Os melhores jogos multiplayer para PS3 – Parte II

Games terça-feira, 12 de outubro de 2010

Continuando com a lista dos melhores multiplayer para PS3 (veja a Parte I aqui):

Call of Duty: Modern Warfare 2

Esse é mais um que já virou clássico. O modo “história” é relativamente curto, logo você fica “com gostinho de quero mais” (não resisti e tive que usar essa “bela” expressão). A verdade é que tudo era um treino pra você não apanhar muito quando começar a jogar o multiplayer, porque só tem MONSTRO jogando lá! Os gringos são animais, mas os brasileiros não ficam pra trás. A propósito, é muito difícil jogar uma partida que não tenha no mínimo um brasileiro, e é relativamente comum ver times repletos só com brasileiros.

Os sub-modos do multiplayer também são variados (creio que há mais de 20) e muitos outros podem ser comprados nos pacotes de add-ons, além de novos stages.

Deixo-os com o vídeo de divulgação do multiplayer do Call of Duty: Black Ops, que parece não ter muitas inovações, a não ser a melhora dos gráficos, movimentos dos personagens e novas armas.

GRID

Esse jogo é simplesmente foda. Pra quem gosta de simuladores de carro bem realistas não pode deixar de ter esse. É completíssimo, muito bem feito, com excelente jogabilidade, bons gráficos, boa variedade de pistas, vários tipos de campeonatos e blá blá blá.

O multiplayer é sucesso principalmente entre brasileiros e europeus, o que provavelmente é influência da F1 nesses países (embora a maioria dos carros do jogo sejam de turismo). Demora um pouco (até 3 minutos) para entrar em alguma “sala”, mas depois vale a pena. Cada rodada promove mini-campeonatos de 3 corridas. Ao final de cada corrida e campeonato há uma pontuação que serve para determinar a categoria de cada jogador. Algumas semanas de vício ininterrupto são suficientes pra chegar no topo: Legend.

Não recomendo esse jogo para quem não tem paciência de dirigir com cuidado e prefere jogos ao estilo Burnout Paradise, onde a graça é bater. Em Grid, qualquer toque pode, por exemplo, quebrar a suspensão e deixar o carro feito um bêbado tentado subir ladeira. Como sempre, também há novos carros, pistas e opções de personalização à venda (add-ons). Grid 2 deve ser lançado nos próximos meses.

Little Big Planet

Quem nunca ouviu falar que esse jogo revolucionou e foi um marco para o PS3? Bom, se ouviu ou não, saiba que é um pouco de exagero. O jogo é divertido, principalmente para jogar os minigames de 2 ou mais pessoas, ou jogar com a namorada ou o irmão mais novo. Os “bonequinhos fofinhos e engraçadinhos” são realmente carismáticos, mas o jogo não é nada de outro mundo.

 O diferencial está na interatividade do modo online. Quando se joga o modo história, ganha-se itens de todo tipo: adesivos, texturas, perucas, chapéus, roupas variadas, rampas, rodas, conexões, enfim, praticamente um Lego no PS3. Também há promoções nas datas comemorativas e pode-se comprar inúmeros pacotes na PSN Store. Os itens servem para personalizar o sackboy e criar estágios. Aí sua imaginação é o limite.

Depois você salva seu estágio em algum mundo online e qualquer pessoa poderá jogar nele, classificá-lo e premiá-lo. Há estágios criados por jogadores que são verdadeiras obras de engenharia e arquitetura. Alguns são temáticos, outros dificílimos e alguns mais divertidos que o próprio jogo. Little Big Planet 2 tá previsto para o 1º semestre de 2011 e promete ser 3D.

Leia mais em: , , , , , , , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Caio Gomes

    Sobre MW2:

    Não é difícil encontrar brasileiros porquê o sistema online do MW2 é baseado em P2P, ou seja, um dos jogadores é o host da partida e ele é o responsável por toda troca de informação do jogo, sendo assim, o host é privilegiado com ping 0ms. Pode observar que quando se esta numa partida com gringos seu ping vai lá pra baixo. No TDM é onde a maioria do brasileiros estão (Free-for-All e Search and Destroy vem logo em seguida), se você for jogar um HTDM, 3Person Tactical, etc, é praticamente impossível haver brasileiros.

    Também acho que provoca um jogo injusto, muito pelo o heartbeat sensor (basicamente um wallhack). Sem contar que há pouco trabalho em equipe, pois te garanto, é bem melhor camperar do que trabalhar em grupo, o jogo instiga isso, porquê se você quiser ficar com outro parceiro a visibilidade do oponente fica maior.

    Isso são apenas contras, eu vou continuar jogando, talvez por falta de opção, talvez não, pelo menos eu ainda me divirto.

  • Vinicius

    Grid é o melhor jogo de corrida que eu já joguei, e o melhor é que o jogo do F1 foi lançado pelo mesmo desenvolvedor, espera alguma pechincha e ve se eu compro ele tbm

  • @Caio
    -Valeu pela “aula”. Já tinha suspeitado que a razão fosse algo relacionado com a “afinidade” com o host, mas era só suspeita.
    -Não acho que o heartbeat sensor deixe o jogo injusto. Eu mesmo não o uso e tem muita gente que também não usa. Prefiro uma boa mira ou um grenade launcher..
    -Concordo que é melhor trabalhar em equipe. Quando junta uma galera que se comunica bem (o que é muito raro), dá pra armar uns esquemas.

    @Vinicius
    Concordo. Grid é o melhor. Só não posso falar em relação ao novo F1, pq ainda não joguei.

busca

confira

quem?

baconfrito