Estreias da Semana – 21/07/2016

Cinema quinta-feira, 21 de julho de 2016

A Lenda de Tarzan (The Legend of Tarzan)
Com: Margot Robbie, Christoph Waltz, Samuel L. Jackson, Alexander Skarsgård, Casper Crump, John Hurt, Djimon Hounsou e Ella Purnell
Tarzan deixou de ser Tarzan quando se casou com Jane e foi morar em Londres. Mas quando ele é chamado de volta ao Congo como emissário do Parlamento, não consegue recusar. E é tudo um plano do Coringa capitão Rom, que acaba despertando algo a muito adormecido no Lord Greystoke [Esse é o nome que o Tarzan adotou, caralho].
Eu ACHO que o hype desse filme é mais pela presença da Margot Robbie que qualquer outra coisa, mas só acho.

Dois Caras Legais (The Nice Guys)
Com: Ryan Gosling, Russell Crowe, Ty Simpkins, Matt Bomer, Kim Basinger, Yaya DaCosta e Keith David
Los Angeles, década de 70. Filha de uma funcionária do Departamento de Justiça americano, Amelia é sequestrada. Sua mãe contrata Jackson Healy, um detetive particular violento e alcoólatra em recuperação. Por algum motivo que não faz o menor sentido [Talvez os belos olhos], ele vai investigar junto com Holland March, e ambos descobrem que, além de ter a ver com a morte de uma atriz pornô, tudo revolve em torno de uma conspiração muito louca que só faz sentido nos anos 70.
Na verdade todo esse filme foi só uma desculpa pra botar um pornstache no Ryan Gosling.

Chocolate (Chocolat)
Com: Omar Sy, James Thiérrée e Thibault de Montalembert
Rafael Padilha, nascido em Cuba em pleno 1868, foi vendido como escravo ainda criança. Depois de um tempo, conseguiu fugir, mas foi encontrado nas docas. Por um palhaço. Calma, não é um filme de terror. O palhaço botou o moleque pra trabalhar no picadeiro, e logo o jovem mancebo ficou conhecido como Chocolat, o primeiro artista circense negro da França, grande sucesso do final do século XIX, quando não existia internet nem luta pelos direitos das minorias.
Eu devia reclamar por ser cinema francês, mas olha esse pôster. Não dá pra falar nada.

Entre Idas e Vindas
Com: Alice Braga, Ingrid Guimarães, Fábio Assunção, Rosanne Mulholland, Carol Abras e João Assunção
Quatro amigas, funcionárias de uma empresa de telemarketing, arrumam sabe-se lá onde um motorhome pra viajagem pelo litoral sul de São Paulo, aquela coisa feia. Ao mesmo tempo, porém em direção oposta, pai e filho tentam chegar à capital do estado num Lada todo fodido. Afonso, o pai, está levando Benedito, o filho, pra encontrar a mãe, que o moleque não vê tem seis anos, já que a mesma ganhou uma bolsa de estudos e se escafedeu pra Paris. E é ai que as histórias de Amanda, Sandra, Cillie, Krisse, Afonso e Benedito se cruzam, e o que era pra ser uma carona acaba se transformando em uma viagem de transformações.
Transformações, não transformismo. Vê se tira essas paradas da sua cabeça, seu maluco.

Life – Um Retrato de James Dean (Life)
Com: Robert Pattinson, Peter Lucas, Lauren Gallagher, Kendal Rae, Drew Leger, Dane DeHaan e Joel Edgerton
Dennis Stock era um fotojornalista da revista Life, na época de ouro dos fotojornalistas [?], a década de 50. Ele conheceu James Dean depois que as filmagens de Vidas Amargas se encerraram, e fizeram um ensaio em Nova Iorque que ajudou a imortalizar a lenda do ator/galã. Mas ao contrário do que o nome possa indicar, o filme trata mais da criação do mito do que da pessoa propriamente dita de James Dean, e também do papel de Stock nesse processo.
Eu leio esse “Pattinson é espetacular” no pôster e não sei o que dizer, só sentir.

Mãe Só Há Uma
Com: Naomi Nero, Daniel Botelho, Daniela Nefussi, Matheus Nachtergaele, Lais Dias e Luciana Paes
Após sua mãe ser presa por sequestro de bebês em maternidades, uma adolescente vai atrás de sua mãe real, e acaba sendo forçada a trocar de casa, de escola, de mãe e de vida, e pense num esquema que desgraça a cabeça de qualquer um, ainda mais de uma adolescente boboca, como todos são.
Esse é o sonho de “trocar de família” de todo adolescente se tornando um pesadelo. Ou ao menos é o que eu imagino, já que não faço ideia do que o filme quer dizer.

Leia mais em: , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito