Resenha – O Preço da Coragem

Cinema segunda-feira, 05 de novembro de 2007

Atenção!! Devido ao tema sério e espinhoso do filme meu senso politicamento correto evitou gracinhas desnecessárias no texto abaixo.

Angelina Jolie dá um tempo nos papéis mais comerciais e mergulha na personagem real Mariane Pearl, escritora do livro no qual o filme foi adaptado. Uma transformação física e psicológica que mostra o quão talentosa é Angelina, ainda mais trabalhando com o eficiente diretor Michael Winterbottom cada vez mais documentarista dos bastidores das guerras atuais. Depois de O Caminho para Guantânamo, e agora, em O PREÇO DA CORAGEM (título genérico que nada significa no filme, assim como os similares O Preço do Resgate e O Custo da Coragem), Winterbottom, relata os eventos paralelos que ocorrem ao redor do mundo em função da guerra entre os EUA (e a Europa) contra os terroristas orientais.

angelinaLinda de qualquer maneira

Tendo tudo para ser um dramalhão televisivo, o roteiro de Orloff e a direção de Winterbottom, miram o tom documental e a narrativa seca (por vezes fria em demasia) que retrata os acontecimentos após o seqüestro de Daniel Pearl, repórter de Wall Street Journal, raptado quando investigava um controverso líder no Paquistão. Com um elenco desconhecido que facilita a identificação como pessoas reais, O PREÇO DA CORAGEM foge, claramente, do relato melodramático (o único porém, é quando Mariane sofre sozinha com as noticias finais sobre o caso). Legítimo “cinema-verdade” que aposta no choque que os eventos podem causar para quem está aleatório ao que ocorre no mundo atualmente.

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • joao

    cacete,cê devia ter feito uma resenha maior!

busca

confira

quem?

baconfrito