Guerra dos Tronos pegando o jeito?

Televisão terça-feira, 30 de Abril de 2013

Depois de um season finale maneirinho até e uma temporada que, por algum motivo, desembestou lá pros últimos episódios, parece que os produtores tão acertando a mão de novo. Antes de mais nada, confere aí o monólogo mais foda dos últimos tempos:

Imagino que, se você continuou lendo, é por que está ciente dos spoilers e tudo mais. Mas cês sabem que sou gente boa, então darei a última chance de sair antes de começar o vazamento blenorrágico de líquido estragatório de séries. Como sempre tem um babaca pra reclamar nos comentários, segue o recado da forma mais clara imaginável: Fecha a porra da aba, seu borra-botas.

As criancinhas foram embora já? Ótimo, podemos começar.

Bom, como mencionei lá em cima, o final da segunda temporada foi satisfatório. Bem escrito, produzido e pago, afinal, a HBO é perfeccionista e não acredito que exibiriam qualquer merda mal-editada, ao contrário do Bacon. No entanto, apesar de todo o capricho da emissora, certos eventos incomodaram. Parecia que os roteiristas queriam se distanciar muito do plano original. Caras, quem me conhece sabe que não sou nem um pouco xiita, só que às vezes rolava muita pisada na bola.

Não é tudo que funciona num livro que vai se desenrolar bem na TV, óbvio. Só que precisava mudar o arco da Daenerys daquela maneira? Matar todas as aias dela e alterar a essência de uma personagem que claramente nunca foi uma assassina impiedosa – Vide, no livro, o que ela fez com o Jorah Mormont quando descobriu sua traição?

Não. Mas vende melhor. É sexy, provocante, dá até pra imaginar a Emilia Clarcke na cama fazendo raaawr.

Enfim, apesar de os livros terem alguma pra caralho apelação pras pessoas com caralhos, tem momentos na TV que chegam a irritar. Vou tentar falar de um jeito que não me faça parecer careta ou moralista. Não tenho nada contra peitinhos ululantes na telinha, mas nem sempre os próprios atores estavam confortáveis fazendo aquilo. Eles estudavam, pelos livros inclusive, o respectivo personagem pra interpretá-lo de um jeito e a nudez exagerada quebrava o clima. O próprio Richard Madden, que interpreta o Robb Stark, admitiu em entrevista que odiava esse tipo de cena.

Agora, pelo menos, os cortes e modificações foram melhor calculados. Vi muita reclamação a respeito do corte do Willas Tyrell, o que, ao tornar Loras filho único, tirava qualquer possibilidade de o vermos na Guarda Real. Isso alteraria e muito a morte de um certo personagem importante em Tormenta de Espadas. Concordo que existe a chance de virar cagada, mas não vou me arriscar a morder a língua por que o chamado Casamento Roxo é marcante demais pra que os produtores se dêem ao luxo de não fazê-lo 100% igual ao livro.

E, sinceramente, não ouso reclamar da parte técnica. Locações, figurino – Salvo o excesso de azul, cor que aparentemente caracteriza todas as senhoras de Westeros e que deveria ser substituída pelo verde no caso dos Tyrell -, até as perucas e os apliques melhoraram.

A primeira metade da temporada atual surpreendeu muito positivamente. Os diálogos exclusivos da TV, ao contrário de Fúria dos Reis, estão fenomenais. Poucos são aqueles em que dá pra ver que o roteirista se esforçou pra criar algo marcante e falhou miseravelmente. Prova disso é o vídeo lá de cima. Esse monólogo exato não existe no livro. É uma mistura foda de pensamentos próprios do Jaime, impressões de outros personagens acerca dele e um ou outro detalhe de fora dos livros.

Espero do fundo da alma que esses mulambentos mequetrefes continuem assim, acertando na mosca. O terceiro livro, apesar de ser o mais “gordo” da saga, é o mais dinâmico, com o ritmo mais alucinado. Com ele de base, tem que se esforçar muito pra conseguir estragar a porra toda.

Leia mais em: , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Marina Oliveira

    Perdi os últimos 3 episódios da série, mas me aprece que essa mudança com a Daenerys é porque eles precisam acelerar um pouco os acontecimentos. Não da pra usar um ritmo de Martin na TV, então eles tão “amadurecendo” a personagem mais rápido.
    Parece que essa temporada vai mostrar só metade do terceiro livro, mas sinceramente, não sei como eles vão fazer pra condensar nem mesmo isso tudo em uma temporada só haha

busca

confira

quem?

baconfrito