Estreias da semana – 29/05/2014

Cinema quinta-feira, 29 de maio de 2014

No Limite do Amanhã (Edge Of Tomorrow)
Com: Tom Cruise, Emily Blunt, Bill Paxton, Charlotte Riley, Deborah Rosan, Denis Khoroshko, Dragomir Mrsic, Emmanuel Akintunde, Franz Drameh, Jonas Armstrong e Kick Gurry
Imagina que as Alines os aliens apareçam e resolvam fazer patê de humanidade. E consigam, sobrando pro Tom Cruise salvar a gente. Fodeu total, certo? Certo. Só que ele tem a habilidade de morrer e nascer de novo, no começo do dia em que morreu, mas aprendendo sempre. É a porra de um videogame, cara. Cê tá indo no cinema ver seu irmão mais velho jogar videogame.
Como eu sempre gostei de assistir os outros jogando, talvez até ache interessante. Apesar de preferir quando eu posso jogar, nem que seja pra foder tudo.

Malévola (Maleficent)
Com: Angelina Jolie, Elle Fanning, Sharlto Copley, Kenneth Cranham, Lesley Manville, Miranda Richardson, Sam Riley, Juno Temple, Imelda Staunton e Brenton Thwaites
Já viu Bela Adormecida, né? Claro que já, porra, não mente pra mim não. Então, lembra da vilã que amaldiçoa a pirralha que vira princesa e coisa e tal? Então, essa é a história de porque ela virou vilã e etc. E uma aliviada na barra dela, ao mostrar que ela não é tão má assim, foi só uma treta que aconteceu.
Se não fosse a Jolie, acho que o filme não ia ser tão apelativo. Essezóio verde e essa bocarra não são pra qualquer um, mesmo que no desenho ela não tivesse nada disso.

Os Homens São de Marte… E é pra Lá que Eu Vou!
Com: Monica Martelli, Paulo Gustavo, Daniele Valente, Eduardo Moscovis, Marcos Palmeira, Humberto Martins, José Loreto e Herson Capri
Fernanda tem 39 anos, e é o exemplo de mulher bem sucedida. Mas, conforme ditam os poderes do patriarcado, ela pode ser livre, independente e tudo mais, porém tá fudida se não tiver um macho. Então, decidiu que agora uma piroca pra chamar de fixa é prioridade, e vai testar todas que puder até não querer mais largar.
Comédia brasileira baseada em peça de teatro, mas pra variar é aquela coisa meio forçada, meio babaca de sempre.

Os Anos Felizes (Anni felici)
Com: Kim Rossi Stuart, Micaela Ramazzotti, Martina Gedeck, Samuel Garofalo, Niccolò Calvagna, Benedetta Buccellato, Pia Engleberth e Angelique Cavallari
Guido e Serena são casados, e como era de se esperar graças aos estereótipos da vida, vivem brigando. Mas nesse caso, é por conta do pensamento liberal do marido, que lida com modelos o tempo todo e já não consegue disfarçar sua atração. Isso dá liberdade de Serena também correr atrás de umas fodinhas, e nada de mais no rolê. Exceto que a criançada presencia tudo isso e vão só guardando no inconsciente.
Dramalhão latino [Italiano é uma língua latina, ok?] pra ninguém botar defeito. Ninguém fora eu, porque vai se foder, quisesse ver novela babaca eu ligava na Globo, que pelo menos é de graça.

Oslo, 31 de Agosto (Oslo, 31. august)
Com: Anders Danielsen Lie, Hans Olav Brenner, Ingrid Olava e Tone Mostraum
Narcólatra em recuperação, Anders tá largado numa clínica de reabilitação em Oslo, capital da Noruega, seu inculto. Como tem uma entrevista dia 31, recebe uma licença pra sair, e vai pra entrevista. Depois de visitar seu amigo Thomas, e terminando a entrevista, vai dar um rolê pelas ruas de Oslo até de noite, dando de cara com alguns fantasmas do seu passado.
Cara, pelo pôster eu tava jurando que era uma comédia romântica, mas leva jeito de ser barra pesada.

O Fantástico Mundo de Juan Orol (El fantástico mundo de Juan Orol)
Com: Roberto Sosa, Ximena Gonzalez-Rubio, Karin Burnett, Gabriela de la Garza, Ariadna Perez Mijares, Jesús Ochoa e Roger Cudney
Juan Orol era um espanho que foi ainda pirralho pra Cuba [Antes da revolução]. Lá, aprendeu a ser jogador de beisebol, lutador de boxe, piloto de corrida, toureiro, agente secreto, jornalista e diretor de teatro. Mas ele gostava mesmo era de ser diretor de cinema, tanto que inventou um gênero e conquistou atrizes. E mesmo que não manjasse da parte técnica, sabia do que o povo gostava.
Rapaz, esse tio foi praticamente um percursor do Bacon. Vou levantar um altarzinho pra ele aqui no canto do meu quarto e rezar toda noite.

Walesa (Walesa. Czlowiek z nadziei)
Com: Robert Wi?ckiewicz, Agnieszka Grochowska, Maria Rosaria Omaggio, Zbigniew Zamachowski, Cezary Kosi?ski, Miros?aw Baka, Iwona Bielska e Maciej Stuhr
Lech Walesa era só um eletricista polonês, que por um grande acaso da vida, liderou a revolução que derrubou a ditadura na Polônia e deu um duro golpe na União Soviética nos anos 80. Não feliz com isso, ele fundou o Movimento Solidário Polonês e ganhou um Prêmio Nobel da Paz. Pouquinha coisa, hein?
E além de tudo isso, tem o bigode mais sensacional de todos os tempos. Só por isso já vale a sessão.

Leia mais em: , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • FooFighter

    Passando só pra fazer meu comentário de lei no “estrÉias”.
    Sobre as ditas cujas, tenho NADA PRA FALAR

busca

confira

quem?

baconfrito