Borat – O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja á América (Borat: Cultural Learnings of America for Make Benefit Glorious Nation of Kazakhstan)

Cinema quarta-feira, 16 de julho de 2008

 A expectativa que criaram de Borat foram tão grandes que eu acabei me convencendo de alugar o DVD assim que ele saiu. E foi quando eu aprendi a mandar a expectativa pra PQP.

Se você quer dar risada, passe longe de Borat. Ou então, beleza, alugue Os Vigaristas, Em Má Companhia, uma temporada de Seinfeld E Borat. Assista aos primeiros dez minutos de Borat (bom, não sei bem ao certo se são dez minutos, então, assista até a parte em que ele viaja) e passe para o próximo filme.

Borat é um dos filmes mais banais e sem graça da história. O humor vai caindo de uma forma tão drástica que você começa a ficar com RAIVA do filme. Sério, o cara só é engraçado quando tá no país dele (então, assista também aos, sei lá, 3 minutos finais do filme). De resto, EU sou engraçado perto do cara.

 Q

A história é extremamente fraca, não há espaço para piadas. Ou eram piadas? Enfim, eu diria que este filme é uma versão para maiores de Zorra Total, por exemplo. Para maiores, afinal, em um trecho do filme Borat briga PELADO com seu amigo. E eles botam uma tarja preta mínima nesse trecho, que deve durar uns cinco minutos. Não sei, sinceramente eu pulei a cena, me esforçando para não desligar o DVD.

Borat é um dos dois filmes que conseguiu me deixar PUTO, de verdade. Então, se você ainda não viu essa merda, meus parabéns e continue assim.

 Talvez isso te convença.

Borat – O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja á América

Borat: Cultural Learnings of America for Make Benefit Glorious Nation of Kazakhstan (84 minutos – Gênero)
Lançamento: EUA, 2006
Direção: Larry Charles
Roteiro: Peter Baynham, Sacha Baron Cohen, Anthony Hines e Dan Mazer, baseado em estória de Peter Baynham, Sacha Baron Cohen, Todd Phillips e Anthony Hines
Elenco: Sacha Baron Cohen, Ken Davitian, Luenell, Pamela Anderson

Leia mais em: ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Porra, cara… eu ri muito, inclusive na cena da briga dele e do gordão.
    qwe~çlqw~çelqwç~eqw

  • Lucas Falcão Nunes

    Eu ri pra caralho, sinceramente auhauhauha

    Aquela cena dele cantando o Hino dos EUA eu quase chorei d rir.

  • Grivu

    É théo, tu tá sozinho. Sabia que você tinha uns gostos meio estranhos mesmo =S

  • Renato Tamaoki

    Só lamento.

  • a parte da briga com o gordão foi uma das cenas mais engraçadas do filme

    muito hilário

  • Coisado

    B-U-R-R-O. Por que não foi ver o filme no cinema meu, lá não tinha tarja nas partes íntimas dos caras. Deve ser por isso que você odiou o DVD…

  • @Coisado
    TAAAAAAANGA!

  • Velho, tu é mais chato que minha mãe pra ver filme. Ficar com expectativas pra ver Borat já forçado, aloprar um filme que se auto-alopra é pior ainda. ;)

  • @ecsluz
    É a REVOLTA, véi.

  • Dark Hamster

    Borat é ruim de mais, e o cara ainda quer fazer outro filme no estilo, mas vah pra pqp.

busca

confira

quem?

baconfrito