Destaques da Semana em DVD – 12 á 16/05

Cinema sexta-feira, 16 de Maio de 2008

Eu Sou a Lenda: Bom suspense com toques de ficção sobre o isolamento de um homem. Apesar do tom “final feliz” do final e dos mutantes digitais, o filme possui o mérito de ter um roteiro enxuto e o carisma de Will Smith. Na trama, um terrível vírus incurável, criado pelo homem, dizimou a população de Nova York. Robert Neville (Will Smith) é um cientista brilhante que, sem saber como, tornou-se imune ao vírus. Há 3 anos ele percorre a cidade enviando mensagens de rádio, na esperança de encontrar algum sobrevivente. Robert é sempre acompanhado por vítimas mutantes do vírus, que aguardam o momento certo para atacá-lo. Paralelamente ele realiza testes com seu próprio sangue, buscando encontrar um meio de reverter os efeitos do vírus. Confira a crítica.

PS – Eu Te Amo: Programa para a mulherada que gosta de assistir filmes acompanhada de lencinhos, este romance sobre a perda do amado traz Hillary Swank (adepta de papéis femininos masculinizados) num personagem único em sua carreira, mulher romântica e ainda num filme contemporâneo. Na trama, Holly Kennedy (Hilary Swank) é uma jovem bonita, feliz e realizada. Casou-se com o homem de sua vida, o divertido e apaixonado Gerry (Gerard Butler). Mas ele fica doente e morre, deixando Holly em estado de choque. Antes de falecer, Gerry deixa para a esposa uma série de cartas. Mensagens que surgem de forma surpreendente, sempre assinadas da mesma forma: “P.S. I Love You”. A mãe de Holly (Kathy Bates) e as melhores amigas dela, Sharon (Gina Gershom) e Denise (Lisa Kundrow), estão preocupadas porque as cartas mantém a jovem presa ao passado. Mas o fato é que as cartas estão ajudando a aliviar sua dor e guiá-la a uma nova vida.

Southland Tales – O Fim do Mundo: Finalmente chegou o momento de conferir o projeto de Richard Kelly após o sucesso avassalador do cult Donnie Darko. Em virtude das críticas negativas o longa acabou ficando inédito nos cinemas por aqui. Na trama, mais bizarra impossível, Los Angeles, 4 de junho de 2008: Presenciando uma cidade á beira de um colapso social, econômico e ambiental, o boxeador Santaros (The Rock) é um astro de filmes de ação com amnésia. Ele conhece Krysta Now (Sarah Michelle Gellar), uma atriz de filmes adultos que está desenvolvendo seu próprio projeto de reality show, e um policial que guarda a chave do segredo de uma conspiração.

O Resgate de um Campeão: Inédito nos cinemas, este drama sobre um ex-campeão de boxe chama a atenção pelo elenco reconhecido com nomes como Samuel L. Jackson, Josh Hartnett e Kathryn Morris (da série Cold Case). Na trama, quando o repórter esportivo Erick (Josh Hartnett, de Pearl Harbor) acaba salvando um sem-teto, ele acredita que na verdade o homem é o famoso ex-campeão de boxe Champ (Samuel L. Jackson, de Serpentes A Bordo), uma lenda do esporte. Assim, o rapaz enxerga no fato a oportunidade de uma grande matéria contando a história da vida do esportista. Isso acaba tendo conseqüências pessoais na vida do repórter, analisando a sua própria existência e sua relação com seus familiares.

Os Seis Signos da Luz: Literalmente, um subproduto do sucesso da franquia Harry Potter. Baseado numa obra juvenil (que obviamente possui outros volumes), foi um fracasso de crítica e público e, pior, o filme é mesmo muito ruim. Na trama, Will Stanton (Alexander Ludwig) tem sua vida totalmente mudada ás vésperas de completar 14 anos. Recém vindo dos EUA para a Europa, o garoto começa a ter alucinações com corvos e uma percepção distorcida da realidade. Sétimo filho de uma família enorme, Alex aprende, pelas mãos de seus vizinhos, que o céu cairá – literalmente – sobre sua cabeça e a de todo o planeta, caso ele – O Escolhido – não consiga recuperar os seis Signos da Luz, objetos mágicos que devolverão o equilíbrio ao universo e derrotarão o mal, personificado no Cavaleiro (Christopher Ecclestone), vilão que tem também um alter ego para o mundo humano – o médico da cidadezinha inglesa. Assistido pelo grupo liderado por seus vizinhos milionários – mais conhecidos como Os Anciões – Will é transportado por várias épocas da História para buscar os Signos, que aparecem a ele de modo transcendental. Cabe ao Cavaleiro correr atrás do tempo, dos objetos e de Will, que, na qualidade de Buscador, sempre está um passo a frente de seu inimigo, que planta aliados do mal em meio a seus amigos para suprir a desvantagem.

Leia mais em: , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito