Estréias da semana – 28/01

Cinema quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

O Amor e Outras Drogas (Love and Other Drugs)
Com: Jake Gyllenhaal, Anne Hathaway, Hank Azaria, Judy Greer, Gabriel Macht ,Katheryn Winnick, Oliver Platt, Jaimie Alexander, George Segal, Brenna Roth
Um mulherengo que tá num curso pra representante de vendas de um grande laboratório farmacêutico conhece uma jovem que tem Parkinson prematuramente. Ou seja, nenhum dos dois quer relacionamento sério. Tái o casal perfeito, veja só a ironia.
Comédia romântica com drama e cenas picantes. Grandes merda, parece a minha vida. Sem o drama e o sexo. E a comédia romântica.

Deixe-me Entrar (Let me In)
Com: Chloe Grace Moretz, Kodi Smit-McPhee, Richard Jenkins, Cara Buono, Sasha Barrese, Elias Koteas
Owen é um dos losers da escola e seus pais estão se separando, fazendo com que ele seja um solitário. É quando ele conhece Abby, uma vizinha que mora com seu pai, só dá as caras de noite e aparentemente não sente frio, andando descalça na neve. A amizade floresce entre os dois, mas quando uma série de assassinatos brota na cidade, Owen começa a notar que ela tem algo de diferente.
Filme de vampiro adolescente realmente bom. E um remake que não envergonha o original.

Um Lugar Qualquer (Somewhere)
Com: Benicio Del Toro, Michelle Monaghan, Elle Fanning, Stephen Dorff, Laura Ramsey, Alden Ehrenreich, Robert Schwartzman, Paul Vasquez
Johnny Marco, um ator estrelinha, mora no hotel Chateau Marmont, em Hollywood, e passa seus dias vagabundeando, no melhor estilo Charlie Harper. Mas sua vida toma um tombo quando sua filha de 11 anos vai morar com ele. Ou começa a participar da vida do cara, sei lá. E, com isso, ele começa a reconsiderar suas prioridades, e tal.
O velho clichê sobre como um filho muda tudo. Mesmo sendo a mais pura verdade.

A Última Estação (The Last Station)
Com: Helen Mirren, Christopher Plummer, Paul Giamatti, James McAvoy, John Sessions, Patrick Kennedy, Kerry Condon, Anne-Marie Duff, Tomas Spencer
Leo Tolstoi, aquele romancista russo, renuncia ao seu título de nobreza, propriedades e família, tudo em nome de uma religião que criou. Sua mulher, a condessa Sofia, esposa de Tolstoi faz cinquenta anos, descobre que o pupilo do marido, Vladimir Chertkov, convenceu seu companheiro a alterar o testamento, de modo que sua obra se torne propriedade do povo russo, o que ela acha um ultraje, já que considera que a obra também pertence à ela. A briga é tão grande que Tolstoi, 82 e a maior celebridade mundial na época, foge de casa no meio da noite, fazendo com que sua mulher alugue um trem e vá atrás dele por toda a Rússia.
O filme parece interessante, já que tem um velho de 82 fugindo de casa.

Inverno da Alma (Winter’s Bone)
Com: Jennifer Lawrence, John Hawkes, Dale Dickey, Lauren Sweetser, Ashlee Thompson e Tate Taylor
Ree Dolly tem 17 anos, e precisa achar seu pai, que usou a casa da família como forma de garantir a sua liberdade condicional, mas desapareceu sem deixar traços. Com cagaço de perder a casa e ter que voltar a morar com os irmãos menores na floresta de Ozark, ela lutará contra tudo e todos, descobrindo a verdade sobre seu pai.
Medo de floresta? Vira homem, Ree.

Caça às Bruxas (Season of the Witch)
Com: Nicolas Cage, Ron Perlman, Stephen Graham, Ulrich Thomsen, Stephen Campbell Moore, Claire Foy
Behmen é um real cruzado que perdeu a fé e muitos amigos. De volta à uma Europa devastada pela fome e pela peste negra, ele é encarregado de levar, com um grupo de guerreiros, uma garota suspeita de ser bruxa até um monastério distante. E durante a viagem, eles logo notam que ela realmente tem poderes sobrenaturais, e acabam enfrentando um mal além da compreensão.
Porra, Nicolas Cage. Desista dessa vida de ser herói de filme de ação que isso não é pra você.

As Aventuras de Sammy (Sammy’s Adventures: The Secret Passage)
Com: Tim Curry, Anthony Anderson, Melanie Griffith, Jenny McCarthy, Kathy Griffin
Sammy nasceu em 1959, e desde então percorre os oceanos do mundo todo, testemunhando as consequências do aquecimento global, além das principais alterações que o homem e sua presença estão causando no planeta.
Filme de tartaruga ecochato não dá pra guentar. Ainda mais com aquele óculos incomodo na cara.

Leia mais em: , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Symbol

    Assisti o Deixa ela entrar original. Duvido que um remake norte americano chegue aos pés do original. Pelo que lí e ví, os valores ortodóxos americanos fizeram com que várias partes originais boas fossem retiradas e vários fios soltos que davam charme à história foram preenchidos de maneira simples, como o “ajudante” da vampira.

busca

confira

quem?

baconfrito