Hora da Música

Música quarta-feira, 31 de março de 2010

TERRA! FOGO! VENTO! ÁGUA!

 CORAÇÃO!

Olá a você, que perde o seu tempo lendo o que eu escrevo. Como vai você hoje? Não precisa responder, eu não ligo (Claro que eu estou brincando. Que tal você deixar nos comentários como você se sente hoje?). Do contrário, vou falar como eu estou hoje, 27 de março de 2010: Estou puto. MUITO puto.

 PQ

Hoje foi a Hora do Planeta. Sessenta minutos destinados a mais nobre causa da atualidade: Não sei. Só sei que todo mundo apagou as luzes pensando que estavam diminuindo o aquecimento global, ou algo do gênero. Você sabia que um aparelho gasta uma quantidade maior de energia para ligar do que se manter ligado? E sim, isso é verdade, já que o meu computador está ligado faz um mês e a conta de energia que chegou aqui diminuiu. Mas eu não vou dar uma de moralista aqui, afinal, de moralistas o mundo está cheio. Uma hora em um ANO é muita coisa.

Eu não ajudo nem o Criança Esperança. Uma hora da minha vida não vai melhorar em nada a vida de vocês. E, por isso mesmo, eu estou ligando e desligando as minhas lâmpadas neste exato momento. Quero meu 2012 pessoal.

Talvez a falta de consideração da minha parte seja devido à causa fraca – ajudar os outros. Ninguém nunca me ajudou apagando uma lâmpada, por que eu faria isso agora? Talvez, ou melhor, com toda certeza do mundo, digo: Não tenho interesse por certas coisas, mas se essa história toda fosse por uma coisa que eu me interessasse, eu participaria. Então eu proponho a vocês a Hora da Música.

Você já pensou quantos MP3s, pilhas e rádios são desperdiçados com gente que tem mau gosto musical? Você já pensou em quanto oxigênio e quanto gás carbônico os funkeiros estão usando/exalando neste exato momento? Então você já conseguiu ver o problema. Ao contrário da Hora do Planeta, que não mudou a minha vida em nada, a Hora da Música vai tornar tudo mais agradável. Ninguém vai te chamar para ir à balada dançar Rebolation; Ninguém vai dizer que Cine é uma obra de arte; Créu vai ter um único sentido, novamente; Charlie Brown Jr. vai ser uma banda boa de ouvir, simplesmente porque ninguém vai ouvi-la durante a Hora da Música.

E agora? Com a Hora da Música o mundo não parece um lugar mais legal para se viver? Claro que parece. E o melhor de tudo: A Hora da Música não vai ter uma hora de duração, e sim oito mil setecentas e sessenta horas de silêncio musical vindo de toda a pessoa ou grupo musical que merecia voltar para a placenta da mãe. Claro que o nome é errado, vendo por esse lado, mas… Quem se importa? Uma jogada de marketing para maior adesão, apenas isso.

Alguém aí lembra de RBD? Depois que o grupo acabou o planeta não se tornou um lugar mais tolerável? Então fica aí o meu pedido a você, que tem gosto musical ruim e preocupa-se com o planeta: Desligue essa merda de Rebolation, MC Thundercats, Bacalhau e as Batatas e faça com quem o resto da população tenha uma vida melhor. Ou simplesmente morram, tanto faz, mas dêem paz a quem tem alma quando o assunto é música.

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Bia

    Vou so falar uma coisa:

    assim que eu lembrar.

  • Állan

    É mais fácil acontecer um “6 horas do planeta” do que o que você pediu acima.

    Infelizmente, diga-se de passagem :/

  • K

    @Bia
    ok, quando cê lembrar como se faz um comentário relevante, volta e comentaê, que eu vou estar esperando.

    @Állan
    bixo, tem gente que assiste BBB e CHORA. nada é impossível.

  • Lucas

    Nada é impossível… mais isso é. Seria BOM DEMAIS pra ser verdade se acontecese.
    Imagine a paz que seria se aqueles malditos celulares parassem de tocar merda?!

  • Torquato

    ja ficaria bem satisfeito se essas pessoas usassem fones de ouvido …ja transformaria meu dia para melhor serio…quero morrer quando vou de onibus, metro ou trem e tem um viado ouvindo isso em um celular em alto som como se todos gostassem…..

busca

confira

quem?

baconfrito