O que você está lendo?

Analfabetismo Funcional terça-feira, 18 de Maio de 2010
 Mostra pra gente!

Sabe aquele ditado “Diga-me com quem tu andas, e dir-te-ei quem tu és”? Pois é, ele não funciona com livros. Ok, pode funcionar de vez em quando, mas não pode ser considerado uma regra. Dizem que quando a pessoa escolhe um livro pra ler, essa decisão reflete algo de sua personalidade, seus interesses, seu estado emocional, etc. Tudo bem, eu concordo. Mas as pessoas não só lêem livros porque os escolheram consciente e deliberadamente.

A verdade é que os livros chegam às nossas mãos de diversas formas: nós ganhamos, surrupiamos, achamos, recebemos indicações (Boas ou más) e compramos, somos atraídos por uma capa ou um título e depois percebemos que é o conteúdo é completamente diferente do que imaginávamos (Ou não). Enfim, todas essas situações (E tantas outras) geram inúmeras possibilidades de estarmos lendo (E carregando por aí) um livro que não tem nada a ver conosco, ou nossa personalidade, ou nosso estado de espírito…

Aí você argumenta que se a pessoa não gosta de um livro, ou não se identifica com ele, vai parar de lê-lo, passá-lo à frente ou deixá-lo mofando na prateleira. Eu respondo: Meu caro amigo, há leitores que insistem no livro com a vã esperança que ele vá melhorar da metade pro final e, se não melhora, lemos até o final só de “pirraça” e para criticá-lo com mais ódio. Não estou dizendo que todo mundo tem esse sentimento. Eu mesmo, às vezes insisto, às vezes desisto. Mas, diante da diversidade de comportamento, tal argumento não pode ser aceito como regra.

Outra coisa que vale a pena comentar é que ler dois ou mais livros ao mesmo tempo é um exercício muito interessante. No começo pode parecer estranho. Tem gente que pensa que não daria certo, os personagens iriam se misturar e blá blá blá. Isso não ocorre. Se você não tem esse hábito, experimente e verá que é bom. Quando abusar de um, vai pra outro. Traz a possibilidade de ler de acordo com o humor, a vontade e o espírito. Além dos benefícios ao cérebro, apontados pelos neurologistas.

Pra finalizar, a pergunta no título desse texto não é mera retórica. Vá lá nos comentários e responda-a! O que você está lendo? É bom lembrar que aqui só interessa literatura (Lógico que também vale HQ). Nada de entrevista de playboy revista, livro didático, tese de doutorado ou vade mecum. E, claro, se não estiver lendo nada, não se acanhe e seja sincero.

Meu objetivo é movido pela curiosidade. Quero ver o perfil e as preferências dos seres que acessam o Bacon e lêem essas linhas mal-traçadas que publico. Então vamos recapitular: Mencione o(s) livro(s) e respectivo(s) autor(es) que está lendo e diga suas impressões até o momento. Vejamos o que vai sair por aqui…

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Climber

    “Mente brilhante” (do filme mesmo, q não assisti e resolvi ler primeiro e depois assistir)
    mas tá dificil…qdo tô lendo, leio “Cause and correlation in Biology” (mas é “didático”)

    o próximo vai ser “O andar do bêbado” (tá na estante)

  • Guten

    No momento, estou relendo Memorial de Maria Moura (Rachel de Queiroz), e pretendo reler o Guia do Mochileiro das Galáxias logo, pra poder atordoar meus amigos com o nonsense de Douglas Adams no Towel Day.

  • Climber

    (editando meu comentário)

    literatura sendo lida:
    Nasar, Sylvia “Uma Mente Brilhante”

    leitura efetivamente sendo feita:
    Shipley, Bill “Cause and Correlation in Biology”

    próximo na estante:
    Mlodinow, Leonard “O Andar do Bêbado”

  • dudueMe

    acabei de terminar scott pilgrim contra o mundo
    e o proximo vai ser ou orgulho e preconceito e zumbis ou o restaurante no fim do universo ainda nao sei sugestoes?

  • Uhn… Douglas Adams já foi citado 2 vezes, né?

    Vamos, vamos, continuem comentando!

    @dudueMe
    Pra mim, Restaurante no fim do universo foi o mais divertido da série. Manda brasa!

  • V

    Estou lendo meu gênero favorito: Ficção Científica.
    Estou lendo 2: O Homem do Castelo alto, de Philip K Dick e Bilhões e Bilhões de Carl Sagan. Como dos dois livros apenas um é romance fica mais fácil a prática de ler dois livros ao mesmo tempo.
    Antes desses eu estava lendo Revolução dos Bichos de George Orwell, Noites Brancas de Dostoievski e vários contos de Edgar Allan Poe.
    Como mencionaram acima, acho que vale falar, há alguns meses eu li a excelente trilogia de cinco livros do Guia do Mochileiro das Galáxias de Douglas Adams.
    Meus próximos da fila ainda não estão definidos, talvez seja Labirinto da Morte (também de Philip K Dick) e Eu, Robô de Isaac Asimov.
    E o senhor Delamare, o que está lendo?

  • fiori

    no momento não estou lendo nada
    mas, hoje eu começo o ultimo livro do mochileiro das galaxias e depois eu nao sei o que vou ler (tem mais 6 livros aqui em casa pra ler, nao sei nem por onde começar).
    douglas adams é um dos meus escritores preferidos, só ele consegue fazer uma historia tão nonsense e divertida.

  • Douglas Adams de novo e de novo! o.O

    @V
    Estou terminando “O jogador” de Dostoievski (Muito bom, será o próximo livro recomendado aqui);
    Vou para o vol.5/6 do arco Hulk contra o Mundo (HQ) que dispensa comentários;
    De vez quando leio um conto de Scott Fitzgerald (Contos é o nome da coletânea) ou um artigo de “Capelão do Diabo” (Richard Dawkins), ambos excelentes.

    O próximo da lista é “Memórias de uma Gueixa”, mas estou suspeitando que não vou gostar e vou largar no meio…

  • Estou lendo “Como a Geração Sexo-Drogas-e-Rock’n’Roll salvou Hollywood”.

    E não costumo ler mais de uma vez, sei lá, prefiro terminar um e depois começar o outro.

    =)

  • João pedro

    Livros que estou lendo:

    Lolita
    Crime e castigo
    Relendo:1984
    O Processo (Kafka)

    Livros que lerei:

    Assim Falou Zaratustra
    Dona Flor e Seus Dois Maridos
    O Clube dos anjos

  • Sidney Sheldon Nada dura para sempre e Se houver amanhã, terminei os dois ontem,e hoje começarei a ler de novo “O Garanhão” do Harold Robbins

  • Danilo

    Tô lendo:
    Sangue de Tinta – Cornelia Funke; otima continuaçao do 1 livro da trilogia,

    E começarei a ler:
    Os Tres Mosqueteiros – Alexandre Dumas. da Martin Claret.

  • Teoria da Relatividade Geral de Albert Einstein
    As Brumas de Avalon – O Gamo-Rei
    E um esotérico aí!

  • Bianca

    Bom, eu tô lendo Diários do Vampiro, O Confronto (o segundo, minha mãe comprou os dois e eu resolvi ler) e esperando chegar o Hobbit, Silmarillion, e Senhor dos Anéis 1, 2 e 3 *-* (Submarino me salva)

  • Zord

    No topo da pilha de livros:
    -O Guia de Sobrevivência aos Zumbis (Max Brooks) -> Finalmente um manual com alguma chance de uso xD
    -Ensaio Sobre a Cegueira (José Saramago) -> Difícil no começo, mas a curiosidade sempre vence.
    -Seja o Detetive (M. Diane Vogt)-> Leitura leve, mas exercita o cérebro pra caramba.
    \o/

  • -História Sem Fim, Michael Ende
    -Epistemologia Ambiental, Leff
    -Constituição Brasileira de 1988 (sim, é literatura)

  • Isabella Santos

    Tem certeza que vade mecum não vale?!
    Ahhh!
    heheheheh
    Só tenho lido artigos e livros jurídicos no momento…

  • Angelo Dias

    @V
    Eu Robo, do Asimov, é fantástico.
    Aliás, TODOS do asimov são. Eu li Eu Robo, O homem bicentenário, e a trilogia da Fundação.
    Leia também Neuromancer de William Gibson, se curte cyberpunk.

    Hoje estou lendo Obra Aberta de Umberto Eco, por incrível que pareça, por livre e espontânea vontade.
    Também estou lendo o ‘didático’ Jornalismo Opinativo.

    Lista: A coleção Mochileiro das Galáxias
    O livro das Religiões,
    Divina Comédia – Inferno,
    O resto da trilogia Neuromancer,
    e mais uns 5.

  • Guten

    @Angelo Dias
    O que é que você achou de Monalisa Overdrive e Count Zero? Tenho Neuromancer aqui,terminei de ler semana passada e gostei, mas tô em dúvida se compro os outros dois.

    E, orra, incrível a quantidade de gente que gosta de livros no estilo cyberpunk ou que tratam de robótica. Mas, também, isso aqui é um ninho de nerds, eu não deveria estar surpreso com isso.

    E, orra, que invasão de juristas/estudantes de direito é essa? Eu, o Delamare, e mais uns três já comentaram aqui.

  • Marina

    Acabei de terminar “Capitães da Areia”, de Jorge Amado.

    Lista de desejos:
    – “Orgulho e Preconceito e Zumbis”
    – “Opúsculo”
    – “Estranhas irmãs”, serie Discworld (Prachett)

  • Guto

    Eu estou lendo ‘Azincourt’ do Bernard Cornwell, autor que leio de vez em sempre.

    Antes, terminei ‘Fever Pitch’ do Nick Hornby. Tive de me virar em inglês que um amigo me trouxe, porque a edição em português está impossível de achar.

    E antes dele ainda, li até a metade e desisti de ‘A Taça de Ouro’, de Henry James. Parei quando vi que não conseguia sequer descrever direito sobre o que era o livro para um amigo. Para mim, pelo menos, era um leitura onde vc lia, mas não lia; é enrolado, vc passa as palavras, mas não entende direito as idéias que ele quer passar.

  • Acabei de terminar “Memórias de um Sargento de Milícias” (pra escola, mas gostei). E também pra escola lerei O Cortiço.
    Estou parado no começo do segundo livro de Senhor dos Anéis há uns meses, e também preciso acabar “Sir Richard Francis Burton eu não lembro o subtítulo enorme”.

  • Monica Calabria

    Não sei se é impressão minha, mas parece que os títulos dos meninos são digamos “melhores que os das meninas, que são mais classicos. Eu to com o 2º aqui da trilogia Millennium pra ler, A menina que brincava com fogo, gostei muito do 1º vamos ver o 2º.Vi que comentaram Franz Kafka, eu li Amerika,eu achei bom, mas se vc tem depressão, não leia, é um livro que faz vc se sentir no buraco.

  • Terminei semana passada de ler “Babbitt”, de Sinclair Lewis. Achei ele em um sebo e comprei por curiosidade, e não me arrependi. Agora estou lendo O Vendedor de Armas, do Hugh Laurie e está me parecendo um bom livro, apesar da tradução não estar lá essas coisas.

  • Pedro

    Estou relendo “O Livro de ouro da mitologia”, me veio uma onda de nostalgia mitológica (wtf?) e me veio a mente esse livro que eu li no meio do fundamental. Bem completo tem quase tudo de todos da mit. grega, um bocado da nórdica e uns pingado do resto do mundo.

  • Estou lendo “Simone de Beauvoir: uma vida de liberdade” e “A faca sutil”, depois pretendo ler “Artemis Fowl: paradoxo temporal” e “A luneta ambar”.

    @Yuri

    Já li toda a coleção Brumas de Avalon, e é muito boa. Não sabia que tu gostava de livros esotéricos…

  • Barbara

    As intermitências da morte – José Saramago
    Estou no começo; não está sendo exatamente fácil, mas como curto oo autor, estou na expectativa de engrenar na leitura e aproveitar de vez (como sempre acontece quando leio livros dele).

