Nudez: Arte ou Exploração?

Primeira Fila sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Nas últimas semanas, durante o Festival do Rio, o ator Pedro Cardoso (mais conhecido como Agostinho, da série A Grande Família) discursou antes da estréia de seu último filme, Todo Mundo Tem Problemas Sexuais, contra a nudez no cinema e na televisão, para ele um fetichismo gratuito de diretores e roteiristas que beira a pornografia. Em muitos casos, quase todas as cenas de sexo e nudez são estratégias de marketing para atrair espectadores e audiência.

Sinceramente, acho a discussão um pouco ultrapassada, parece que estamos nos anos 80 em plena era das pornochanchadas, não vejo tanta quantidade de nudez em destaque atualmente. Muito pelo contrário, acho tão estranho que em filmes, principalmente, dos castos americanos, que em cenas de sexo a mulher sempre esteja de sutiã, não é verdade? Observem. Ainda sobre a polêmica, de acordo com o jornal Folha de S. Paulo, Pedro Cardoso teria se irritado com a primeira cena de nudez de sua namorada, a atriz Graziella Moretto, no filme de Selton Mello, o ainda inédito, Feliz Natal.

Sinceramente, dizer que a nudez de mulheres (e atores em geral) em filmes e na televisão é puramente exploração do corpo é um equívoco absurdo. Claro que em filmes como Instinto Selvagem ou mesmo Pecado Original, sabemos que a presença da nudez de atrizes sexys (Sharon Stone e Angelina Jolie, respectivamente) faz parte do contexto de criar um chamariz num filme com clara proposta de tensão sexual e teor erótico, porém imagino que as atrizes tenham lido o roteiro antes de filmar, logo são maiores de idade para aceitar embarcar no projeto ou não!

No entanto, quase sempre, vejo a nudez de atores como momentos de extrema dramaticidade para os personagens, momentos de loucura, de solidão, de choque, não exclusivamente cenas eróticas, estas que também podem ser extremamente sensuais, e dentro de um contexto, como, por exemplo, nos filmes do diretor espanhol Pedro Almodóvar.

Também discordo do ator quando diz que “diante da irredutível realidade da nudez de seu corpo, o ator não consegue produzir a ilusão do personagem”. Isto significa dizer que atores somente interpretam personagens quando estão vestidos, o que desqualifica quase todo o arsenal de possibilidades artísticas que a expressão corporal, o olhar, um sorriso, uma lágrima e, logicamente, o corpo nu do personagem, podem expressar em determinadas cenas.

Claro que há muitos argumentos interessantes no manifesto de Pedro Cardoso, como argumentar que nudez e filmes de comédia não combinam, o que pensando bem é uma realidade, ou alguém lembra de gargalhar com algum personagem nu em cena? Difícil, né? No que o Pedro Cardoso tem mais razão é em reclamar da invasão da vida privada dos atores e homens públicos, quase sempre perseguidos por máquinas fotográficas e celulares para registrar momentos íntimos de suas vidas e ganhar dinheiro e/ou audiência com isto.

Leia mais em: ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Francesco

    Não sei se é bem a isso o que ele se refere.
    Olha os programas de domingo por exemplo. Eles, por algum motivo, colocam dançarinas semi-nuas… PRA QUÊ?
    Aquilo não faz qualquer diferença no programa!
    Mas faz diferença na audiência.

    Enfim, não critico isso.
    As emissoras só fazem isso por que existe público pra tal recurso visual.

    É muito bonito o Ricardo Cardoso falar que existe muita nudez e blábláblá, mas o fato é que isso não contribui pra nenhum tipo de indecência humana.
    NO ENTANTO (sim, tem sempre um no entanto), esses programas que privilegiam nudez sem sentindo (e o pior é que é sem sentido, mesmo!), ocupam espaço para algum possível outro programa que podia ser bem melhor, mais inteligente, mais divertido, mais sagaz…

    Mas enquanto existir público que só tem capacidade mental pra assistir mulheres peladas na TV (não que isso seja ruim, mas… porra, eu tenho acesso a internet, quando eu quiser ver mulher pelada é só ir pro Google (leia-se redtube) e dar uma fuçada).

  • Entravix

    Orro, muito bom texto, acho sim que nudez como artefato artístico seja legal. Mas tem filmes em que ela é desnecessária.
    Falando na parte de nudez parcial, eu já gargalhei com American Pie.

  • sandrine

    “ou alguém lembra de gargalhar com algum personagem nu em cena?”

    Bom, eu me matei de rir com Borat.

  • @sandrine
    Eu mudei pra próxima cena. Foi constrangedor.

  • @ sandrine

    eu tava falando disso hoje. borat é bom antes e depois DAQUELA cena, que ficará presa nas minhas retinas pra sempre me assombrando.

    excelente matéria! eu acho que, em geral, a nudez é bem colocada em filmes. exceto, realmente, nas comédoas. ou seja, eu concordo com tudo que vc diz, hehe

  • Nath

    Engraçado né???

    Sempre mostram mulheres nuas – cansada de “cine peitinho” – na TV…

    Não tem um pinto.. NENHUM!!!!!

    Concordo que a Mulher Melância é boa, mas o Gugu pelado ia alavancar a audiência à ESTRATOSFERA!!!!

    Não???

  • Capitão Piratão

    Tem um filme chamado “O Homem Nu”. Não vi esse troço, mas até onde eu sei, é comédia, e até onde eu sei, a graça do troço todo gira em torno da NUDEZ do maluco. Acho que isso conta, não?

  • Concordo totalmente com o Nath!!!
    Nunca mostram um pinto nos filmes!!!
    Não é nudez, é Mulher!!! É só mulher!!
    E nem no filme “O Homem Nú”, não mstram homem nú…mostram só a bunda do Cláudio Marzo, que não é nenhum garotão…
    Tem que acabar essa coisa de só mulher pelada, tem que mostrar o Selton Mello pelado pra ele ver como é bom…
    KKKKKKKKKKKKKKKK!!!!!!

  • daniel

    Nath
    a não gugu pelado não

    prefiro a volta da banheira…

  • Nath

    @ daniel

    Banheira???

    O que aparecia lá quando nêgo tava com muuuuuita sorte era o peitinho da Ellen Ganzarolli…

    Coitada… Ô serviço ingrato!!!!

  • três comentários:

    fazer sexo de sutiã = ???????????

    pecado original >>>>>>>>>>>>>>>>>>>> all

    post sobre nudez sem comentário sobre os peitos da Bel = ???????????

  • Jéssica de Oliveira

    Pois é!! Concordo com você… é muita injustiça. Só mostram mulheres com bundas e peitos cheios de silicone. Não se importam em mostrar uma perseguida também não. Agora quando poderíamos apreciar a beleza masculina, um pinto delicioso mesmo mole e macio sobre duas bolas cheias dão água na boca em muita gente!!! :D Huuummmmm!!! E o exemplo que você citou “O Homem Nú”, eu vi e em algumas poucas cenas de relance dá pra ver o pinto do Cláudio Marzo. Aparece molinho balançando enquanto ele fugia… rsrsrs ainda sim uma DELÍCIA!! Me deu uma vontade louca de colocar na boca e chupar com força!

busca

confira

quem?

baconfrito