O que o piloto “vazado” da Supergirl disse?

Televisão quarta-feira, 10 de junho de 2015

As palavras vazar e Supergirl, quando usadas na mesma frase, dão margem para muitas piadas babacas. Porém, como estou tentando ser uma pessoa melhor, deixarei isso de lado. A DC está tomando conta da televisão americana com seus personagens, mas infelizmente está cometendo nas telinhas o mesmo erro que a Marvel cometeu nas telonas. Está distribuindo os direitos autorais de seus personagens por diversas emissoras e criando vários universos independentes. Se lembrarmos que a 1° tentativa da DC emplacar uma série de um de seus personagens sem ser no universo compartilhado de Arrow e Flash fracassou miseravelmente, essa definitivamente não parece ser uma boa ideia. Sim, eu estou falando de Constantine dos Novos 52, porque iZombie e Preacher sobrevivem muito bem sozinhas. E agora a DC volta a fazer a mesma coisa, jogando a prima do Superman na nossa cara e dizendo que POR ENQUANTO ela vive em um universo próprio. Isso tá errado, DC. Tá tudo errado, DC. Maaaaaaas, isso não quer dizer que a série da Supergirl seja ruim, só não é muito boa. E sim, o piloto já deixou bem claro o que vem por aí.

“Caso você não me conheça, prazer, eu sou a prima do Superman”

O início do episódio foi meio babaca. São os últimos minutos de Krypton, vemos o pequeno bebê Kal-El sendo enviado para a Terra e logo em seguida, sua prima mais velha, Kara-El, prepara-se para ser enviada para protege-lo. Até aí tudo bem, se não rolasse uma conversa explicando nos mínimos detalhes que o sol amarelo da Terra dará super poderes pra ela e que ela será capaz de fazer coisas incríveis e blá blá bá… Talvez esse diálogo até fosse emocionante, se não fosse pela atriz que interpreta a pequena Kara-El, que puta que me pariu!

Vai ser um novo Smallville

Talvez não com os mesmos erros da série, mas não será muito mais do que isso. Um Smallville 2.0 com uma guria protagonizando pra chamar atenção da mulherada que fica batendo palminha sem usar as mãos enquanto assiste Arrow. E não to dizendo isso somente por ser uma série com alguém trajando um uniforme azul com o símbolo da família El no peito não. To falando porque os efeitos, as atuações, a trama e até mesmo os personagens que cercam a protagonista são quase iguais.

A única diferença é que ela não precisa se esconder do mundo porque o azulão já tá voando e pousando para fotos por aí. É como se fosse a 11° temporada de Smallville, só que focada na prima dele.

E lá vem os vilões da semana

Tudo bem, é uma série de super heróis, eles precisam enfrentar supervilões, mas caceta, de novo isso? O episódio até tenta jogar uma trama maior e sombria por trás do caso da semana, mas a gente já tá meio escolado nisso aí, né? Sem falar que o Superman e sua família não tem lá grandes inimigos e não dá pra prima do cara ficar enfrentando o Lex Luthor, o Zod ou o Apocalipse toda semana.

Se sobreviver para a 2° temporada será pelos punheteiros

Eu espero que a série seja cancelada no meio da primeira temporada e a DC entenda de uma vez por todas que ninguém liga pra Supergirl a não ser que ela esteja no mesmo universo de outros super heróis. Quantos de vocês leem a revista solo da Supergirl? Pois é, ninguém liga. Eu não queria ter que falar da Marvel aqui, mas se o Homem de Ferro fosse um filme isolado, sem citar outros heróis, ele seria uma merda. É só você lembrar de Homem de Ferro 3, que quis fechar a trilogia sozinho e sem se prender muito ao resto do UCM e foi uma grande bosta!

Nós já vimos séries de heróis, agora nós queremos universos de heróis. Vocês já acertaram, tão errando por teimosia e olho grande. Toma vergonha nessa cara, DC!

Existem centenas de heroínas que não são de super-famílias que mereciam uma série mais do que a Supergirl. Aliás, deveriam fazer uma série pra Mulher Maravilha, mas a DC não quer que a trindade tenha outras versões pra galera não ficar falando que a versão da série é melhor do que a versão do cinema.

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito