e ambicioso no mundo dos flash games. Echoes – Operation Stranglehold é a prova disso. Tirando o fato de ser um game curto, o que dá a impressão de ter sido lançado logo para gerar o hype, percebe-se que o que ele prenuncia é um magnífico projeto, inovador em todos os seus sentidos.

Começando pelo fato de ser um misto de shooter com estratégia. Tu estás lá dando tiros nos bombardeiros e num segundo depois está coordenando a construção das estruturas. Antes, ou era uma coisa, ou outra. Isso dá uma empolgação bem maior, e requer mais atenção e envolvimento ainda com os elementos do game.

Esse primeiro ato do Echoes é bem grandinho. Uns 50 mb. Mas vale cada um. Mesmo que você não concorde com cada palavra minha, ao menos veja este jogo. Sem excedentes, posso dizer que vai ser um dos melhores do ano. Isso se as suas sequências demorarem a sair.

A Terra foi invadida por alienígenas, chamados de Hybrids num futuro distante. Atacaram primeiro nossas colônias em Marte, e depois vieram fazer a festa por aqui. Felizmente, seu projeto de semi-hybrid, denominado DEM, conseguiu fugir do laboratório e liderou uma rebelião dos prisioneiros humanos, o que fez os etzins recuarem a tempo de ser montada uma resistência.

 Lord Diabolus, aka coisinha linda de mamãe.

Você controla esse General Dem. E tem ao seu dispor os aparatos de guerra, além das capacidades concedidas pelo seu lado Hybrid, como invisibilidade e escudo protetor, como também várias armas. Os upgrades não estão disponíveis nesse primeiro ato, mas dá pra ver que serão muitos nas continuações.

O enredo transcorre com Lord Synderion, um Hybrid capturado que passou a colaborar com os humanos. Mas não assim tão fácil… Enquanto você caminha para destruir uma base inimiga, ele vai revelando sua lealdade… Ao antigo mestre, Lord Inquisitor.

No confronto final desse primeiro episódio, Lord Diabolus revela que você é na verdade o Deus Ex Machina.

Clique aqui para jogar.

Leia mais em: , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito