Controle Absoluto (Eagle Eye)

Cinema segunda-feira, 29 de setembro de 2008
Poster do filme Controle AbsolutoPoster

Não adianta. O próximo grande astro dos filmes de ação e aventura é, sem dúvida, Shia Labeouf. O cara é carismático pra caramba e faz piadinhas tão naturalmente nos filmes que, por mais que seja um tiroteio, uma perseguição de carros ou um interrogatório, elas não soam nada forçadas.

No filme Controle Absoluto, dirigido por D. J. Caruso e produzido por Steven Spielberg, somos apresentados à saga de Jerry Shaw e Rachel Holloman. Duas pessoas que não têm nada em comum, mas que acabam se envolvendo em uma grande conspiração governamental.

Jerry (Shia Labeouf) é um especialista em documentos fotocopiados, mais conhecido aqui no Brasil como “funcionário do Xerox”. O cara a princípio é um nada, mas não sabemos quase nada sobre ele, apenas que trabalha na Copy Cabana. Rachel (Michelle Monaghan) é advogada e mãe. Só isso.

Depois que o irmão gêmeo de Jerry morre, é dada a largada para uma grande conspiração que envolve computadores de última geração, exército, governo e FBI. Através da rede de telecomuniações dos EUA, a vida das pessoas passa a ser monitora 24h por dia. Os telefones se tornam escutas ao vivo e todas as câmeras estão interligadas, permitindo que se localize qualquer pessoa em qualquer lugar.

 Arô. É ieu.

Depois de receber caixas e mais caixas de armas, explosivos, documentos falsos e 750 mil doletas, Jerry passa a ser considerado terrorista pelo FBI, e em meio à essa confusão toda, recebe instruções de uma mulher misteriosa que o coage a realizar tarefas das mais variadas possíveis. Rachel está na mesma situação, porém não é acusada de terrorismo, mas tem o seu filho ameaçado caso não cumpra as ordens da voz misteriosa. Os dois acabam juntos, seguindo tudo o que a voz manda.

O filme é ação desenfreada do início ao fim, e prende a sua atenção. Até porque não temos tempo de respirar e assimilar as informações que nos passam. A trama não é lá uma das mais bem amarradas. Muitas informações são jogadas assim, sem qualquer explicação. Muitos furos e algumas coisas do roteiro que não se amarram, como por exemplo por quê Rachel foi escolhida. Temos essa explicação para Jerry, mas não para Rachel.

 Pega-Pega. Tá com você.

O filme ainda conta com outros bons atores. Temos Billy Bob Thornton como o agente Tom Morgan, Rosario Dawson como a agente Zoe Perez e o Coisa do Quarteto Fantástico, Michael Chiklis como o Secretário de Defesa dos EUA.

O desfecho do filme não agrada muito. Termina de uma forma manjada, dando a impressão de “já vi isso em algum lugar”, mas as cenas de ação, para quem gosta do bom e velho cinema pipoca, fazem do filme uma escolha interessante para o fim de semana.

Controle Absoluto

Eagle Eye (117 minutos – Ação/Suspense)
Lançamento: EUA, 2008
Direção: D. J. Caruso
Roteiro: John Glenn, Travis Wright, Hillary Seitz, Dan McDermott
Elenco: Shia LaBeouf, Michelle Monaghan, Rosario Dawson, Michael Chiklis, Billy Bob Thornton

Leia mais em: , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Belzita

    Ameassado?

  • @Belzita
    Acho que vamos demitir a nossa revisora.

    De resto, é só esse mesmo seu comentário?

  • Belzita

    Foi a única coisa que realmente chamou atenção nessa resenha…

  • @Belzita
    Ah sim. Qualquer coisa tem o e-mail do autor ali pra reportar qualquer tipo de erro e tals. ;]

  • Belzita

    Bom, eu achei bem mais divertido desse jeito. ;]

    E não acho que ele se importe.

  • Jobe

    Eu sou da visão que tem sim um motivo pela qual a Rachel foi escolhida e é bem simples… A IA implementada na máquina é absurda possibilitando um aprendizado enorme e considerando os algoritmos que estão por detrás dela… o que significa que a menina foi escolhida, pq a máquina sabia que precisaria dela no futuro ou seja tudo já está calculado

  • Brunomaresia

    Concordo plenamente com o jobe, naum seria mesmo por acaso que ela estaria ali, ateh pq o esqema ja estava planejado e bem calculado, pois o filho dela sendo um representante da orqestra, e q os diamantes explosivos estouravam com apenas uma simples nota, e rachel estaria usando um colar com a suposta pedra preciosa justamente no congresso onde seu filho tocaria e onde estariam a maioria das pessoas q o computador qeria matar, vc axa q naum foi “amarrado”! Agora junte os fatos e reveja se ela naum teria msm um motivo para estar ali, mas se você msm assim ainda axas q naum teria, aconselho-o assistir novamente o filme, mas naum digo q vc esteja totalmente errado ateh pq kda um v d um jeito e tem opinioes diferentes, valew? mas olha so vc estas de parabens gostei do post pq ele me foi bem util, e continue assim!

busca

confira

quem?

baconfrito