Destaques da Semana em DVD – 08 à 12/12

Cinema sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Batman – O Cavaleiro das Trevas: Não precisa de maiores comentários o MAIOR sucesso da temporada, um blockbuster que conseguiu a façanha – rara – de unir em cena entretenimento com um roteiro e elenco de qualidade. O filme estourou em todo mundo, imortalizou o jovem ator falecido Heath Ledger como Coringa (com certeza, presença garantida no Oscar) e pode estar presente na noite do Oscar em diversas categorias fora as técnicas, um verdadeito feito. Na trama, dois anos depois, com a presença de Batman (Christian Bale) para defender os moradores de Gotham City, os criminosos têm muito o que temer. O Homem-Morcego, com a ajuda do tenente Jim Gordon (Gary Oldman) e do promotor público Harvey Dent (Aaron Eckhart), lutará contra o crime organizado, comandado por seu arquiinimigo, o Coringa (Heath Ledger). Confira a crítica BABA-OVO ou a crítica PÉ NO CHÃO.

Mamma Mia!: Mais uma prova da boa fase dos musicais – o retorno – americanos. Aqui, Meryl Streep mostra suas outras qualidades que não somente dramáticas, canta, ri e parece se divertir muito, assim como todo elenco (muito bom, diga-se de passagem) ao som das mais bregas musicas do ABBA, sim você deve conhecer a maioria delas independente da idade. Na trama, Sophie (Amanda Seyfried) cresceu numa pequena e paradisíaca ilha na Grécia, mas sua mãe, Donna (Meryl Streep), nunca lhe revelou quem poderia ser seu pai. Quando ela encontra seu diário de 20 anos atrás, tem três suspeitas e resolve convidar o trio para comparecer a seu casamento com Sky (Dominic Cooper), certa de que seus instintos revelariam qual deles é seu pai. Mas a única coisa que a jovem noiva consegue é armar uma grande confusão com a chegada de Bill Anderson (Stellan Skarsgård), Sam Carmichael (Pierce Brosnan) e Harry Bright (Colin Firth).

Cinturão Vermelho: O que pode resultar a união de um roteirista/diretor/dramaturgo com a temática de jiu-jitsu mais a participação de diversos atores brasileiros (Alice Braga e Rodrigo Santoro) num filme americano, o resultado apesar de um pouco estranho reflete o cinema maduro e reflexivo de David Mamet (O Assalto). Na trama, Mike Terry (Chiwetel Ejiofor) é proprietário de uma academia de jiu-jitsu em Los Angeles, onde também dá aulas, é casado com a brasileira Sondra (Alice Braga), que se mudou aos EUA com seus irmãos, o empresário Bruno (Rodrigo Santoro) e o lutador de jiu-jitsu Ricardo (John Machado, também brasileiro). Um incidente com a advogada emocionalmente descontrolada Laura (Emily Mortimer) dá início a uma série de eventos trágicos na vida do protagonista.

O Diário dos Mortos: Depois do lançamentos de Cloverfield e do espanhol Rec, chegou a vez do mestre do cinema zumbi, George Romero, adaptar seu cinema a este novo estilo de narrativa. Inédito nos cinemas brasileiros, o longa acompanha um grupo de estudantes de cinema que passam a registrar com suas câmeras uma invasão de zumbis. Ao mesmo tempo, também acompanham pela internet como a situação aterroriza o planeta. Um deles fica especialmente obcecado com o registro, colocando em perigo sua vida para registrar o acontecimento.

Mulheres – O Sexo Forte: Filme que passou em branco nos cinemas brazucas e americanos, com muitas críticas negativas, apesar do excelente elenco feminino reunido (Meg Ryan, Eva Mendes, Jada Pinkett Smith, Annette Bening, Carrie Fisher, Debra Messing, Candice Bergen, Bette Midler). Refilmagem de As Mulheres (1939) que acompanha o dia-a-dia de quatro amigas, cada uma representando estereotipo da mulher moderna: Mary Haines (Meg Ryan), Sylvia Fowler (Annette Bening), Alex Fisher (Jada Pinkett Smith) e Edie Cohen (Debra Messing). Mesmo tão diferentes, elas se dão bem pela amizade e pelo carinho que sentem uma pela outra. Desta forma, elas se ajudam a superar as mazelas que a vida impõe. Confira a crítica.

Reflexos da Inocência: Entre um filme do 007 e outro, Daniel Craig utiliza seu tempo vago para projetos mais pessoais e intimista, mostrando seu talento também para o drama. Mesmo passando em branco nos cinemas, o filme teve uma boa receptividade junto à crítica, na trama, O astro de Hollywood Joe Scott (Daniel Craig) está envelhecendo. Sua vida narcisista e hedonista é acompanhada de perto por sua assistente pessoal, Ophelia (Eve). A morte do melhor amigo de infância de Scott leva o filme a uma nova direção, baseada nas memórias do protagonista. Confira a crítica.

Leia mais em: , , , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

  • Red

    essa semana tá legal.

    só nao verei o 2° e o ultimo

busca

confira

quem?

baconfrito