Desenho é coisa de criança?

Televisão quarta-feira, 04 de fevereiro de 2009

Com certeza você já foi indagado pela sua mãe/esposa/namorada/concubino/etc que desenho é coisa de criança.

Aposto que, enquanto você se mijava de rir com as bobagens do Bob Esponja, alguém lhe recriminou falando que o desenho era coisa de boiola.

Não, não estou afirmando que você é boiola – não precisamos discutir isso, pois você é – ou que sofre com a Síndrome de Peter Pan, simplesmente há um preconceito que todo mundo sofreu – ou ainda sofre – por gostar de algo que é predominantemente infantil, assim como HQs, figuras de ação ou ler Harry Potter e gostar de animes e mangás.

Ok, gostar de animes e mangás é demais, vide como é o povo do Sake (tem acento?) com Sal.

Enfim, voltando ao assunto, atualmente, a indústria da animação movimenta 550 bilhões de dólares.

Respira.

Isso mesmo, U$ 550.000.000.000 de verdinhas. Ou algo como R$1.265.000.000.000.

  O Théo trocou sua lancheira do Tarzan por esta, mais cool.

Sim, mais de um trilhão de reais gastos – equivalente a 10% do orçamento com strippers da OLOLCO Corp. – com coisa para “criança”, como diz seu amigo retardado que reclama que você não sai mais porque prefere ficar assistindo Family Guy.

Segundo a pesquisa que realizei, U$ 50 bilhões são arrecadados com a venda de espaços publicitários, enquanto os outros U$ 500 bilhões vêm do licenciamento de produtos, como mochilas, cadernos, games, brinquedos e o que mais você puder imaginar.

   – Quem disse que desenho é coisa para criança?

Enquanto escrevo estas linhas, Ben 10 está arrecadando porrilhões com a venda de cadernos para crianças sem futuro, já que quem gosta de Ben 10 provavelmente não terá futuro algum.

Enfim, você pode achar que desenho é coisa de criança ou se revoltar enquanto os criadores andam de BMWs e você de Marcopolo (ou Caio, depende da cidade).

Mas a realidade que há muito mais por trás disso, vide que Matt Groening – criador dos Os Simpsons – é uma das pessoas mais influentes dos EUA e existem diversos canais específicos para isso. Sendo quatro no Brasil.

  Bom exemplo de desenho para crianças e tangas.

Para encerrar, largue de ser preconceituoso e ria das maluquices dos Padrinhos Mágicos, Homer, Puro Osso e Família Griffin ou fique na sua e vá curtir Naruto ou o noticiário econômico.

Em 10 anos, se você não morrer, você entenderá a história. Ou a crise.

Questão de escolha.

Leia mais em: , , , ,

Antes de comentar, tenha em mente que...

...os comentários são de responsabilidade de seus autores, e o Bacon Frito não se responsabiliza por nenhum deles. Se fode ae.

busca

confira

quem?

baconfrito