Estreias da Semana – 27/08/2015

Cinema quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Ted 2
Com: Mark Wahlberg, Amanda Seyfried, Patrick Warburton, Morgan Freeman, Dennis Haysbert, Liam Neeson e John Slattery
Na sequência daquela comédia bacaninha de 2012 [Eu tou ficando velho], Ted se apaixonou, casou e quer ter um filho. O problema é que, obviamente, ele não pode ter um filho porque é uma porra de um urso de pelúcia. E quando ele tenta inseminação artificial com esperma doado. Mas nem assim adianta, porque ele não é uma pessoa, mas um objeto de propriedade de John. Ele então entra em uma batalha judicial pra ser reconhecido como gente.
Sou só eu ou essa ideia remete à Legalmente Loira, e isso não parece soar muito bem?

Hitman: Agente 47 (Hitman: Agent 47)
Com: Rupert Friend, Zachary Quinto e Hannah Ware
47º [AH VÁ] clone de um projeto pra criar o assassino perfeito, o Agente 47 vai tentar impedir que a mesma tecnologia que o pariu seja usada pra fazer um exército megaboga do mal. Mas pra não ficar parecido com o jogo, vamo botar ele junto com uma mina nadavê. O que pode dar errado?
Apesar do trailer ter me empolgado, tenho informações seguras de que o filme é médio. Se não for médio-baixo.

Expresso do Amanhã (Snowpiercer)
Com: Chris Evans, John Hurt, Tilda Swinton, Jamie Bell, Ed Harris, Alison Pill, Ewen Bremner, Octavia Spencer, Luke Pasqualino, Kang-ho Song, Steve Park e Clark Middleton
Tentando nos salvar do aquecimento global, cientistas acabam cagando o experimento e uma nova era glacial se instaura. Quem sobreviveu tá dentro de um trem chamado Snowpiercer, também conhecido como FuraNeve. E como em toda metáfora da sociedade, os pobres vivem em condições abomináveis, enquanto os ricos não fazem nada e enchem a pança. Até que um dos fodidos [Que por acaso é um galã com a cara do Chris Evans] resolve mudar a porra toda. Como se fosse só decidir que basta.
Essas alegorias sempre me irritam por simplificar o bagulho a ponto de não fazer sentido. Fora que é muito mais fácil zonear um grupo de, sei lá, mil pessoas, do que uma sociedade de bilhões.

Homem Irracional (Irrational Man)
Com: Joaquin Phoenix, Emma Stone e Parker Posey
Abe Lucas é um professor de filosofia que está em crise existencial. A despeito disso, ele vai para os Estados Unidos dar aula, e logo uma de suas alunas, Jill, se interessa pelo seu intelecto, além da tristeza inerente do professor. Ao mesmo tempo, Rita, professora casada que é colega de Abe, tenta um caso com ele, porque nos filmes do Woody Allen as mulheres sempre dão mole pros intelectuais melancólicos feito ele. Conveniente, não? Mas a grande virada é quando Abe, numa lanchonete com Jill, ouve uma desconhecida falando sobre a perda da guarda do filho por conta da decisão do juiz Spangler; é quando Abe começa a maquinar o assassinado perfeito, já que ele e Spangler são completamente desconhecidos um do outro.
Inicialmente parecia só um dramalhão existencial, mas no fim das contas é só mais um nonsense do Woody Allen.

Corrente do Mal (It Follows)
Com: Keir Gilchrist, Carollette Phillips, Loren Bass, Olivia Luccardi, Lili Sepe, Maika Monroe, Jake Weary e Daniel Zovatto
Jay e sua irmã Kelly estão aproveitando o outono com os amigos, e Jay inclusive perdeu a virgindade com o namorado Hugh. O problema é a sensação de que está sendo seguida por algo, e conforme a sensação se torna mais real, Jay e o povão descobre que ela tá atraindo algo maligno, do mau e malvado, sem o menor motivo.
De onde caralhos alguém tirou uma corrente? Minha gente, não é assim que se traduz as coisas, por favor.

Que Horas Ela Volta?
Com: Regina Casé, Karine Teles, Lourenço Mutarelli, Michel Joelsas, Camila Márdila, Luís Miranda e Theo Werneck
Val saiu de Pernambuco pra tentar dar uma vida melhor pra sua filha Jéssica em São Paulo, deixando a menina pra trás, no interior do estado. Treze anos depois, o menino do qual Val é babá cresceu e vai prestar vestibular, o qual Jéssica também irá. Os patrões de Val recebem a menina sem grandes problemas, até o momento que ela mostra que não tá ali pra ser criada, ai a coisa enrosca.
Os que tem dinheiro vão achar que Jéssica tá errada em abusar da hospitalidade alheia. Os que não tem vão se ver no favor com expectativa. Qual lado tá certo? O que não é um pau no cu.

Dior e Eu (Dior and I)
Com: Grace Coddington, Marion Cotillard, Isabelle Huppert, Marc Jacobs, Jennifer Lawrence, Pieter Mulier, Raf Simons e Sharon Stone
Histórias de bastidores da primeira coleção do estilista Raf Simon para a marca Dior, ou seja, é uma baita propaganda enrustida, e tem quem vá pagar pra ver.
Documentário pra quem se interessa por uma marca que cobra sei lá quantos mil reais por um pedaço de pano meio torto. Tou fora.

Leia mais em: , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito