Destaques da Semana em DVD – 15 à 19/12

Cinema sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

escafandro O Escafandro e a Borboleta: Um dos melhores filmes do ano, uma tragédia real que nas mãos do diretor Julian Schnabel virou um triste, porém belo, filme. Na trama, Jean-Dominic Bauby era o poderoso editor da revista Elle francesa, um homem que estava sempre cercado por luxo, sofisticação e belas mulheres, e que de uma hora para outra, após sofrer um derrame cerebral, se viu completamente limitado à ficar sentado em uma cadeira e só podendo se comunicar com o piscar de olhos, já que o resto de seu corpo ficou completamente inválido. Assim, nessa condição quase vegetativa, ele se superou e foi capaz de ditar um livro inteiro, que são as suas memórias, somente usando os olhos.

hellboy2 Hellboy 2 – O Exército Dourado: Numa temporada que se falou quase que exclusivamente de Batman e Homem de Ferro, poucos perceberam esta nova aventura de (novo mestre do cinema fantasia) Guillermo Del Toro. Assim como no filme anterior, o trabalho estético de criação do universo do personagem de Hellboy continua enchendo os olhos, a única ressalva neste filme é seu tom um pouco romântico em demasia. Nessa segunda aventura do anti-herói Hellboy, o reino dos seres fantásticos está em plena guerra contra a humanidade. O Príncipe Nuala (Luke Goss) é quem comanda seu exército dourado formado por criaturas rebeldes para vencer a batalha, mas Hellboy (Ron Perlman) e seus aliados fazem de tudo para defender o planeta. Confira a crítica.

entardecer Ao Entardecer: Mesmo não sendo muito divulgado por aqui, não faltam motivos para assistir este drama familiar, pelo menos, no que se refere ao elenco: Claire Danes, Meryl Streep, Glenn Close, Toni Collette, Vanessa Redgrave, Natasha Richardson, Patrick Wilson, entre outros. Uma viagem emocional sobre um amor eterno e o profundo laço entre mãe e filha, a trama reúne gerações de mulheres em um conto vivido em dois momentos, a juventude de duas grandes amigas, e seu reencontro nos dias de hoje, ao lado das filhas já crescidas.

violenciaViolência Gratuita:O filme é uma refilmagem exata (com exceção do elenco, agora, americano), quadro a quadro, do original criado pelo mesmo diretor da nova versão, Michael Haneke. O primeiro filme, lançado em 1997 e rodado na França, já havia chocado platéias por onde passou e, mesmo assim, conquistou diversos prêmios, incluindo a Palma de Ouro em Cannes. Desde os créditos iniciais é possível perceber que não se trata de mais uma daquelas fitas hollywoodianas de terror. O clima do filme deixa quem o assiste tenso e sem saber o que esperar da dupla de maníacos que protagoniza o espetáculo de horror. Na trama, uma família, composta por um casal de meia idade e seu filho pré-adolescente, chega para passar alguns dias tranqüilos em sua casa perto do lago. Tudo parece normal até que eles recebem a visita de um jovem, que, a mando de uma amiga da família, aparece para buscar alguns ovos, acompanhado de seu amigo. Muito educados, os jovens iniciam um processo de tortura psicológica com a dona da casa e tudo termina com muita violência. Confira a crítica.

nossavida Nossa Vida Sem Grace: O bacana ator John Cusack continua sua saga de ser um bom pai nos cinemas depois do recente filme Ensinando a Viver. Aqui, ele é um pai que perde o rumo na vida quando sua mulher é morta em serviço no Iraque. Sem forças para contar o ocorrido para as filhas, ele as leva em uma viagem até um parque de diversões. Sabendo que a diversão não pode durar pra sempre, ele luta para encontrar as palavras que vão mudar as vidas de suas filhas.

revolver Revolver: Para quem se perguntava por onde andava este filme perdido de Guy Ritchie (ex-Madonna, diretor de Jogos, Trapaças e Dois Canos Fumegantes e, do recente, RocknRolla), aqui está ele. Repetindo o subgênero que Ritchie tanto gosta: contar movimentadas histórias sobre os criminosos do submundo londrino. Na trama, um apostador que ficou sete anos preso finalmente sai da cadeia e está pronto para se vingar do malvado dono de um cassino que o colocou na prisão, porém, em seu caminho, irão se impor mais problemas do que ele poderia imaginar. Com Jason Stathan e Ray Liotta no elenco.

Antecipando o único lançamento previsto para depois desta semana, oficialmente, 29/12:

trovao Trovão Tropical: Comédia dirigida e protagonizada por Ben Stiller (Quem Vai Ficar Com Mary?), ao lado de Robert Downey Jr. (O Homem de Ferro) e Jack Black (Escola de Rock) que foi sucesso entre público e crítica, e que também causou polêmica por suas piadas politicamente incorretas. Conta a divertida história de um diretor que começa a ter problemas para rodar seu filme de guerra, já que o orçamento é cortado. Não querendo desistir de maneira alguma, ele pega seus atores e os leva para o meio da selva asiática, onde eles ficam completamente isolados, tudo para terminar as filmagens e dar mais realismo à produção. Chegando ali, eles se deparam com um bando de traficantes de drogas que os confundem com agentes do departamento antidrogas norte-americano. Daí a confusão e o cenário para uma série de boas piadas está montado. O filme ganhou  um destaque extra nestas últimas semanas, pois Robert Downey Jr. tem sido lembrado em premiações na categoria de Ator Coadjuvante por este filme.

Leia mais em: , , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito