Resident Evil 2 (Playstation 1)

Games quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Dois anos depois do lançamento do primeiro jogo, estamos realmente em 1998. Mas para os personagens, passaram-se apenas alguns meses. O T-vírus aparentemente foi lançado no sistema de esgoto de Raccon City, infectando os ratos e gerando um apocalipse zumbi na cidade inteira. Saem Jill Valemtina Valentine e Chris Redfield e entram Leon Scott Kennedy (Um policial recém recrutado pelo Raccon Police Department) e Claire Redfield (Irmã do Chris). Os dois chegam na cidade e encontram o cenário dos sonhos de qualquer fã de filmes de zumbi. Eles se encontram brevemente, mas graças a um zumbi barbeiro, se separam e passam o jogo inteiro para se encontrar novamente (Fora alguns encontros breves). Cada um a seu modo, eles enfrentam os perigos da cidade e lutam para continuar vivos e fugirem desse pesadelo.

 Imagem de arquivo.

Dessa vez, temos poucos personagens coadjuvantes. Aqui temos Ada Wong (Uma sexy e misteriosa agente da Umbrella), Sherry Birkin (Filha de um cientista e motivo de grande aporrinhação para Claire, estranhamente se veste de marinheira), Marvin Branagh (Policial infectado), Robert Kendo (Balconista de uma loja de armas), Annette Birkin (Cientista da Umbrella e mãe de Sherry), Brian Irons (Chefe de polícia de Raccon), Ben Bertolucci (Jornalista, se tranca numa cela da delegacia), Tyrant T-103 (Uma ama biológica encarregada de recuperar o G-vírus, mais conhecido como Mr. X pelos fãs) e William Birkin (Cientista criador do T-Vírus e do G-Vírus e o grande vilão do game). Outros personagens são Lady Warren (A filha do prefeito de Raccon City, Michael Warren, já aparece morta em cima da mesa do chefe de polícia de Raccon), Hunk (Agente Operacional da Umbrella, enviado ao laboratório subterrâneo para pegar o G-Vírus) e Brad Vickers (Parece que só ele sabe pilotar helicópteros em toda Raccon City). E claro, os Lickers.

 E como sempre, o primeiro a morrer é um negão…

O jogo passou por uma sensível melhora nos gráficos, vemos cenários, personagens e inimigos muito mais detalhados e quando vemos CGs elas agora são CGs de verdade. Algumas coisas continuam a mesma coisa, como a perspectiva e os ângulos de câmera e as portas se abrindo no lugar dos famigerados loadings (Só eu reparei que as portas sempre se abrem ao contrário?) A jogabilidade aqui também melhorou muito, com uma maior variedade de armas, um inventário considerávelmente maior e puzzles ilógicos… Como uma delegacia pode ter portas que só abrem depois de que se arrasta uma estátua pra pegar um rubi, que tem que ser reposicionado em outra estátua para que se receba a chave da porta? Alguém me explica?

Resident Evil 2

RE2
Plataformas: Playstation 1, N64 e PC
Plataforma Avaliada: Playstation 1
Lançamento: 1998
Distribuído por: Capcom
Desenvolvido por: Capcom
Gênero: Survival Horror

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito