Igreja católica quer censurar o filme A Bússola de Ouro

Cinema quinta-feira, 29 de novembro de 2007

É isso mesmo. Segundo os católicos, o filme A Bússula de Ouro, que estréia no Brasil no dia 25 de Dezembro, não é nada legal pras nossas criancinhas. Primeiro, vamos á sinopse do filme:

Em um mundo onde todas as pessoas têm um “daemon” (uma manifestação da alma em forma animal), a jovem e órfã Lyra Belacqua (Dakota Blue Richards) descobre com seu daemon, Pantalaimon, uma substância chamada “pó”. Segundo as autoridades religiosas, esta substância representa o mal, por provocar um efeito estranho nas crianças. Então, lira segue o misterioso Lorde Asriel (Daniel Craig), á procura de uma resposta, e em Londres ela descobre que várias crianças estão desaparecendo. E seu melhor amigo, Roger (Ben Walker), é uma delas. Então, uma bússula de ouro, que seria um instrumento ancestral, a ajuda na jornada que poderá alterar o mundo para sempre.

O filme é a adaptação do primeiro livro da trilogia de livros chamada Fronteiras do Universo, que conta com os seguintes livros: A Bússola de Ouro (1995), A Faca Sutil (1997) e A Luneta Âmbar (2000). Segundo a igreja católica, o primeiro livro é o mais “leve”, então eles querem cortar a raíz do problema de uma vez por todas, proibindo que as crianças vejam o filme que poderá ganhar as continuações se fizer sucesso. Aparentemente, a desculpa que eles dão é que o filme poderá levar as crianças ao ateísmo, tendo em vista que boa parte dele faz oposição á religião – e a coisa só tende piorar nos próximos livros.

Eu pensava que este filme seria mais um filme bobo igual ao filme Crônicas de Nárnia, mas pelo visto ele é um filme bobo E polêmico. Minha opinião, obviamente, é que o catolicismo é fraco. Se eles não conseguem ser mais convincentes que um filme de ficção, acho que os religiosos deveriam cair na real de uma vez. E não é só minha opinião, olha só o que o Philip Pullman, autor dos livros, disse diante das críticas:

“Não sei se existe Deus ou não. Ninguém sabe, digam o que disserem. Se ele se mantém invisível, é porque está envergonhado de seus seguidores e a crueldade e ignorância dos que fazem uso do seu nome. Se eu fosse ele, gostaria de não ter nada a ver com eles”

Agora tenho um motivo pra levar meu sobrinho ao cinema.

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • joao

    Pura tolice……”aiaiai nossas crianças ficaram ecapetadas!!!!!!!!!!” “uiuiui meus 2 filhos vão virar ateus!!!” “Isso non equeziste!!!” LOL -_-

  • Marco

    Pantalaimon? Que legal, ela tem um digimon =D

  • Ave Maria, tomara que isso aconteça e todos virem ateus, ou, se não ateus, ao menos questionem a religião, virem agnósticos, ou mesmo religiosos, mas percebendo as falhas que existem em cada religião. É bem o que o autor dos livros disse, se existe ou não, não sei. E, sinceramente, se deus é algo tão perfeito, ele não colocaria como “critério de seleção” para entrada no céu acreditar ou não nele, mas sim as ações de cada um aqui. A não ser que deus seja tão egocêntrico que não importa se fulano foi um santo, o que importa é se ele foi um santo E acreditava nele.

    Não fosse o fato da Igreja ter criticado o filme e você ter feito este post, eu não ficaria sabendo deste filme. A Igreja Católica não aprende mesmo, né? Depois da ótima propaganda que fizeram do “Código Da Vinci”, começaram a fazer propaganda para outro filme, nos mesmos moldes. Será que eles têm participação nos lucros e estão fazendo marketing de guerrilha? Hehehehe.

  • Realmente, eu também nem tava sabendo desse filme. Verei certamente!

  • bee

    Vou começar o livro dois :)

  • Anderson José Bender

    Acabei de ver o filme e acho que não interfere na cultura ou religião de ninguém. Agora pergunto a todos, onde esta a cultura, a magia dos contos de fadas, se fossem querer proibir o filme deveriam proibir os contos de fadas e muitas outras coisa. Acredito em Deus sim e em todo o seu poder, e acho que a família que tem Deus no coração e a paz interior não precisa se preocupar com um filme, pois tudo é cultura e ficção. Existem coisas piores para se preocupar e censurar. Em minha opinião o filme é regular e se for lançado à continuação precisa melhorar muito, no entanto o filme pode ser exibido sem restrições. Missal – Paraná – Brasil, Dia 16/08/2009.

  • sarah

    gostei muito do filme e gostaria que tivesse uma continuação, sobre esse negocio com a religião quem se importa se todos virarem ateus, o filme de chico xavier acabou de ser lançado e ninguem quer censurar, pode virar espirita, mas nao pode virar ateu? Pra mim é a mesma coisa.

  • Solange

    Quero uma continuação….
    é legal…

  • miledark

    Uma igreja que esteve envolvida pedofilia não tem o menor direito de fala esse filme ou qualquer outro
    Quer eles para saber o q e melhor as crianças com uma igreja assim melhor ser ateus embora não acredite em nem uma religião eu apenas em deus.

  • miledark

    tudo isso so pq autor e ateus
    A adaptação para o cinema da controvertida trilogia de um autor ateu causa alvoroço ecumênico; mas será que “matar Deus” é o verdadeiro perigo
    ridiculo

  • júlia

    o filme é demais, e to afim de ler os livros, eu tava louca procurando a continuação do primeiro filme, mas agora sei que tem o dois, pelo menos é o que parece! Eu acredito em Deus, e o filme nao influencia niguém ao ateísmo, na boa, da onde esse povo tirou essa ideia? so pode ser meio dã!

    Daqui a pouco ,vão começar a implicar com a Lady Gaga , por causa da música nova:Judas.Ai fala serio!
    definitivamente a igreja não pode falar muito, porque antigamente cometeu grandes atrocidades, como todos ja estudaram em história.A bussola de ouro é genial!

  • Yasmim_1oolinda2011

    meu essa idiotice de catolicos fanaticos da no saco tem q saber separar religiao de filmes e outras coisas pq cada um tem sua propria opiniao

  • Guilherme

    Se ainda não leram os livros, leiam.
    A bussola de ouro, a faca sutil e a luneta ambar.
    são todos maravilhosos.

  • Carlos Valente Valente

    A Igreja Católica deveria é se preocupar em mandar prender os muitos padres pedófilos espalhados nos países cristãos ao redor do mundo todo isso sim!! O tempo de querer proibir tudo já passou faz tempo, Igreja Católica, vai se atualizar ao mundo moderno!! Seu bando de fanáticos religiosos!!

busca

confira

quem?

baconfrito