Made In Taiwan – Bergenteif

Música domingo, 23 de setembro de 2007

Mais uma banda espetacular para o nosso quadro Made In Taiwan.

Dessa vez trazemos pra vocês:

bergenteif.jpg

Bergenteif. Banda para piratas, vikings, bárbaros e gladiadores.

A banda Bergenteif (que significa “Demônios da montanha”) vem com a seguinte proposta, que tá lá no MySpace da banda:

Melhor banda de barbarian metal de todos os tempos, tem como objetivo o fim do amor e de tudo o que é belo e cor de rosa

O estilo musical é inusitado e os próprios integrantes o classificam como True Barbarian Metal. Misturando instrumentos normalmente utilizados em música erudita, umas harmonias medievais e porrada no último, Bergenteif é música pra beber, tacar fogo em vilarejos e estuprar a filha do chefe da aldeia.

Escute “The Second Coming” aqui

Escute “Merchant of Windmills” aqui

Reunidos em 2001, a banda conta com Atílio (gostei do nome, deve ser parente) na guitarra e vocais, Thiago na guitarra, Renan no baixo e Rodrigo quebrando a bateria. A formação mudou desde 2001, e cada componente influencia o som com suas preferências musicais. Consegui falar com o Atílio e o cara deu a real:

Atillah: Cara, defina pra nossos leitores como é o Barbarian Metal de vocês, e o que ele compartilha com outras bandas do gênero, especificamente no som que vocês fazem.
Bergenteif – Atilio: Então, nós queremos mesmo é inovar, fazer algo diferente e não imitar ninguém. Por isso que é tão dificil dizer com o que parece. Cada musica tem um jeitão diferente. Na verdade essa idéia de barbarian metal nasceu meio que de brincadeira: a gente mostrou o som pra um camarada e ele disse “caralho, o som de vocês é barbaro!”
Atillah: Porra, mas é um som Conan mesmo, cara.
Bergenteif – Atilio: Pode crer: diga não ao donzelismo!

Quer ver a entrevista toda? Tá aí embaixo.

As letras acompanham o som pesado, sempre abordando temas de relevância como o paganismo e o suicídio. Uma pena que a banda só tenha duas músicas gravadas. Mas segundo Atílio, tem várias outras no forno, só dependendo de uma oportunidade pra juntar os cúmplices e tocar o horror musical.

A banda não possui shows agendados no momento. Vamos ver se tiramos os caras de sua caverna e promovemos a destruição em nível mundial.

Contato: bergenteif@hotmail.com

Entrevista com Atílio do Bergenteif.

Atillah: Então cara, pra começar, o que significa “Bergenteif”?
Bergenteif – Atilio: Demônios da montanha.
Atillah: Puta merda, só podia. Demais.
Atillah: E, Atilio, qual o seu papel na Bergenteif?
Bergenteif – Atilio: Eu sou guitarra e vocal, componho e faço as partes de violão. Ultimamente também tenho feito as letras.

Atillah: Cara, escutei as músicas de vocês, e me deu vontade de beber, brigar e sair abusando de donzelas. Você acha que é efeito da música ou tem algum problema comigo?
Bergenteif – Atilio: Huhauhahua, é a volta aos tempos bárbaros. Essa é a nossa proposta: fazer o verdadeiro barbarian metal
Atillah: Quando eu tava escutando eu pensei: “Caralho essa é a mistura perfeita de Matanza com Therion”. É por aí mesmo?
Bergenteif – Atilio: Acho que essa é a parte legal de ouvir nosso som: você pode especular á vontade e nunca vai chegar perto das influências hahahaha. Therion e Matanza eu só conheço de nome.
Atillah: Então falei merda. Mas gostei do som do mesmo jeito.
Bergenteif – Atilio: Mas falando sério, é tanta mistura… da minha parte é mais musica erudita, o baixista curte mais black metal e o batera metal melódico.

Atillah: Cara, defina pra nossos leitores como é o Barbarian Metal de vocês, e o que ele compartilha com outras bandas do gênero, especificamente no som que vocês fazem.
Bergenteif – Atilio: Entao, nós queremos mesmo é inovar, fazer algo diferente e não imitar ninguém. Por isso que é tão dificil dizer com o que parece. Cada musica tem um jeitão diferente. Na verdade essa idéia de barbarian metal nasceu meio que de brincadeira: a gente mostrou o som pra um camarada e ele disse “caralho, o som de vocês é barbaro!”
Atillah: Porra, mas é um som Conan mesmo, cara.
Bergenteif – Atilio: Pode crer: diga não ao donzelismo!
Atillah: Você devia ler a série que eu escrevi sobre piratas. Mas e as letras? Vocês estão abordando que temas ultimamente?
Bergenteif – Atilio: Ah, basicamente suicidio, barbarianismo, um satanzinho básico…..
Atillah: Você devem gostar dos vikings cara, eles eram um tipo de pirata que eu respeito, porque eles tocavam o horror no mar e na terra. Aliás, bárbaros se suicidam?
Bergenteif – Atilio: Sei lá, é que eu sou meio depressivo sabe?.
Atillah: Você devia estuprar mais donzelas, cara. Voltando á banda, vocês estão com a mesma formação desde quando?
Bergenteif – Atilio: Faz um ano mais ou menos.
Atillah: A galera se dá bem mesmo tendo um bando de influências diferentes?
Bergenteif – Atilio: Sim, essas influencias se completam.

Atillah: As músicas que ainda não foram gravadas são no mesmo estilão das que já estão disponíveis? Com uma introdução em instrumentos eruditos e tal e daí dá um tempinho e entra batera, guitarra e baixo quebrando tudo?
Bergenteif – Atilio: Então, eu busco algo diferente em cada musica, cada uma é uma jornada pagã por uma regiao diferente do ser.
Atillah: Orra, fala mais sobre as letras cara. Como foi que saíram as letras das duas musicas que estão disponíveis?
Bergenteif – Atilio: A “Merchant of Windmills” foi feita pelo Tiago (violino e guitarra), é uma letra complexa e cheia de trocadilhos filosóficos. A “The Second Coming” é um poema do Yeats.

Atillah: Quando sai mais música cara?
Bergenteif – Atilio: Dificil dizer, tá todo mundo ocupado com trampo e faculdade por enquanto.
Atillah: Cara, mas barbarianismo é PRIORIDADE!
Bergenteif – Atilio: Huahauahua.

Atillah: Legal cara, agradeço aí pelas suas palavras e paciência. Tem mais alguma coisa que você queria dizer pro pessoal do Ato ou Efeito?
Bergenteif – Atilio: Quero agradecer a você pela oportunidade e todos os fãs pelo suporte.
Bergenteif – Atilio: E STAY FUCKIN’ BARBARIAN!!!!!

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • joao

    consertesa vou querer ouvir a musica dessa banda! concorda atillah?
    E que discorda? banda massa homem!!!!!!

  • Dienis

    Nossa, muito boa a banda.

busca

confira

quem?

baconfrito