Estreias da Semana – 18/02/2016

Cinema quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Boneco do Mal (The Boy)
Com: Lauren Cohan, Rupert Evans, Ben Robson, Jim Norton, Diana Hardcastle, Jett Klyne e James Russell
Greta aceita o trabalho de babá em uma vila remota no fim do mundo da Inglaterra, mas descobre que a família na verdade quer que ela cuide de um boneco feio pra caralho como se ele fosse um garoto de verdade. Ai ela descobre que o filho do casal morreu vinte anos atrás, já que ela é burra pra caralho como todo personagem de filme de terror e não seguiu a lista de regras que os velhotes deixaram pra ela, e o boneco começou a tocar o terror na mansão.
Eu não sei vocês, mas eu tacaria fogo nesse boneco assim que os tios virassem as costas. Mas provavelmente não iria adiantar.

Horas Decisivas (The Finest Hours)
Com: Chris Pine, Casey Affleck, Ben Foster, Eric Bana, Holliday Grainger e John Ortiz
1952, mar da Nova Inglaterra. Uma tempestade gigantesca tá rodando mais que o peão da casa própria, e rasga dois petroleiros ao meio. Em uma missão de resgate, o engenheiro Ray Sybert e sua equipe vão tentar resgatar as tripulações, que ficaram presas nas metades dos barcos, mas ele logo descobre que não consegue salvar todo mundo.
O trailer focou muito mais na esposa/noiva/foda-se do cara, que ficou em terra, enchendo o saco da equipe, o que só pode ser um mau sinal.

13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi (13 Hours: The Secret Soldiers of Benghazi)
Com: John Krasinski, Pablo Schreiber, David Giuntoli, Toby Stephens, Max Martini, Freddie Stroma, David Denman e James Badge Dale
Baseado num livro que conta a história do ataque terrorista à uma base americana na cidade de Benghazi, na Líbia, no aniversário de onze anos do 11 de setembro, que culminou na morte do embaixador J. Christopher Stevens.
Olha, eu acho, assim, bem de leve, que é só mais um filme pra massagear o ego ferido dos yankees.

O Lobo do Deserto (Theeb)
Com: Jacir Eid, Hassan Mutlag, Hussein Salameh, Marji Audeh e Jack Fox
Theeb mora em um dos rincões do império Otomano, em meio à primeira guerra mundial [1916], com o irmão Hussein, já que o pai morreu não faz muito tempo. Apesar das tentativas de seu irmão de educá-lo, Theeb só quer saber de causar no rolê, como toda criança. Mas ai uns milicos ingleses chegam e levam seu irmão pra dar uma volta no deserto, e Theeb vai atrás, tendo que aprender a ser gente a força no processo.
Indicado a melhor filme estrangeiro no Oscar, é sinal de que ou é muito bom, ou é muito ruim. Façam suas apostas.

O Quarto de Jack (Room)
Com: Brie Larson, Jacob Tremblay, Sean Bridgers, Wendy Crewson, Sandy McMaster, Matt Gordon e Amanda Brugel
Jack tem cinco anos, e é criado pela mãe, como toda criança nessa idade. Mas o que não é toda criança que passa é viver num espaço de 10m² com um adulto. E a despeito de todo o cuidado e dedicação de Ma, sua mãe, ele começa a questionar sobre a situação em que vive, o que leva sua mãe a planejar uma fuga.
A grande pergunta é: Por que caralhos eles estão nesse espaço minúsculo?

Leia mais em: , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito