Resenha – Os Mensageiros

Cinema quinta-feira, 13 de setembro de 2007

A estréia americana dos irmãos Pang, Danny e Oxide é broxante. Se pelo menos em seus filmes orientais (Visões e Assombração), os irmãos sempre conseguiram criar histórias surreais e inventivas com um visual que chamava a atenção, aqui, em OS MENSAGEIROS, tudo parece mais do mesmo, do mesmo e do mesmo.

A trama de OS MENSAGEIROS é a velha fórmula de uma família tentando iniciar seu relacionamento após algum evento traumatizante no meio do nada. No caso, uma fazendo caindo aos pedaços. Obviamente, houve um crime na casa que faz com que a menina adolescente (Kristen Stewart, boa escolha) e seu irmão menor vejam espectros assombrosos, sons agudos (sempre eles para tentarem assustar a platéia) e uma infiltração na parede.

mensageirosCuidado com o degrau!

Sim, os fantasmas procuram vingança, pelo menos desta vez, não é uma menina cabeluda horripilante. Na verdade, como cinema de entretenimento OS MENSAGEIROS é um filme meia-boca, rápido com uma história previsível. Uma pena os diretores chineses não terem tido melhor sorte no roteiro (fraquíssimo), mesmo assim, há duas seqüências bem arquitetadas como a dos corvos (acho este pássaro assombroso desde Os Pássaros de Hitchcock) e outra na quais os diretores criam uma montagem no corredor da casa bastante angustiante, mas é pouco pela idéia de importar os diretores diretamente da China.

corvosComida, comida, comida!

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Friederichs

    A cara, com o passar do tempo, esses tipos de filmes tem me deixado intediado.

busca

confira

quem?

baconfrito