Você sabe por que velho não joga? Introdução.

Games quarta-feira, 15 de agosto de 2007

Em relação aos vídeo-games, confesso a vocês que estou cansado.

Cansado de escutar tanta gente falar besteira.

E nessa minha carreira de jogador, já escutei MUITA besteira. Mas com certeza uma das que escuto com mais freqüência, são os comentários a respeito de como os “jogos de antigamente eram legais”. Tudo bem, existem os grandes clássicos, respeitados por todo mundo: Super Mario World, Double Dragon, Gran Turismo, Final Fantasy, a lista é imensa e vocês sabem do que estou falando.

Porém, sempre sei que a argumentação racional começa a descer pelo ralo quando o sujeito começa a falar que os jogos de antigamente eram MAIS LEGAIS do que os jogos atuais. Que eram mais dinâmicos, mais acessíveis, mais divertidos e outras insanidades.

 Se for pra falar merda pelo menos tenha ATITUDE como o Capitão.

Com o tempo, passei a notar que esses ignóbeis hereges normalmente são VELHOS. Nem sempre na idade, mas sim na atitude. Ou seja, são aqueles infelizes que pararam de jogar vídeo-game, pelo motivo esfarrapado que seja. Pois todo motivo é esfarrapado pra se parar de jogar.

Portanto, resolvi explorar um pouco mais essa ligação entre pessoas que pararam no tempo, nostalgia gamística e a evolução dos jogos desde o Atari. Vamos supor, por breves momentos, que estes não-jogadores tenham motivos coerentes para falar as sandices que falam e, caridosamente, vamos procurar entendê-los. Quem sabe? Talvez um dia VOCÊ comece a falar este tipo de besteira também.

Serão 10 posts, divididos em tópicos específicos, pra vocês, tangas, não ficarem “cansados” de ler. Serão publicados diariamente, porque eu gosto de vocês, apesar de tudo.

Parte 1 – Identificando um gamer que parou no tempo.

Parte 02 – O percurso do jogador médio.

Parte 03 – Orra, mas pra quê tanto botão.

Parte 04 – A vida acontece em 3D.

Parte 05 – Saves: a salvação dos jogos.

Parte 06 – Sagrada Mãe Internet.

Parte 07 – O todo-poderoso compact disc.

Parte 08 – Espaço, a fronteira final.

Parte 09 – Mais exemplos de avanços nos jogos.

Parte 10 – Conclusão.

Dedico esta série a todos os jogadores verdadeiramente hardcore. Como diz aquele comercial do Xbox:

A vida é curta, motherfucker. Jogue mais.

sick-gamer.jpg

(Originalmente publicado no site www.gamereporter.org – agora no Ato ou Efeito; revisto, ampliado, com mais sabor e vitaminas.)

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Friederichs

    AUhAUhAUhAUAHUAHAUHAUH

    Depois crie um tópico de qndo os jogos são relatados como “joguinho”, depredando e menospresando oq um jogo realmente pode ser!

  • eu to ficando velho, jogo RPG’s que crianças de 12 anos, vem e me matam ='(

  • atillah

    outsider, você precisa treinar mais. Procure deixar de lado coisas supérfluas como trabalho, alimentação e namorada e concentre-se no jogo em questão. Nada se compara a CHUTAR A BUNDA de um moleque de 12 anos em WOW.

  • Famscrow

    Uhauauhuha. Outro dia apanhei de uma MENINA DE 9 ANOS no Gunbound. Que vergonha estou sentindo de mim…..Rsrs

  • Bel

    ESFARRAPADO É A Vó!
    me dá um video-game novo que eu volto a jogar no ato.

    e esse post me deu saudade de mortal kombat ;(

  • Bulgarelli

    amigos…, eu acredito em video-games.

  • Capitão Piratão

    GAAAAAAH! AGORA eu reparei que faltaram as VEIAS no último quadro! Dá pra usar esse “15 anos antes” como uma desculpa, mas foi uma falha MISERÁVEL.

    E Mortal Kombat era empolgante. Eu sou outro jogador que parou no tempo por falta de recursos.

  • atillah

    “Falta de recursos” é desculpa esfarrapada de TANGA! Venda a mãe ou se prostitua pra comprar pelo menos um PS2.

  • joca

    O autor desse texto é um revoltadinho que deve estar nervosinha porque o pai xingou o PS3 que ele comprou por 5,000 reais e é uma merda.

    Não é uma discussão honesta.

    Pra ele tudo que é novo é bom – nem que seja uma merda só feita pra criançada se achar bandidão vendo filminhos, estilo os GTAs novos – e jogo antigo é coisa de velho, por melhor que seja.

    Aí a partir disso que ele acha a maior verdade do mundo, cria um monte de argumentos.

    Sábio. Primeiro pensa, depois chega a uma conclusão.

    Burro. Tem uma conclusão e aí vai procurar argumentos que reforçem ela.

  • atillah

    Grande Joca. Até que enfim alguém xingando meu texto. E obrigado por aproveitar e analisar minha personalidade também. Só errou na parte do PS3. Quem me dera ter um pra poder me revoltar contra ele.

    E, cara, não sou sábio. Sábios não jogam vídeo-game.

  • Xuxão Lennon

    Cara, que cartilha bacana vc conseguiu descolar nessa sequência de Posts.
    Muito bão…

    =)

  • Joao

    Eu acho que os jogos atuais são melhores………..

  • Coltrane

    Tomar no cú, nerd punheteiro. Paga pau de bandido em GTA, acha que tá dirigindo carrão em Need For Speed enquanto na vida real não passa de um cuzão que nem bota a cara pra fora de casa. Antes, dava pra terminar um jogo em meia hora, no máximo uma hora, agora fica aí, meses jogando uma porra de jogo que não acaba nunca, enchendo linguiça o tempo todo (vide GTA:SA), jogando o mesmo jogo durante meses. Perfeito pra tipos que sequer tem convívio social, como o imbecil que escreveu tal matéria. Fica o ano todo com a bunda no sofá e vai chamar os outros de velho. Velho é quem tá parado no mesmo lugar faz tempo, achando que tá abafando. “Jogo que imita a vida real”, vai viver a vida real, cuzão. Deve ter medo até de ficar no quintal.

  • atillah

    Mas na vida real eu vou preso se eu roubo carro. Não é legal ser preso e ser enrabado na cadeia.

    Prefiro ficar com minha bunda no sofá do que ficar com ela pelada na prisão.

  • P.Marks

    Que texto ridículo,vá ser feliz com seus jogos da moda feitos pra criançada e respeite a preferência de quem teve infância e pôde jogar coisas como Street Fighter,Fatal Fury,Superstar Soccer,Top Gear,Megama…

  • atillah

    “jogos da moda feitos pra criançada”?. E os que você citou eram o quê? Pra adulto?

  • Capitão Piratão

    Claro, pô. Ce não viu o PALAVREADO que nego usa em top gear quando ce bate? AEHeAHEAHEhE

  • leonardo…

    Po, nem opinar muito, mais acho que jogos nao sao feitos pra adultos ou crianças….sao feitas para o divertimento geral, mais e claro , sem exageros, eu admito que de vez enquando da mais vontade jogar do que sair de casa, e aos mais velhos, acho que experimentar coisas novas nunka faz mal, experimente nao mata ^^

  • rafa

    Seu punheteiro escroto. É claro que os joguinhos de antigamente são melhores e mais divertidos que os de hoje. É óbvio que eu prefiro sonic de master a Zelda 64. E é obvio que você prefere meninas esfaqueadas á mulheres cabeludas, ou seja, pornagrafia atual. Seu MERDA.

    Voce acha que sabe alguma coisa da vida? Voce nao sabe NADA.

    KTHXBAI!

  • Hrist the Talking Cow

    Caralho, que bosta de artigo.

    Vai tomar no cu e larga de bater punhetinha pro Kratos.

  • atillah

    Ok, vou aplicar aqui também aquele critério de começar a cortar comentários que não contribuem com nada, principalmente os do tipo “mimimi, o jogo X é o melhor jogo do mundo e você não sabe nada” e outros do tipo “esse artigo foi uma bosta e você é feio e comi sua mãe”. Se tu não tem porra nenhuma a adicionar á discussão, vá encher o saco em outro site, ok?

  • Jorge

    Tenho mais de 60 anos de idade e depois de, nessa vida, já ter visto e ouvido muita coisa bela e substanciosa mas, em contrapartida, muita sandice também, tenho que concordar, excluindo-se o palavreado pesado e desnecessário, com a turma claramente bem informada que meteu o pau (!!!) aí no blogueiro. A maioria que criticou duramente o “pseudo-dono” desse blog (é blog ou o que ?)pegou o bicho de salto alto ou calça curta (nada a ver com tendência sublimada ou com idade mental em si, não é mesmo ?). Parece que te desmascararam, hein “brother” ? Mas não desanime, não ligue prá eles (deixe que liguem prá você … sai mais barato). E, por favor, continue nos brindando com essas “pérolas” que só muitos poucos, como você, conseguem imaginar e, pior de tudo e para nosso deleite, acreditar nelas.

  • atillah

    @ Jorge

    Eu fui desmascarado!

    … desmascarado no quê mesmo?

  • Jorge

    Sei lá, já me esqueci. Leia tudo o que já foi comentado e talvez encontre por lá seu alter ego.
    Estou agora em uma sessão de psicanálise de imersão profunda e meio sem tempo para pensar ou escrever besteiras.

  • atillah

    @ Jorge

    Puxa cara, olha só: Eu achei que o que eu escrevia aqui JÁ ERA COM o meu alter ego. Agora você me confundiu. Quem sabe se eu ler tudo que já foi comentado pelos ilustres acima eu encontre MEU VERDADEIRO EU? Nossa, esse lance de psicanálise é muito louco mesmo.

  • anônimo

    Nossa, quanto velho-mal-comido-revoltadinho nesse tópico!

  • Leslan Livonor

    Concordo plenamente. Vao come tua veia em ves de enche o saco

busca

confira

quem?

baconfrito