    Junto ao Rio Tâmisa – Príncipe Naruhito
    Estou quase acabando; é interessante ler o relato da época em que o príncipe foi estudar em Oxford e passava anônimo por quase todos os lugares (o olhar de estudante estrangeiro dele me fez pensar nas vezes em que estive fora do país e também tive minhas impressões estrangeiras).

    Morangos Mofados – Caio Fernando Abreu
    Leio aos poucos (tipo um ou dois contos por mês); para quem gosta dele (como eu), é prato cheio. É melancólico, poético, mas não tem frescuras.

    Coping with difficult people – Robert M. Bramson
    Estou na metade; não é melhor livro que já li, mas tem me ajudado a lidar muito melhor com uns babacas do meu serviço…

    Felino selvagem psicopata homicida/ volume 2 – Bill Waterson
    Calvin e Haroldo são reis!

  • Hermann

    Estou relendo o hobbit.

  • Tô impressionado como os leitores aqui se parecem… Será que nós, nerds, somos todos iguais?
    Bom… ainda tenho que tirar conclusões mais profundas.
    Vamos esperar mais respostas. Talvez eu faça alguma estatística depois.

    @Barbara
    Leia esse post (talvez de ajude com Saramago) ~> http://baconfrito.com/aturando-saramago.html

    @Bruna e @Yuri
    Também sou um fã/leitor de Brumas de Avalon.

    @Yuri
    Qual o tal livro esotérico??? Dê nome aos bois!

  • Barbara

    Jorge, eu já tinha lido esse artigo sobre o Saramago, mas não achei que tinha nada para comentar na hora… sou letora de Saramago desde os 16 ou 17 anos (foi quando criei coragem para ler aqueles parágrafos-capítulo pela 1a vez) =)

  • Pedro

    Vagabundos Iluminados – Jack Kerouac
    Cheio de filosofia budista. É bom, mas bem longe de On The Road…

  • @Jorge @Bruna

    É.. eu gosto de esotéricos, por isso gostei do Alquimista do Paulo Coelho.

    Li os dois primeiros das Brumas de Avalon em poucos dias, mas no terceiro eu to agarrado, então deixei ele um pouco de lado.

    O esotérico é segredo. auhahuahuahuuah

  • @Yuri

    Não precisa vir com 4 pedras na mão. Dessa vez não estava te zoando.

  • Bianca

    Towel day \o
    Dá até vontade de ler, novamente, O Guia, mas tô lendo Rangers, Ordem dos Arqueiros – John Flanagan (não conhecia, mas até que é bom, meio parado pro meu gosto, mas não deixa de ser bom…)

  • Tom Lim

    Cem Anos de Solidão, de Gabriel Garcia Márques.
    Há pouco tempo tentei ler Machado,mas não rolou, troquei de livro, de época do autor, mas não deu, muito chato o homi

  • mario

    Porque “só vale literatura”? Desculpa, mas besteira isso. Estou lendo livros muito bons como o Auto-Engano do Galeano, o Amor Liquido do Bauman e ainda tem os excelentes livros do Lipovetsky, nenhum é literaburr.. digo, literatura e são todos ótimos. :)
    Afinal, de drama, já chega a vida né =P

  • Spoks

    Terminei “Estação Carandiru” do Varella, e agora “Feliz Ano Velho” do Marcelo Rubens Paiva. Tava querendo comprar a coleção do Mochileiro, e vi aqui que várias pessoas estão lendo. Compensa mesmo?

  • @Bruna

    Vc tá com tanto trauma de mim assim? Bem que eu queria, mas não escrevi nda querendo te tirar! rs.

  • @Yuri
    Como se conseguisse… =P

  • Michely

    essas perguntas em sites me causam certo incômodo…
    Porque eu tenho sempre que estar com um livro na mão.. e claro, vendo todos esses coments. Eu obviamente já estou com uma folha e uma caneta, pra copiar as indicações ai de cima…

    Pois bem, aqui está: Maya, de Jostein Gaarder.

    Esse livro foi pego só por vaidade e falta do que ter na mão. Estava na prateleira da biblioteca da Universidade, e eu por brincadeira fui pegando mais e mais livros. Quando olhei pras minhas mãos estava com 5. E aí? Levei para casa, e fui entregando a medida que não lia.. Me restou essa linda obra, que estou renovando a data da entrega pela segunda vez para terminá-lo.
    bom, quem sabe alguém me pergunte o que achei… =)
    Abraços!

  • Michely

    1º fui infeliz na minha ambiguidade… esqueçam o que disse ali…uhahuahu

    2º fiquei feliz lendo que Julio é um adepto do sebo… queria que mais pessoas a minha volta gostassem de frequentar os sebos, não sei porque mas parece que o livro traz mais história em si, sabendo que foi de alguém…
    Eu encontrei uma ‘preciosidade'(opinião pessoal, considerando gostos) num sebo mês passado, a primeira edição de contraponto de Aldous Huxley, datada de 1971… quase digna de cerimônia…capa vermelha com páginas amareladas, aqueles livros mostrados em filmes saca?! Adoro comprar livros novos, porém algumas reliquias são dignas de sebos!
    *-*
    começarei assim que terminar Maya, que é do mesmo autor de O mundo de sofia. Muito bom o livro também, nunca tinha lido nada dele…
    Se não me calarem não pararei de falar! desculpem

  • @Michely
    Pode escrever o quanto quiser porque a gente gosta e lê tudo!

    Fala mais sobre esse Maya!

    Ah, também sou fã de sebos.

  • @Mario

    Literatura não é só drama, ou clássicos, ou livro que o colégio manda ler! Quando falo “literatura” é literatura ‘lato sensu’. Vale tudo: romance, biografia, policial, ficção científica…
    Só quis fazer um contraponto com chamado “livros didáticos”, técnicos, científicos etc.

  • Edivan Gomes

    Gênesis, de Robert Crumb

  • Bia

    Estou lendo Crime e Castigo – Dostoiévski (da coleção da abril, sabe? q) e Percy Jackson e o Mar de Monstros – Rick Riordan, rs.

  • Michely

    Tipo, quando peguei maya, eu li e tal sobre o que era.. mas a verdade é que não prestei mta atenção… Adoro pegar livros que estão mais longe, livros perdidos saca…
    Maya conta a história de um paleontólogo que vai passar alguns dias em Fiji, e encontra uma galera diferente.. Tipo, um pessoal disposto a discussões como a origem do universo, evolução da espécie e blablabla… daí surge “maya” da filosofia hindú para designar o mundo em que vivemos, e o chama de ilusão(maya)…tudo o que vemos como real na verdade é maya(ilusão), a unica coisa considerada verdade no hinduísmo é brahma, a divindade suprema, a alma universal….
    o livro é beemm filosófico, é pra quem gosta de livros que põem sementes na cabeça… acho legal aprender sobre religiões baseado em ficções com lugares, épocas, pessoas…
    Abçs!

  • Clarissa

    – Bahia de tous les saints, Jorge Amado
    – O que é apartação, Cristovam Buarque

  • [TRG]Vash

    tentando ler as obras de H.P. Lovecraft, mas antes de começar vou ler primeiro o livro horror sobrenatural na literatura (acho que é isso) que é dele também.

  • Matheus

    Eu acabei de ler “Celular”,do Stephen King,e tô lendo Christine,dele tbm.Tinha lido antes “Saco de Ossos”,e não posso negar.O cara é f*$#.Não consegui parar de ler Celular,nem Saco de Ossos,que deixei de dormir para terminar.Eles me prenderam completamente.Tbm tô lendo “Guia dos Curiosos-Invenções”

  • Não é algo muito interessante de ser,nem de falar que estou lendo: “Montaigne”.
    É um livro meio monoto,e pode se tornar chato,mas pra quem gosta de filosofia eu recomendo.

  • Maykystein

    estou lendo a “guerra dos tronos” da crônica de gelo e fogo e depois começarei “o semeador de ideias” do augusto cury e depois lerei a sequencia da crônica ” a fúria dos reis”.

busca

confira

quem?

baconfrito